Seguidores

SE VOCÊ COMPARTILHAR ALGUMA MENSAGEM DESTE BLOG, FAVOR REPRODUZI-LA EM SUA INTEGRALIDADE, CITANDO A FONTE OU INDICANDO O LINK DA MESMA.

26 de jul de 2007

CRISTO – 26 de julho de 2007



DO SITE AUTRES DIMENSIONS.


Paz a vocês, irmãos e irmãs na humanidade.
Eu volto para vocês, como previsto.
Os dias que vocês vivem são os dias em que a clareza e o discernimento devem crescer em vocês.

Primeiramente, recebam todo o meu amor e a minha bênção.
Vocês estão, nesse momento mesmo, em pleno meio do período da efusão de energia que lhes é dada.
Esses momentos traduzem-se por uma necessidade vital, para cada um de vocês, de estar alinhado, centrado.

Assim que sua ferramenta mental entra em ação, a clareza e o discernimento afastam-se.
É necessário, durante alguns dias de seu tempo, pôr esse último no fundo de sua consciência.
Numerosas informações, numerosas ondas de energias vêm chocá-los, em todos os sentidos do termo.
Esse choque é, certamente, um choque de amor puro, mas ele vem, também, revelar suas sombras à espreita, ainda, nas profundezas de seu subconsciente.

Ainda uma vez, não julguem, mas não adiram a elas.
Observem-nas como algo que se manifesta e, imediatamente, elimina-se de vocês.
Nada retenham, nada deixem pegar.
A luz vem limpar suas vestes de luz, é, portanto, perfeitamente normal que essas sombras sejam postas na luz, nesse momento mesmo, mas, desculpem, elas não lhes pertencem mais.
Não as deixem invadi-los ou voltarem para vocês.

Meus bem amados, é indispensável não deixar esses pensamentos desencadearem quaisquer emoções.
É, também, indispensável fazer calar tudo o que poderia incomodar a recepção dessa luz magnífica em seu coração e sua coroa.
Deixem-se fazer por mim e não pela agitação que elas provocam.

Meus bem amados, filhos do Pai e da Fonte, eu venho assistir ao seu despertar em minha Luz, eu venho acolhê-los em meu reino.
Isso é agora, isso não é amanhã, tenham-se prontos, tenham-se em pé, fortes, firmes e repletos de luz.
Absolutamente nada deve desviá-los de sua tarefa sublime do momento.
Nenhum apego, de espécie alguma, pode frear sua aspiração à Fonte.
Nenhum irmão pode ou deve desviá-los de minha face santa.

Eu sei, também, que inúmeros de seus irmãos não sabem, ainda, como fazer para retirar os véus de sombras reveladas pela efusão de luz, mas pouco importa.
Amem-nos, eles têm, ainda, mais necessidade de ajuda do que vocês, o que vocês farão para eles, a Fonte lhes devolverá em cêntuplo.
Nenhum temor.
Não deixem os véus deles do momento sombrear sua luz.
Cresçam, ousem iluminar sua Terra com seu olhar, sua presença, seu «eu sou».

Meus bem amados, tenho confiança em vocês que me leem, para retransmitir isso, para tentar e realizar o despertar em minha luz.
Nesses dias abençoados em que a luz desce, vocês devem subir para ela, aliviar seus pesos, seus apegos.
O mental discriminador, tão útil em outras circunstâncias, é, nesses dias, o obstáculo o mais pernicioso colocado em sua estrada, para mascarar a luz que vem e, sobretudo, aquela que vocês são.

Então, eu lhes peço para não entrarem em conflito, nem consigo mesmos, nem com a sombra, porque ela se nutriria de sua luz.
É preciso, simplesmente, aceitar ser, aceitar receber, aceitar o amor em vocês e ao seu redor, responder pela luz a toda solicitação.

Espalhar essa luz é sua divina tarefa: tornar-se um semeador de luz para fazer germinar o despertar e o acordar à minha presença.
Eu jamais os abandonei.
Apenas seu olhar não se portava mais sobre mim, apenas sua dor e suas lágrimas impediam de ver-me.
Mas, agora, não é mais possível ocultar-me, não é mais possível fechar-me em qualquer igreja, porque eu venho como eu parti.
Eu venho em majestade, com todas as luzes dos universos luminosos, liberá-los.

Paciência, meus bem amados, vigiem e orem, permaneçam lúcidos, permaneçam belos, porque é assim que eu os vejo.
Não há mais pecado, não há mais culpa, há apenas a glória do Pai no caminho, a grande velocidade, para vocês.
Há apenas vocês e vocês, vocês com vocês, vocês em face de vocês, vocês comigo, vocês em mim, nada mais pode ou deve fazê-los chorar.
Apenas minha divina presença deve ocupar sua consciência.

Eu sou seu baluarte, eu sou seu assento, eu sou seu céu, eu sou seu amigo, eu sou seu irmão.

Meus bem amados, oh, quanto eu me regozijo por encontrá-los de coração aberto e receptivo!
Abandonem suas sombras ao que elas são: armaduras que lhes serviram para sobreviver nesse baixo mundo, mas, agora, eu venho apaziguá-los.
Eu sou o consolador, eu sou o irmão tão esperado no caminho.

Não se esqueçam, jamais, de que a única coisa que deseja a sombra é impedir seu coração de florescer.
Não se esqueçam, jamais, de que a sociedade na qual vocês vivem tem, exatamente, o mesmo objetivo.
Não se esqueçam, jamais, de que as igrejas têm apenas esse objetivo na cabeça, apesar da utilização de meu nome e de minha história.
Não se esqueçam, jamais, de que vocês são, por essência, seres divinos, repletos de graça, repletos de todos os atributos da luz divina.

Paz a vocês.
Esqueçam-se de suas querelas humanas, abracem-se com o coração.
A hora da reconciliação chegou para todos aqueles que a querem, verdadeiramente.
Eu os amo, eu sou Cristo.
Eu sou a luz do mundo.
__________________
Compartilhamos estas informações em toda transparência. Obrigado por fazer do mesmo modo. Se você deseja divulgá-las, reproduza a integralidade do texto e cite sua fonte: http://www.autresdimensions.com/.

3 comentários:

  1. Assim que sua ferramenta mental entra em ação, a clareza e o discernimento afastam-se.

    O mental discriminador, tão útil em outras circunstâncias, é, nesses dias, o obstáculo o mais pernicioso colocado em sua estrada, para mascarar a luz que vem e, sobretudo, aquela que vocês são.

    Meus bem amados, oh, quanto eu me regozijo por encontrá-los de coração aberto e receptivo!

    Não se esqueçam, jamais, de que a única coisa que deseja a sombra é impedir seu coração de florescer. Não se esqueçam, jamais, de que a sociedade na qual vocês vivem tem, exatamente, o mesmo objetivo (as igrejas também não fugiriam a esta regra).

    ResponderExcluir
  2. "Assim que sua ferramenta mental entra em ação, a clareza e o discernimento afastam-se.... tenham-se prontos, tenham-se em pé, fortes, firmes e repletos de luz... Eu venho em majestade, com todas as luzes dos universos luminosos, liberá-los... Não se esqueçam, jamais, de que vocês são, por essência, seres divinos, repletos de graça, repletos de todos os atributos da luz divina."

    Como não amar e não atender, um pedido como este?

    Nosso Irmão ...

    ResponderExcluir
  3. "Os dias que vocês vivem são os dias em que a Clareza e o Discernimento devem crescer em vocês.

    "Abandonem suas sombras ao que elas são: armaduras que lhes serviram para sobreviver nesse baixo mundo, mas, agora, eu venho apaziguá-los.
    "Observem-nas como algo que se manifesta e, imediatamente, elimina-se de vocês.
    "A Luz vem limpar suas vestes de Luz, é, portanto, perfeitamente normal que essas sombras sejam postas na Luz, nesse momento mesmo, mas, desculpem,
    elas não lhes pertencem mais.

    "Filhos do Pai e da Fonte, eu venho assistir ao seu Despertar em Minha Luz, eu venho Acolhê-los em Meu Reino.
    "Eu venho em majestade, com todas as luzes dos universos luminosos, Liberá-los.

    "Apenas minha Divina Presença deve ocupar sua consciência.
    "Absolutamente nada deve desviá-los de sua Tarefa Sublime do momento.
    "Espalhar essa Luz é sua Divina Tarefa: tornar-se um Semeador de Luz para fazer germinar o Despertar e o Acordar à Minha Presença.
    "Não se esqueçam, jamais, de que vocês são, por Essência, Seres Divinos, repletos de Graça, repletos de todos os Atributos da Luz Divina.

    ResponderExcluir