Seguidores

SE VOCÊ COMPARTILHAR ALGUMA MENSAGEM DESTE BLOG, FAVOR REPRODUZI-LA EM SUA INTEGRALIDADE, CITANDO A FONTE OU INDICANDO O LINK DA MESMA.

5 de mai de 2013

Mensagem de Amor Terra-Mãe - Melquisedeque - 5 de maio de 2012

Mensagem de Amor para o final


Terra-Mãe, Philippe de Lyon, unidos aos Melquisedeques, à Mãe Divina e ao coração cristalino da Fonte.

Saudações, irmãos e irmãs, irmãos e irmãs tão amados.
Nós somos os Melquisedeques da Terra, unidos aos quatro elementos que vocês chamam «Cavaleiros» e unidos na Terra-Mãe, no coração cristalino de Gaia.
Nós viemos a vocês, hoje, para transmitir uma mensagem, uma mensagem de Amor e de Paz para seu coração, para cada um de vocês e conformemente ao que se desenrola, nesse momento, em vocês, e, seus corpos, em relação com os quatro elementos e com sua terra interior, se podemos dizer assim.

Nós estamos felizes por esse encontro e esse contato com esse canal.
Obrigado a vocês por seu acolhimento.

Bem, sou eu, Philippe de Lyon que vou, primeiro, começar.
Saudações plenas de Amor de um irmão, mas, também, de vocês mesmos, Cristo.
Estou aqui com muita alegria, para dirigir-lhes essas palavras hoje, e para render-lhes Graças, igualmente.

Vocês estão, aí, em uma fluidez total dessa Ascensão que se desenrola, nesse momento, na maior perfeição.
E nós estamos felizes pelo que vocês vivem e o que nós vivemos, juntos, hoje.
Tudo está perfeito.
Os quatro elementos em vocês, e eu falarei, notadamente, do elemento Terra, de que sou o guardião, estão se unificando, inteiramente, em vocês, em seu corpo, seu corpo de terceira dimensão.
Há, aí, uma alquimia que chega ao seu apogeu, eu diria, e nós estamos infinitamente felizes por isso.

Nós, os guardiões da Terra, Melquisedeques da Terra, estamos em estreita comunicação com os guardiões do cristal, do coração de Gaia Terra-Mãe.

... (silêncio – comunhão)…

Eu lhes rendo Graças, irmãos e irmãs.
Nós comungamos, nesses instantes, no Silêncio.
Sejam agradecidos, porque o vôo da Terra desenrola-se à maravilha, graças a todo o trabalho efetuado, graças à nossa unificação no Coração e na Unidade, assim como com todos os Melquisedeques, a Terra-Mãe e todos os quatro elementos reunidos em vocês, na totalidade.

Então estejam, mais do que nunca, abertos a tudo o que vem, abertos, receptivos, à escuta e centrados em seu coração, no Coração cristalino da Fonte-Mãe, mas, igualmente, no Coração de sua Terra, porque vocês formam apenas UM.

Juntos, vocês tomam sua ascensão, seu vôo gracioso.
Se vocês soubessem como são belos a contemplar!
Esse Vôo é maravilhoso.
A Nova Terra já está aí, alguns a vivem, já, em outros planos, nós diríamos, e nós lhes rendemos Graças por isso, por esses preparativos.

(silêncio)

Eu sou sua Mãe, sua Mãe-Terra, que vem dirigir-lhes algumas palavras, unida à Graça de nossa Mãe Divina e unida aos Melquisedeques, unida ao cristal de seu Coração, em cada um de vocês.
E eu venho, neste dia, render-lhes Graças, vocês, que estão em meu seio, bem amados filhos, vocês, que fazem parte de mim, desse corpo, esse corpo de ilusão, mas, ao mesmo tempo, desse coração de Amor que voa na Unidade de nosso Amor.

Eu os seguro em meus braços, bem amados filhos, meus filhos queridos.
Eu os embalo, eu os porto, como vocês me portam em seu coração, em seu corpo.

Sejam abençoados, sejam agradecidos por todo esse trabalho efetuado porque, enfim, tudo está consumado.
Tudo está consumado, então, estejam na leveza, mais do que nunca.
Religuem-se a mim, a cada vez que vocês sintam isso.
Aproximem-se da natureza, dos elementos, tal como vocês o sentem, seja passeando, seja acariciando um animal «doméstico», como vocês dizem.
Tudo isso pode aproximar-nos mais, queridos filhos.
Não dê caso de tudo o que eu vivo ao nível «exterior», se posso dizer, porque tudo está perfeito.
O que vocês veem aí é apenas o reflexo de uma grande mudança interior, uma mudança comum que nós vivemos, nesse momento.

Não sejam, portanto, limitados por tudo o que vocês veem, o que poderão ver com seus olhos humanos, porque isso não é a Verdade.
Porque eu sou vocês e, para além desse plano que vocês percebem como real, eu já nasci.
Desde sempre eu estou aí, em vocês, nós estamos aí e, juntos, realizamos maravilhas, criamos o que vocês chamam uma Nova Terra, que acolhe, já, em outros planos, tantos e tantos seres.
E alguns sabem, já, eu sei, que, nesse novo espaço, no qual numerosos de vocês se reagruparão, tantos e tantos seres, de todos os horizontes, juntar-se-ão, virão visitar essa Nova Terra, esse novo espaço de Unidade, de Comunhão e de Amor, na maior Paz, na Liberdade a mais total, e eu estou tão feliz com isso!

Juntos, nós somos Livres, queridos filhos, nós somos UM e, desde sempre, nós somos Liberdade, Liberdade.
Isso não pode ser de outro modo, vocês veem?

Então quero dizer, queridos filhos, que eu os espero, eu lhes estendo os braços, bem amados.
Todos os preparativos estão aí para vocês, para acolher todos aqueles que desejam continuar nesse novo espaço, nessa Nova Terra, uma Terra unificada, como jamais vocês conheceram.

Quanta alegria, quanta alegria, meus filhos de Amor!
Então, algumas palavras para aqueles que duvidam ou aqueles que têm tendência a deixar-se ir: mantenham esperança, queridos filhos, não escutem esse mental que lhes mente, porque tudo está perfeito, vocês já estão em meu seio, vocês já estão no coração da Nova Terra, vocês veem?

Então, não tenham medo, não olhem mais as mentiras, vejam apenas a Verdade que se encontra em seu Coração, porque vocês são Verdade, nós somos Verdade, nada há além dela, nada que não Ela.

Meus filhos, eu os embalo em meus braços.
Como eu poderia abandoná-los?
Como eu poderia deixá-los em um mundo de ilusão?
Vocês estão em meu Coração e eu os porto como tantos e tantos de meus filhos queridos portam-me.
Eu os amo, eu os amo e quero-os.
E eu lhes rendo Graças...
E é todos juntos, unidos no Coração da Fonte, dessa Unidade que nós somos, que nós lhes formulamos todos os nossos votos, todos os nossos desejos para esse Renascimento que nós tivemos, todos juntos, nesses instantes abençoados.

Nós chegamos ao termo desse mundo falsificado, desse mundo maluco.
Estejam confiantes na Luz e abram, abram seu Coração de criança.
E sejamos UM, juntos, mão na mão, eu diria, coração no Coração unificado da Fonte.

O mais belo está para Viver.
Tantas maravilhas esperam-nos nesse novo mundo, tanta Alegria, tanta Felicidade!
Então, estejam prontos para Viver isso, unidos ao meu coração de Mãe.
Eu os amo, bem amados.
Nós somos um único corpo e um único Coração.

Então, juntos, voemos e vivamos esse final, na maior Alegria, na maior Suavidade e na maior Leveza, porque é o que nós escolhemos.
Comunguemos, se quiserem, alguns instantes, de coração a coração, nessa Unidade que nós somos, bem amados.

(silêncio – comunhão)

Graça… 
Graça e Amor…
Eu os cerco com mil beijos estrelas, eu, sua Divina Mãe, unida à Mãe-Terra, porque nós somos apenas UMA.
As Estrelas juntam-se a mim, é claro, para aconchegá-los, cobri-los nesse Manto Azul da Graça.

Que a Paz instale-se em cada coração.
Graça infinita...
Paz e Leveza a cada um para esses tempos, para esse fim que não é um fim.

Eu lhes agradeço, de meu coração de Mãe e de Irmã, e cerco-os com todo o meu Amor.
Até sempre, queridos filhos.
Mil beijos de nós todos, que estamos em vocês.

Então, percebam isso, esse «nós em vocês» e, juntos, sejamos UM, não sejamos mais do que um único Coração de Amor, novamente e para sempre.

Eu os amo, carinhosamente, e eu lhes agradeço.
Até muito em breve e até sempre.
________________
Mensagem canalizada por: Séverine Authier
Site web (Séverine Authier):  http://www.severine-authier.fr/ 


Um comentário:

  1. Nós estamos felizes por esse encontro e esse contato com esse canal. Obrigado a vocês por seu acolhimento. [Melquisedeques da Terra]

    Os quatro elementos em vocês, e eu falarei, notadamente, do elemento Terra, de que sou o guardião, estão se unificando, inteiramente, em vocês, em seu corpo, seu corpo de terceira dimensão. Há, aí, uma alquimia que chega ao seu apogeu, eu diria, e nós estamos infinitamente felizes por isso. [Philippe de Lyon]

    Não dê caso de tudo o que eu vivo ao nível «exterior», se posso dizer, porque tudo está perfeito. O que vocês veem aí é apenas o reflexo de uma grande mudança interior, uma mudança comum que nós vivemos, nesse momento. Nós chegamos ao termo desse mundo falsificado, desse mundo maluco. Então, juntos, voemos e vivamos esse final, na maior Alegria, na maior Suavidade e na maior Leveza, porque é o que nós escolhemos. [Mãe Terra]

    Eu os cerco com mil beijos estrelas, eu, sua Divina Mãe, unida à Mãe-Terra, porque nós somos apenas UMA. As Estrelas juntam-se a mim, é claro, para aconchegá-los, cobri-los nesse Manto Azul da Graça. [Maria]

    ResponderExcluir