Seguidores

SE VOCÊ COMPARTILHAR ALGUMA MENSAGEM DESTE BLOG, FAVOR REPRODUZI-LA EM SUA INTEGRALIDADE, CITANDO A FONTE OU INDICANDO O LINK DA MESMA.

25 de set de 2010

ANAEL – 25 de setembro de 2010

DO SITE AUTRES DIMENSIONS

Áudio da Mensagem em Francês

Link para download: clique aqui


Bem Amados Filhos da Luz e Sementes de Estrelas, eu sou Anael, Arcanjo.
Recebam Bênção, Graça, Paz e Alegria.

Juntos, vamos, se querem, percorrer espaços de Vibração e de palavras, em ressonância com o que, atualmente, uns e outros, conscientes ou inconscientes, vivem sobre esta Terra.

A época atual que vocês vivem, onde o tempo é descontado, onde os tempos são reduzidos e onde o tempo os faz viver a saída do tempo linear, temporal e espacial, os faz viver certo número de transmutações ou de transformações, permitindo-lhes, se tal é sua Vibração, aproximar-se de sua Unidade, de sua Verdade, aquela que lhes é atribuída por vocês mesmos.

Bem Amadas Sementes de Estrelas, durante este período em que se estabelece, em vocês, a Coroa da cabeça e a Coroa do Coração, nesses instantes que vocês vivem e percebem, em tenho a evocar diante de vocês certo número de palavras e de Vibrações.

A época que se abre assinala o final de sua separação, o final de sua divisão, em vocês, como no exterior de vocês.

A Luz vem restabelecer a Verdade e a Unidade, a sua, antes de tudo, aquela de sua Liberdade, de sua autonomia, de sua soberania e de sua independência, como Ser total, Unitário e Unificado, Filho da Lei de Um, Fonte da Fonte e Fonte, você mesmo.

A realidade Vibratória de suas experiências de consciência o conduz, progressivamente, durante esses tempos descontados, a se aproximar sempre mais de sua Verdade.

A Consciência é Vibração, nós frequentemente o dissemos e repetimos.

A Consciência que se expande e que toca os domínios inusitados do Espírito revela, nela, o que ela é.

Ela recepta também, nela, a totalidade das tonalidades da Luz Vibral, manifestada hoje pelas Vibrações presentes nesta estrutura física que é seu corpo, traduzindo o despertar da Vibração.

Os 12 Elohim, criadores de Atlântida, em meio mesmo a esta falsificação, permitiram o estabelecimento de sua Realeza, o estabelecimento de sua Unidade, tornado possível pelo sacrifício dos Elohim, reproduzido em seguida pelas Estrelas de Maria, nesse último ciclo.

A hora é para a Alegria, porque a Revelação será sempre Alegria.

O final da separação deve fazê-los aceitar também que, em suas vidas, em suas relações, algumas coisas se unificam e outras se separam.

Retenham que este contexto de separação não é nem bem, nem mal.
Ele permite que cada um reencontre o que ele é, em Unidade e em Verdade, qualquer que seja o caminho desejado, qualquer que seja o caminho Vibrado.

Bem Amados Filhos da Luz e da Lei de Um, vocês avançam doravante, e vocês o percebem com mais lucidez, com mais determinação, com mais vontade para vocês mesmos.

Obviamente, tudo depende de onde se situa seu você mesmo.
Ele pode estar, é claro, tanto na personalidade, como na alma, como no Espírito.
As escolhas que os conduziram, tal como lhes foi anunciado pelo Arcanjo Jofiel, em seu ano de 2008, os levaram e conduziram a colocar os atos, a realizar e a conduzir certo número de experiências de aproximação da Luz.

Da qualidade, da quantidade de estabelecimento da Luz Vibral em vocês se estabelece, pela ressonância, sua capacidade para Vibrar e para se elevar a um nível ou a outro e esses níveis não são exteriores, eles são Interiores.

Hoje, no momento em que se desvenda a Profundez, esta noção se tornará cada vez mais evidente.
De acordo com o lugar onde você aceitou mergulhar, acolhendo a Luz, revelará o local de seu lugar de vida, de seu lugar onde você se estabelecerá, no momento vindo.

Cada Morada é uma Morada do Pai.
Há, portanto, numerosas Moradas e cada Morada é diferente.

Não há hierarquização nas Moradas, porque cada um ali se estabelece por sua própria Vibração, em acordo total com esta, permitindo-lhes escapar definitivamente às leis matriciais falsificadas.

Os Arcanjos, aqueles de quem sou o Embaixador, lhes expressam e lhes expressarão sempre a gratidão deles por sua realização, qualquer que seja o estabelecimento, qualquer que seja o nível, e qualquer que seja a Vibração.
Porque, tanto aqueles que resistiram, como aqueles que não resistiram, estabeleceram, a seu modo, sua Verdade Una.

A adequação da verdade da personalidade com a Verdade absoluta do Espírito, ou a realidade da alma, permitiu-lhes manifestar, e lhes permitirá manifestar, cada vez mais, em sua Consciência e nesse mundo, o que vocês se tornaram, em Verdade e em Unidade.

O Fogo do Coração foi o agente.

Nós desvendamos e revelamos, em vocês, os quatro Pilares que lhes permitirão descobrir suas próprias Linhagens, originais como Dimensionais.

Estes quatro Pilares, em sua vida, têm por nome Atenção, Intenção, Ética, e Integridade.
Estes quatro Pilares podem estabelecer-se apenas entre o Alfa e o Ômega, Aqui e Agora, permitindo-lhes Vibrar em uníssono com o Coração, sustentando, em vocês, o centro de seu alinhamento e a fusão com você mesmo.

«O Alfa e o Ômega», dizia o Cristo.
E ele o era.

É-lhe solicitado, hoje, para ser, você mesmo, em Verdade.
Tornar-se este Alfa e este Ômega, esta Estrela da manhã que se desperta em seus céus.

Seu céu e seus céus, que não são nada mais do que seus céus Interiores, que você deve re-identificar em você colocando Aqui e Agora, desembaraçados da Lei de Carma, colocando-se no Aqui e Agora, desembaraçados da influência de seu mental, de suas emoções, de suas Atrações/Repulsas desse mundo.

Você toca a Unidade, se tal é seu desejo, se tal é, sobretudo, sua Vibração.

A separação toma fim, mas a separação pode estabelecer novas separações, permitindo-lhe colocar fim a outras separações, permitindo-lhe alinhar-se, ajustar-se em sua Vibração, em sua Essência, em sua Unidade.

Olhe tudo isso com um olhar exterior.
Viva-o, mas não se aproprie, porque você está além disso.

Um período rico, mas, ô, quão paradoxal para alguns que tentam ainda manter a Ilusão, tentando conjugar, entre eles, zona obscura e zona de Luz.
O que era possível, torna-se cada vez menos.

Vocês devem, portanto, cortar, tornar-se a Luz que vocês são, em um lugar ou em outro.
E somente isso.

Não há lugar, no Aqui e Agora, para o carma.
Não há lugar, no Aqui e Agora, para o mental.
Não há lugar, tampouco, no Aqui e Agora, para as emoções que os prendem à Ilusão, porque é Aqui e Agora, entre o Alfa e o Ômega que se realiza o Coração.

O Coração não é nem sedução, nem atração, nem repulsão, nem mental, nem palavras.

O Coração é brilho, quando vocês mesmos o são, em Verdade.

Os últimos reajustes que vocês vivem e que continuarão a viver, neste final de seu ano terrestre, traduzem-se, para vocês, pela revelação das últimas coisas para levar a efeito.

A ativação das 12 Estrelas, que ela se realize ou não, ou, eu diria, antes, que ela se realize na personalidade ou na Existência, conduz, de qualquer modo, ao mesmo resultado nesse mundo, que é permitir-lhes compreender o Alfa e o Ômega.

Início da estrada e fim da estrada.
Início de uma Dimensão, fim de uma Dimensão.
Roda da Vida, Ourobouros, permitindo finalizar ciclo da Vida que todos, sem exceção, finalizam.

O novo ciclo não será mais um.
Ele será, para a maior parte de vocês, o estabelecimento lá onde os conduz sua Vibração.
Porque não é o mental que decide, nem a emoção, mas, sim, o nível consciente de Vibração que vocês seguiram.

A Consciência, de fato, pode se fundir com a Vibração ou olhá-la como exterior a ela, como uma experiência agradável.

Para outros, enfim, a Consciência se identifica e, naquele momento, ela se instala entre os quatro Pilares, permitindo ao Si último desaparecer, pelo princípio de dissolução da Ilusão, dissolução da personalidade, dissolução do mental, dissolução das emoções e retorno ao Ser, onde não há mais lugar para qualquer passado, onde não há antecipação para qualquer futuro, mas, simplesmente, a Presença do «eu sou aquele que eu sou».

É isso o que realiza a ativação das 12 Estrelas que vocês estão vivendo.
É isso que lhes permitirá, no momento vindo, neste espaço ilusório temporal, realizar o que é para realizar, para cada um de vocês.

Nenhum erro pode existir.

Compreendam que nenhuma Sombra pode interferir, porque, em sua Verdade, mesmo suas próprias Sombras são sua Verdade, e isso não é nem condenável, nem passível de julgamento.

Eis as palavras que me pareciam importantes desenvolver, em Vibração e em Unidade, relativas ao acesso à Profundez.

Profundez que conduzirá ao nascimento, em você, de Ki-Ris-Ti e permitirá, em você, a reunificação da nova Trindade de que você se tornará estandarte, Portador e Semeador.

Aí estão, Bem Amados Filhos da Luz e da Fonte, as algumas palavras que tinha a colocar em seu Coração e, se nos resta um pouco de tempo no tempo que me é contado, gostaria de responder a algumas perguntas.

Questão: poderia desenvolver sobre o papel da gigante vermelha Bételgeuse em Orion?

Bétel, Bé e Tel, vêm do hebreu, significando «casa» pelo Beth.
Bételgeuse em acadio-sumério, significa «o gigante», o ombro do Gigante.

O Gigante sendo o conjunto da Constelação de Orion, de onde vieram, há tempos imemoráveis, associadas às Mães Criadoras de Sírius, as Matrizes cristalinas de vida da estrutura de carbono.

Bételgeuse é o ombro do Gigante.
Ela é a estrela que foi anunciada como se transformando em supernova, emitindo, portanto a Luz Vibral a mais pura.

Este impulso de Luz Vibral é aquele que chega em seu mundo.
Ele está diretamente religado, este ombro do Gigante, a Sagitário.

Sagitário e a flecha do Sagitário, que é diretamente oriundo de algumas visões consignadas por um Ser que vocês chamaram de Michel de Nostredame, que era, de fato, Nostre Adamus, «Nosso Pai», e não «Notre Dame» [Nossa Dama], jogo de palavras do qual é o fiel executante, também chamado Orionis, vindo sob forma de walk-in apresentar-lhes a Revelação dos tempos que vocês vivem.

Nostre Adamus, Nosso Pai (não confundir com «nossa Fonte», Alcyone, e não confundir, tampouco, com «nossa Mãe», Sírius), vindo estabelecer e restabelecer a Verdade da Luz.

Os Gigantes que, quando da chegada dos Arcontes nesse sistema solar, traçaram as linhas e as formas sobre esse mundo de carbono Unificado, pertencente a Maria e a Cristo-Miguel, dos marcadores que deviam permitir guiar a Luz.

Esses marcadores foram chamados de «Círculos de Fogo», retomados bem mais tarde pelos enviados de Orion sob forma de pirâmides, permitindo, no momento vindo, pela Flecha do Sagitário, restabelecer a Luz desse mundo.
É o realizado desde um ano.

Assim, o reino da Luz ganhou o direito de se estabelecer novamente e de estabelecê-los, portanto, se tal é sua escolha, nos mundos da Unidade e da Verdade, na Confederação Intergaláctica dos mundos livres.

Lá vocês não estão mais sujeitos e limitados a uma forma.
Lá vocês não estão mais sujeitos e limitados aos ciclos de mortes/renascimentos criados por Yaldabaoth.

Bételgeuse tem um papel central, assim como uma das filhas das Plêiades, chamada Alcyone, ilustrado, na mitologia, pelo combate entre as Plêiades e a Ursa Maior.
No momento em que aqueles, que foram chamados de falsificadores, tentaram e conseguiram, durante 320.000 anos, instaurar a era da falsificação patriarcal, porque jamais a energia masculina será criadora, ela apenas pode ser organizadora e planejadora.

O lugar de Bételgeuse é central em vocês.
É ilustrada pela posição da Redenção.
É uma das extremidades da Cruz presente em vocês.
Cruz representada, em seu céu, pela constelação de Orion, constituída, como por acaso, por cinco sóis.

O ponto central, estrela central de Orion, sede do próprio Orionis, a estrela do Norte, a estrela do Sul e as estrelas laterais do oeste e do este.

Olhem esta constelação que foi colocada ao solo pelas pirâmides centrais, chamada de Cinturão de Orion, presente no Egito como no México, chamada então pirâmide da Lua e do sol, presente também na China, como sob a Terra, recordando-os de sua filiação de Eternidade, Filhos da Fonte, Filhos a Fonte intraterrestre, da Fonte extraterrestre, realizando em vocês o mistério da Santa Tri-Unidade.

Aí está o que se pode dizer de Bételgeuse, a Casa e o Gigante.

Não temos mais perguntas, agradecemos.

Bem Amados Filhos da Luz e Filhos da Lei de Um, eu permaneço então entre vocês, para fazê-los viver minha Vibração e minha Presença Arcangélica em sua Presença, ligadas à minha qualidade, à minha Luz, Relação, à Comunicação e Coração.

Eu lhes peço então para acolher, para nos acolher, em Unidade e em Verdade, no espaço do Aqui e Agora, centrados entre Alfa e Ômega, pela potência do Éter e das partículas Adamantinas vindas de Adamus e de Alcyone.
Agora.

.... Efusão de energia ...

Bem Amados Filhos da Lei de Um, que a Unidade, a Verdade, a Probidade estejam com vocês e em vocês.

Anael agradece.
Até breve.

___________________________
Compartilhamos essas informações em toda transparência. Agradecemos de fazer o mesmo, se a divulgarem, reproduzindo integralmente o texto e citando a fonte: www.autresdimensions.com.

Versão do francês: Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário