Seguidores

SE VOCÊ COMPARTILHAR ALGUMA MENSAGEM DESTE BLOG, FAVOR REPRODUZI-LA EM SUA INTEGRALIDADE, CITANDO A FONTE OU INDICANDO O LINK DA MESMA.

1 de nov de 2006

O.M. AÏVANHOV – 1 de novembro de 2006


DO SITE AUTRES DIMENSIONS.


Bom dia, caros amigos, estou feliz por reencontrá-los.
Então, sou todo ouvidos para responder às suas questões.

Questão: por que tantas pessoas parecem perder o rumo, nesse momento?

Cara amiga houve, durante meados de outubro, um período extremamente importante, no qual as energias de terceira foram amontoadas, vamos dizer, antes, encaixadas com as energias de quinta dimensão.
Houve, nessa ocasião, a ativação de um portal, ao nível do conjunto do planeta, que permitiu testar a reatividade da raça humana em relação à ativação da quinta dimensão.

Então, efetivamente, a partir desse período, inúmeros seres humanos perderam um pouco, como que diriam, os pedais, alguns muito, outros menos, mas todo mundo sentiu que acontecia algo, sem poder atribuí-lo, obviamente, a um evento de natureza cósmica, mas isso é diretamente ligado, obviamente, a essa janela que se abriu.

Vocês entraram, agora, em uma fase extremamente ativa, de ativações da quinta dimensão.
Como vocês sabem, resta-lhes, muito exatamente, pouco mais de seis anos para transpor todas as etapas e todos os degraus que lhes restam a subir para aceder a essa quinta dimensão.
Ora, as vibrações espirituais que descem para sua dimensão nem sempre são reconhecidas como tais, isso depende dos níveis que estão abertos no interior do ser humano.
Alguns vão reagir através da cólera, outros vão reagir através da memória deficiente, outros vão reagir em relação ao corpo que se torna deficiente e outros, enfim, vão reagir pela ilusão ou pelo ego espiritual, que corresponde à visão espiritual deles, da evolução que não corresponde à realidade da Luz autêntica.

Então, para responder à sua questão, sim, esses episódios serão cada vez mais fortes, cada vez mais aproximados, obviamente.
Porque é preciso, efetivamente, compreender que a terceira dimensão deve passar à quinta dimensão, ou seja, que os modos de funcionamento distanciados, separados da terceira dimensão devem apagar-se, para aceder à quinta dimensão, então, inúmeros seres humanos não abriram, perfeitamente, os canais que permitem aceder a esse estado vibratório.

A energia de quinta dimensão desce, é uma energia de Luz autêntica, mas, se as pessoas não estão prontas para recebê-la, ao nível do topo do crânio e do coração, elas vão descer e elas têm, necessariamente, um ponto de impacto preciso, que é o nível o mais aberto da pessoa.
Então, se o ego toma a frente nessa fase, bem, isso vai provocar períodos de lutas, períodos de confusões e de desvarios.
Se alguém está na cólera, essa energia de quinta não vai fazê-lo encontrar a paz, ela vai amplificar a cólera.
Se alguém está no julgamento, ela não vai suprimir o julgamento, ela vai reforçar o julgamento.

Em contrapartida, se alguém está na fluidez da Unidade, bem, nesse caso, não haverá problema, isso vai impactar-se na fluidez, vai impactar-se na cabeça, mas, também, no coração.
Enquanto aqueles que abriram, talvez, um pouco, o coração, talvez, um pouco, a cabeça, mas que têm o ego e os chacras inferiores muito mais abertos, bem, a energia de quinta vai esgueirar-se nesse nível.

Progressivamente e à medida que vocês acederem à quinta – até os períodos de reagrupamentos, que são períodos muito mais duros, eu diria, em sua linguagem – vocês viverão períodos nos quais se sentirão cada vez mais isolados em meio aos seus próximos que não estão na quinta, em seu trabalho.
Todos os seres que vocês reencontrarão, que não participam, de momento, desse plano evolutivo, parecer-lhes-ão diferentes, e é o que contribuirá, de maneira extrema, ao seu sentimento de isolamento.

O momento no qual vocês devem soltar será comunicado, ao mesmo tempo, pelos seres de Luz, mas, também, por sua consciência.
Enquanto vocês sentem, mesmo se seja difícil, que é preciso trabalhar, ganhar o dinheiro, é preciso continuar a fazê-lo, porque o problema que se coloca, e vocês sabem disso, permanece, de qualquer forma, por numerosos anos.

Ninguém conhece, de momento, o momento em que a quinta dimensão será atualizada, totalmente, na terceira.
Naquele momento, obviamente, as regras de funcionamento nada mais terão a ver com o que vocês conhecem.
Mas imaginem que vocês parem, demasiado tempo antecipado, e sem senti-lo, porque vocês se sentem mal, porque se dizem cansados dos outros da terceira e vocês param tudo, o que vai acontecer se a terceira dura mais tempo do que o previsto?

Eu creio que vocês terão suficientemente informações, pelas canalizações, pelos sonhos, pelas informações que lhes serão dadas à noite, que lhes darão, no momento vindo, adequado, no qual, aí, não será preciso transigir.
Será preciso decidir parar, mas não são vocês que decidirão, é sua consciência, são as entidades espirituais que os guiam, são seus sonhos que lhes dirão «aí, agora, basta!».
Isso pode ser, também, as circunstâncias da vida, uma epidemia, os elementos, um acidente, também, que pode acontecer-lhes para freá-los.
Mas, de momento, vocês não estão aí.
Mas vocês o saberão, no momento vindo, quando será preciso soltar tudo.

Questão: essas descidas de energia vão reproduzir-se de maneira aleatória ou de acordo com ciclos?

Não é nem aleatório, mas não relação com ciclos que vocês conhecem.
Aí, são eventos que ultrapassam, amplamente, a esfera histórica desse planeta ou desse Sistema Solar, ou seja, não é preciso ali ver, unicamente, os ciclos de atividades lunares ou ciclos específicos, em relação a planetas ou, ainda, unicamente, em relação a festas ditas religiosas ou ligadas à própria história do planeta.
Mas há uma noção de regularidade aritmética, uma progressão aritmética, eu diria, mesmo, em relação à repetição desses períodos.

Então, obviamente, os seres humanos ali respondem em função de sua possibilidade e sua capacidade de adaptação e de abertura à quinta dimensão.
Os elementos, também, obviamente, ali respondem em função de diferentes zonas geográficas propícias ou não ao desabrochar da quinta dimensão, mas, também, em relação à resistência à instalação da quinta dimensão.
É um progressão aritmética, no sentido em que ela corresponde a uma multiplicação da potência, mas, também, a uma frequência que vai seguir um ritmo preciso, que segue, o que aproximaria mais este período são inúmeros primeiros cálculos em dias, que vão aproximar-se da unidade, que sobrevirá em 2012.

Questão: o que se chama «insuflação do ego»?

A partir do momento em que vocês estão centrados, não pode haver insuflação do ego.
A insuflação do ego corresponde a tomar-se por algo de muito mais importante, e isso significa, também, que o ego porta-se ao nível espiritual e que, portanto, a personalidade toma-se pela Divindade.

Questão: poderia dar-nos informações sobre a subida do Kundalini?

A partir do momento em que há despertar e subida do Kundalini, há subida do fogo terrestre no cérebro.
À época em que eu vivi isso, antes do período mutatório no qual vocês estão na quinta dimensão, no qual vocês têm a chance inesperada de viver a descida da Luz em seu cérebro.

Bem, antes que o Kundalini desperte, há movimentos de energia, hoje, que acontecem: primeiro, a energia Luz desce em vocês, progressivamente e à medida do tempo, ela vai ampliar o canal de sua coluna vertebral e, depois, em seguida, ela vai reencontrar o Kundalini, e essas duas energias vão voltar a subir juntas.

Não pode haver queimadura do cérebro ou, em todo caso, queimadura extremamente limitada em relação ao que existia em minha vida.
Em minha vida, o iniciado devia e o próprio mestre devia subir, por sua própria vontade, para a Luz divina.
E, para isso, era preciso liberar o ego, mas, sobretudo, permitir ao Kundalini subir, portanto, ao fogo terrestre.
Mas, quando o fogo terrestre sobe, ele queima, efetivamente, as estruturas, porque não se beneficiou, anteriormente, de uma ampliação do canal médio, pela Luz que vem do alto.

Então, sim, efetivamente, o despertar do Kundalini, tal como ele era vivido no antigo tempo, absolutamente, nada tem a ver com o que vocês podem viver agora.
E, mesmo se houvesse uma vida extremamente sadia, extremamente espiritual, extremamente religada à minha Ordem, o despertar do Kundalini, tal como eu o vivi junto aos mestres hindus, após minha viagem lá embaixo, foi extremamente penoso a viver.
Eu pedi, obviamente, a meu mestre para parar isso, porque meu cérebro não era feito para isso.

Questão: esse despertar, se é demasiado brutal, pode levar à condição espontânea?

No antigo tempo, sim, perfeitamente, não mais hoje.

Questão: se se vive esse despertar, lembra-se das vidas anteriores?

O despertar, hoje, é diferente do que acontecia há trinta ou quarenta anos.
Hoje, a partir do momento em que vocês recebem a Luz do alto, vocês ativam os chacras do alto e, naquele momento, acedem à memória de suas vidas passadas.
Não há necessidade de ter o despertar do Kundalini para isso.

Em todo caso, antes de ter a memória completa, vocês têm rostos que passam atrás de seus olhos fechados, são os rostos que vocês tinham em suas diferentes encarnações.
Anteriormente, era preciso que o fogo terrestre subisse até o cérebro para ter acesso à memória de vidas passadas.

Questão: a repetição de invocações pode permitir o despertar?

Não há qualquer mantra capaz de abrir o terceiro olho ou o que quer que seja.
A repetição de mantras é algo que pode, simplesmente, pôr o mental em repouso, devido ao simples fato de repetir.
Agora, se isso se abre, é porque o ser está pronto, não é porque o mantra é repetido.
Caso contrário, isso se saberia.

Com o número de «Pai Nosso» que foi dito sobre este planeta, com o número de Aum que foi pronunciado, mas o planeta estaria, já, na décima segunda dimensão.
É uma ilusão crer que palavras, ou a repetição de palavras seja capaz de ativar algumas estruturas.
Há palavras de potência e palavras vibratórias, em especial nos alfabetos sagrados, mas, se a estrutura não está pronta, a repetição das palavras nada fará.

Vocês não têm a potência do verbo.
Então, entretanto, efetivamente, repetindo, às vezes, algumas frases, tem-se flashes, uma ruptura de energia que faz com que um chacra vá funcionar diferentemente, a um dado momento, no momento em que vocês repetem esse mantra.
Mas isso não é nem a mestria, nem o despertar.

Caros amigos, eu lhes agradeço por todas as suas questões e todas as suas interrogações.
Penso que tivemos uma troca frutífera, então, eu lhes digo até breve e aporto-lhes, como de meu hábito, todas as minhas saudações e as minhas bênçãos.
Boa coragem a vocês, para avançar nesse caminho.
Dirijam-se em toda serenidade para sua Luz interior.
Eu os amo e abraço-os com meu Espírito, e eu lhes digo até a próxima vez.
___________________
Compartilhamos estas informações em toda transparência. Obrigado por fazer do mesmo modo. Se você deseja divulgá-las, reproduza a integralidade do texto e cite sua fonte: http://www.autresdimensions.com/.

Um comentário:

  1. 1 - Como vocês sabem, resta-lhes, muito exatamente, pouco mais de seis anos para transpor todas as etapas e todos os degraus que lhes restam a subir para aceder a essa quinta dimensão. 2 - Alguns vão reagir através da cólera, outros vão reagir através da memória deficiente, outros vão reagir em relação ao corpo que se torna deficiente e outros, enfim, vão reagir pela ilusão ou pelo ego espiritual, que corresponde à visão espiritual deles, da evolução que não corresponde à realidade da Luz autêntica. 3 - Com o número de «Pai Nosso» que foi dito sobre este planeta, com o número de Aum que foi pronunciado, mas o planeta estaria, já, na décima segunda dimensão. É uma ilusão crer que palavras, ou a repetição de palavras seja capaz de ativar algumas estruturas. 4 - Boa coragem a vocês, para avançar nesse caminho. Dirijam-se em toda serenidade para sua Luz interior.

    ResponderExcluir