Seguidores

SE VOCÊ COMPARTILHAR ALGUMA MENSAGEM DESTE BLOG, FAVOR REPRODUZI-LA EM SUA INTEGRALIDADE, CITANDO A FONTE OU INDICANDO O LINK DA MESMA.

22 de abr de 2016

SILO: A Autocura




CADERNOS DE ABRIL DE 2016 – CRÔNICAS DA ASCENSÃO
Crônicas dos Melquisedeques – O Masculino Sagrado


Irmãos e irmãs de Luz, acolhamos, juntos, primeiro, Cristo, na paz do coração.

… Silêncio…

Já que vocês precisam de um nome, eu sou Silo.
Permitam-me, simplesmente, dizer-lhes que, no que concerne ao que eu sou, e ao que eu fui nessa Terra, minha última encarnação remonta a várias centenas de anos.
Após mim, uma ordem religiosa foi criada.
Toda organização é, vocês sabem, dedicada à predação, minha ordem não escapou disso, assim como para Cristo.
Então, se quiserem, saibam, simplesmente, que eu sou um Melquisedeque da Terra, implicado, há mais de cinquenta anos, muito próximo de alguns médiuns, para trabalhar na restauração da Luz e de Cristo.

Por sua vez, doravante, vocês podem, perfeitamente, orar para mim, evocar-me, recorrer a mim, no silêncio de seu coração.
Eu virei, então, atualizar, em vocês, o princípio de autocura e fazê-los ver, em si mesmos, o efeito da Inteligência da Luz em seu corpo, como em tudo o que pode restar, em vocês, de resistente, ou de sombra, ou de questionamentos, concernentes à verdade da Luz.
Para todos aqueles de vocês que, apesar das vibrações, apesar das percepções, apesar das transformações não parecem ter chegado, lembrem-se de que vocês jamais partiram.
Então, eu estarei aí não para, propriamente falando, curá-los, eu mesmo, mas, bem mais, para ser o canal e o intercessor entre sua consciência e o que eu nomearia o Espírito solar ou a Consciência da Inteligência da Luz.

Para isso, vocês não têm, absolutamente, necessidade de conhecer a minha identidade passada, mas apenas realizar, em seu coração, um traçado com a unha de seu polegar esquerdo ou direito, traçando três linhas verticais que partem do alto de seu peito até abaixo do peito, sem ultrapassar no ventre.
Primeiro, à direita, em seguida, no meio, partindo do nono corpo até o oitavo corpo e, enfim, à esquerda, passando ao lado da porta Unidade e ao lado do chacra do coração.

Essa chave vibral, porque é uma, facilitará, em vocês, se o momento é chegado, o acesso ao Coração do Coração, à autocura, à plena manifestação do masculino sagrado.
Os tempos tendo chegado agora e não, unicamente, consumados, é tempo, de algum modo, de ajudar-se a si mesmos, para ajudar cada um.

Eu não terei tantas palavras como os outros Melquisedeques.
Vocês têm, simplesmente, aqui, como cada um que escutará ou que me lerá, que realizar, agora e já, o gesto que eu acabo de desvendar-lhes, para trabalhar sozinho, ou aqui, todos juntos, na abertura do que eu lhes proponho.

Isso é muito simples: qualquer que seja sua mão utilizada, primeiro, à direita, em seguida, entre o nono e o oitavo corpo e, enfim, à esquerda, sem ultrapassar no ventre.
Assim marcada, a Tri-Unidade nova entra em manifestação a partir de seu coração.
Trace esse gesto em você, sem nada pedir, e coloquemo-nos, em seguida, juntos.

… Silêncio…

Assim, a Água de Vida ou a Água do alto, assim como o Fogo Ígneo parecerão aparecer-lhes em seu peito e em manifestação.
Nada há a pedir, há apenas a ficar recolhido para acolher.

Eu não terei outras palavras, porque isso passa de palavras, de explicações ou de comentários.
Só o silêncio das palavras leva-os a isso, sozinho...

… Silêncio…

… para viver o acolhimento incondicional da Graça.

… Silêncio…

Quer seja agora, quer seja ao ter-me lido ou escutado, eu me retiro agora, solicitando a vocês, simplesmente, para permanecerem assim, um tempo muito breve, mas lúcido e espontâneo.

… Silêncio…

Eu sou Silo.
Eu saúdo, em vocês, Cristo, o irmão humano, a Luz eterna.

… Silêncio…

Até logo.


3 comentários:

  1. Para todos aqueles de vocês que, apesar das vibrações, apesar das percepções, apesar das transformações não parecem ter chegado, lembrem-se de que vocês jamais partiram.

    Os tempos tendo chegado agora e não, unicamente, consumados, é tempo, de algum modo, de ajudar-se a si mesmos, para ajudar cada um.

    ResponderExcluir
  2. Eu virei, então, atualizar, em vocês, o princípio de autocura e fazê-los ver, em si mesmos, o efeito da Inteligência da Luz em seu corpo, como em tudo o que pode restar, em vocês, de resistente, ou de sombra, ou de questionamentos, concernentes à verdade da Luz.

    ... Mas apenas realizar, em seu coração, um traçado com a unha de seu polegar esquerdo ou direito, traçando três linhas verticais que partem do alto de seu peito até abaixo do peito, sem ultrapassar no ventre.


    Primeiro, à direita, em seguida, no meio, partindo do nono corpo até o oitavo corpo e, enfim, à esquerda, passando ao lado da porta Unidade e ao lado do chacra do coração.


    Os tempos tendo chegado agora e não, unicamente, consumados, é tempo, de algum modo, de ajudar-se a si mesmos, para ajudar cada um.


    Nada há a pedir, há apenas a ficar recolhido para acolher.


    Prático e Eficiente!!!!

    Gratidão!!!!

    ResponderExcluir
  3. Rendo Graças, muito simples, sem nada pedir

    ResponderExcluir