Seguidores

SE VOCÊ COMPARTILHAR ALGUMA MENSAGEM DESTE BLOG, FAVOR REPRODUZI-LA EM SUA INTEGRALIDADE, CITANDO A FONTE OU INDICANDO O LINK DA MESMA.

21 de nov de 2009

O.M. AÏVANHOV – 21 de novembro de 2009

DO SITE AUTRES DIMENSIONS



Bem, caros amigos, estou extremamente contente de reencontrá-los. Para a maior parte de vocês, aqui, vejo que os casulos de Luz me são conhecidos.

Eu sou, para aqueles que não me conhecem, Omraam. Fui Omraam Mickaël Aïvanhov e guardei, do alto de minha muito alta posição atual, o nome de Omraam Mickaël.

Se querem, eu digo «muito alta» para rir, porque, como alguns de voces talvez saibam, deram-me o título de «Croûton Chefe». Então, é com esse título que venho entre vocês a fim de, como é meu hábito, tentar avançar juntos e a meu modo de proceder e de responder a suas questões, porque, obviamente, para mim, cada questão que se coloque qualquer um em encarnação, pode ser uma questão que é também válida para muitos outros seres humanos no caminho.

Então, eu lhes transmito todas minhas bênçãos e as bênçãos, também, dos 23 outros Croûtons (Anciões) e vamos, se querem, agora, começar a trabalhar juntos sobre suas questões e trazer respostas, quando possível. Então, eu os escuto.

Questão: os Selos Arcangélicos divulgados têm diferentes formas daquelas que foram comunicadas quando do último estágio com vocês. Como isso se explica?

Não posso explicar. O que posso dizer, simplesmente, é que lhes compete fazer a experiência.

Quando lhes são propostos ensinamentos, quando lhes são propostas ferramentas (quaisquer que sejam, que sejam ferramentas sobre a Consciência, ferramentas através de formas, em particular), compete-lhes fazer sua própria experiência porque, obviamente, hoje, vocês sabem que o fenômeno de canalização é algo extremamente banal e também extremamente desacreditado, a justo título, porque, assim como disse e como disse o Arcanjo Anael (e estou desolado), 80% das canalizações são falsas.

Elas não vêm da Luz e, isso, vocês devem colocar na cabeça. Como disse o Arcanjo Anael e eu lhes repito também, a meu nível, o importante, é o trabalho Vibratório que se faz.

Não é através de palavras que lhes darão prazer ou acariciá-los no cabelo, não é? O mais importante, é o aspecto Vibratório e o aspecto Vibratório, para vocês, que vai dizer se o que recebem é bom ou não, para vocês.

Vou tomar um exemplo e creio que é mais simples para compreender: imaginem que eu esteja em tal nível vibratório, para mim, há coisas que ressoam comigo e que me ajudam a ir para mais Vibração. Mas, imaginem, agora, que lá onde estou, sou confrontado a ensinamentos que me dão peso, que não vão no sentido de minha evolução. Obviamente, vou tratá-los como opostos à Luz, ou de negros, se querem.

Mas, do mesmo modo, imaginem que estou ainda mais baixo e que os ensinamentos e as Vibrações que recebo estejam demasiadamente altos para mim; o que vai acontecer? Vou entrar em ressonância oposta com relação a isso.

Então, de uma maneira geral, há uma Verdade, mas, para cada ser humano, há Sua verdade e sua Verdade é função do instante e do que é capaz de obter em Vibração, com relação a imagens, a meditações ou a interventores de outros planos.

Mas vocês devem saber (e o canal no qual estou conhece muito bem isso), que não podemos pretender ser Canal se não estamos abertos a um certo número de funções no interior de si.

É preciso bem compreender que não é porque o chacra coronal está aberto que você vai acolher entidades de Luz. Qualquer um pode passar pelo canal e pelo alto da cabeça (isso é muito importante compreender), tanto as forças Astrais como as forças da Luz, como as forças da Sombra.

Portanto, como se faz a diferença? Ela se faz por aquele que ouve e que recebe, pela qualidade Vibratória do que recebe.

E, de todo modo, se vocês vão para a Unidade, de nada serve dizer: «é bom» ou «não é bom», porque nada compreenderam, nesse momento.

Seja algo que vai no sentido de sua evolução, para vocês, ou não seja, e isso para aí.

Agora, é preciso estar bem consciente que para ser o que chamamos um canal (que é uma palavra da moda, hoje), é preciso ter aberto certas características.

Em minha vida, fui extremamente contra todos esses processos. Por que? Porque tivemos o Espiritismo, no século passado, onde todas as entidades se precipitavam para manifestar suas presenças. Isso é muito importante compreender.

Portanto, havia, nos anos 60, 80, reticências extremamente grandes com relação a todos os processos de incorporação ou mesmo de desdobramento e insisti muito, no meu tempo, sobre isso.

Mas, hoje, não é porque qualquer um lhes diz que é o Cristo que lhes fala, que é preciso acreditar que é o Cristo que fala. Tudo depende, não das palavras, mesmo se são muito lindas, mas unicamente em função do aspecto Vibratório da Luz, em sua Vibração que vocês percebem.

Mas, se vocês estão suficientemente claros com vocês mesmos, devem admitir, se querem ir para a Unidade, que o importante para vocês não é dizer «é bem», «é certo», «não é certo», mas «isso é bom para mim?», «isso me faz subir minhas Vibrações ou não?», «minha Luz é mais importante, depois, ou não?».

Agora, compreendam bem que a maior parte de tudo o que foi feito, sobre esta Terra, foi sempre transformado (isso vocês sabem agora) e falsificado.

E não há qualquer razão para que as canalizações não sejam também falsificadas, através de um certo número de canais que não abriram seu Coração e, em particular, que não foram capazes de desenvolver o discernimento Vibratório com relação ao que eles vivem, porque a Sombra pode também enganá-los com belas imagens.

Em contrapartida, o que jamais saberá fazer a Sombra é fazer-lhes subir em Vibração. Ela apenas pode lhes pesar e lhes fazer descer em Vibração.

O ponto importante e o referencial importante é você mesmo e sua Vibração e nada mais.

Se vocês procedem desse modo, evitarão estar no julgamento, evitarão também enganarem-se sobre as vias da dualidade, ou seja, tentar encontrar, sem parar, o bem e o mal, com relação a qualquer coisa.

Então, para os Selos Arcangélicos (e o mesmo para as formas que foram traçadas, quer seja através de alfabetos sagrados, quer seja através de amuletos como as «Clavis Rei Prima», ou seja, as clavículas do rei Salomão, ou através de manipulações que, por exemplo, foram dadas, há muito tempo, nos Cornelius Agrippa) tinham assinaturas sigilistas dos Arcanjos que nada têm a ver com as formas despojadas que vocês têm hoje.

É preciso compreender (e isso, creio que o Arcanjo Anael desenvolveu longamente) que, nos mundos supraluminosos, ou seja, os mundos além da dissociação da 3ª Dimensão unificada, as formas geométricas são simples. Quer dizer que quanto mais você sobe sobre os planos Vibratórios, mais irá para o alto, mais irá para a linha direta e menos há curva.

Tudo o que é traçado com curvas está em relação com o Astral. Em contrapartida, o redondo perfeito, a forma geométrica perfeita, não é do mundo Astral, mas ao menos, do supramental.

Questão: podemos ter um boletim de atualidade do planeta, visto pelo conselho dos 24?

Então, tudo vai muito bem. Já, estamos todos de acordo. Os 24 Croûtons, quando estão de acordo, tudo vai muito bem. Estamos também de acordo com o Conclave e, sobretudo, com Maria.

Quer dizer que tudo se organiza, na velocidade em que decidimos. Ou seja, como vocês sabem, já desde este verão (França), tomamos de velocidade as forças opostas à Luz.

Conseguimos criar brechas suficientemente importantes para que a Luz pudesse entrar em seu sistema Solar e neste planeta. Agora, a velocidade de propagação da Luz vai depender, assim como já disse, de tudo o que vai acontecer naqueles que ainda deliram (yoyottent de la touffe), e há muitos.

E aqueles que deliram, infelizmente, estão no poder. Quer dizer que eles têm, «a priori», todo poder de desencadear o que querem, mas nós não os deixaremos desencadear o que querem, somos nós que decidimos quando desencadearemos o que nós queremos desencadear.

Então, nós seguimos isso de muito perto.

Tomamos a temperatura, pela manhã, ao meio dia e à noite e ajustamos pela manhã, ao meio-dia e à noite, os remédios para os doentes, eu diria. Quer dizer que as efusões de Luz vão efetivamente aumentar, como vocês o constatam ao nível do Sol e das radiações ionizantes que chegam sobre a Terra.

Entretanto, ajustamos e calculamos o melhor possível para que a dose enviada não afete o doente, não é? Isso é muito importante compreender.

Por conseguinte, queremos reanimar o mais possível de doentes e, temos também, a nosso nível, constrangimentos.

Já disse, nós não suportaríamos que as forças opostas à Luz fossem ao encontro da Lei do Livre Arbítrio que elas mesmos criaram. Quer dizer que, em Consciência e em Verdade, se um conjunto de um País quer ir para a Luz (o que é completamente possível) e que esse país se veja submetido, por exemplo, a exações ligadas à Sombra (sob forma bacteriológica, química, nuclear ou outra), nós seríamos obrigados a intervir e de maneira importante e definitiva.

Entretanto, é desejável que vocês compreendam que é, se possível, melhor esperar que o máximo de seres humanos possa viver o despertar à Existência. É por isso que o Arcanjo Uriel, sob decisão do Conclave e também dos 24 Anciões, manifesta cada vez mais sua Presença, que lhes permite encontrar o estado fora do tempo.

Quer dizer que, quando vocês se alinham com a Radiância do Arcanjo Uriel, vocês encontram uma dimensão de meditação, no Interior de vocês, onde mais nada existe, salvo a Luz e a Vibração. Isso é muito importante, porque é cultivando, como disse o Arcanjo Miguel, este estado Vibratório, que vocês farão com que tudo se eleve mais rápido (e é muito importante) e vai se opor também (sem se opor mais pela Potência e a Qualidade da Vibração) às exações da Sombra.

Portanto, aí está a ata planetária: tudo vai pelo melhor, no mais malvado dos mundos.

Questão: quem são os 24 outros Croûtons, como disse. Todos estiveram encarnados?

Então, o princípio dos 24 Croûtons, dado que estou dentro, é ter vivido ao menos uma encarnação mínima, se não é um ciclo completo, nos universos falsificados, ou seja, na 3ª Dimensão dissociada e ter realizado um caminho, nesta dualidade, que os aproximou da Unidade.

Portanto, eles todos, necessariamente, viveram nos sistemas falsificados de 3ª Dimensão dissociada.

A segunda particularidade é de serem pessoas que trabalharam sobre si mesmos mas também sobre a compreensão das Leis desse mundo, ou seja, das leis da dualidade, porque, para poder transcender, de lá onde estamos, as Leis da dualidade, é preciso saber melhor escrever que eles, ou seja, ler em todos os cantos, os pequenos asteriscos, vocês sabem, como os contratos, para saber como podemos, não contornar a Lei, mas estar no sentido da Lei, porque eles também criaram leis mas, nós, nós temos também as Leis da Luz, não é?

Nós fomos obrigados a adaptar, progressivamente, ação/reação, para ir para a Unidade e conduzí-los, apesar deles, para a Unidade.

Então, eu não posso lhes dar os nomes de todos os 24 Croûtons. Vocês conhecem o meu, há alguns outros que se revelaram há muito pouco tempo, mas não me compete dar-lhes seus nomes, de suas vidas.

Saibam que alguns vêm de sistemas conhecidos, como dizer, ao nível estelar, em relação com o ensinamento e a pedagogia, em particular, aqueles que vêm de Vega da Lyra ou aqueles que vêm, ainda, de algumas Plêiades, que são grandes professores, ou Cassiopéens também e diferentes constelações, que têm papéis essenciais na compreensão dos Universos.

Nós, de lá onde estamos (tendo encarnado, a maior parte, sobre a Terra), temos um bom controle das leis de ação/reação e podemos intervir, Vibratoriamente, através de nosso conselho e das energias que, nós também, canalizamos da Fonte, em diferentes lugares do mundo, ou sobre algumas pessoas, ou sobre algumas matrizes específicas, que é preciso fazer desmontar. Vocês os terão muito em breve.

O que posso dizer sobre a estrutura dos 24 Anciões, simplesmente, sem dar os nomes, porque isso é mais importante: a estrutura dos 24 Anciões funciona em 6 vezes 4, porque 24 corresponde à Unificação da Consciência e os Delfinóides certamente já lhes contaram essas histórias, do intraterra.

A Consciência Unificada se apresenta sob forma geodésica, sob forma de um hexágono. Este hexágono, esta estrutura geodésica, se faz com 24 unidades de Consciência que é a articulação da Luz, além dos mundos dissociados, a partir da 5ª Dimensão, onde a Luz não é mais redonda, mas hexagonal.

A partir daí, os 24 Anciões estão reunidos por 6, em 4 correntes que são ligadas às energias que chamamos os Hayoth Ha Kodesh, ou seja, os Quatro Vivos ou os Querubins de Fogo, que são eles mesmos ligados, à Água, ao Fogo, à Terra e ao Ar.

Somos agrupados, em nossas sedes, por 6, em função das correntes que canalizamos para esse sistema Solar. Essas correntes são filtradas em função de nossos próprios mentais, de nossas próprias atitudes, com relação às decisões que tomamos.

Aí está a coisa mais importante a compreender, no momento.

Os nomes têm apenas muito pouca importância. Entendi que você falou de São João ou Sri Aurobindo. Poderíamos falar também dos Mestres chineses mas, isso, é mais antigo.

Questão: quando dizia que, vistas as circunstâncias, valia mais se estourar, que entende por isso? Para aqueles que trabalham, é preciso parar o trabalho?

Se estourar é reencontrar sua soberania, mas sua soberania responsável. Se é para ir fazer coisas que lhes dão prazer mas abaixam suas Vibrações, isso a nada serve.

Quando eu digo, por exemplo, se estourar, imagine: você está num trabalho que é extremamente absorvente, no qual você trabalhou, encontrou um florescimento, em algum lugar, qualquer que seja o nível profissional e que, com as tomadas de Consciência que você tem, você toma consciência que é prisioneiro de um sistema e, bem, saia.

Não vamos colocá-lo em prisão, não? O álibi do dinheiro é um falso álibi porque, a partir de sua entrada em sua soberania (quando deixar todos os sistemas de controle que foram instaurados) a Inteligência da Luz, a Divina providência, colocará tudo a trabalho para que sua Vida se desenrole o melhor possível.

Porque extrair-se dos sistemas de controle, quaisquer que sejam, é dar um passo para sua soberania e dar um passo para sua soberania é aceitar o abandono à Luz e não há qualquer razão para que a Inteligência da Luz o deixe morrer de fome ou de frio, na rua.

As circunstâncias da Vida estarão na Fluidez, na sincronicidade. Portanto, você deve ser, como disse Jesus, como uma criança que não se preocupa com o que vai comer amanhã.

Tanto mais que, como o sabem, vocês estão em tempos extremamente reduzidos.

Aquele que falaria de sua reforma dentro de cinco anos, eu lhe diria: «Bem, boa coragem». Ele vai reclamar sua reforma em outro planeta. Portanto, se estourar, é se estourar o Coração e não outra coisa.

Questão: viver o instante presente significa que é preciso deixar cair todos os projetos?

Então, caro amigo, é uma decisão de sua Consciência com você mesmo. Eu compreendo que, qualquer que seja a idade, imagine um jovem de vinte anos, que ainda não viveu sua experiência e seu projeto de Vida e que vive e que compreende que algo enorme está chegando, não é mesmo muito acolhedor, mesmo se ele vive a Luz, de se dizer que não há mais projetos.

Agora, se vocês são adultos, cabe a vocês tomarem sua responsabilidade e sua soberania, ou seja, cabe a vocês decidirem o que querem.

Se você tem um projeto de comprar uma Ferrari dentro de cinco anos, eu digo que não vale a pena pensar, não haverá mais fábrica, mesmo se você tiver o dinheiro. E, de todo modo (como o sabe e como sempre eu disse), daqui até o final deste outono (França – primavera no hemisfério sul), você não terá mais sistema econômico e financeiro. Isso, eu disse e repeti, desde mais de um ano.

Você está em que época, aí? Vocês estão em meados de novembro, algo próximo. Final de novembro restam seis semanas antes do inverno e o que vai descobrir (e isso, eu creio que vou dizer e repetir) isso foi dito por inúmeros interventores: pelo momento, vocês estão num sistema em que, para viver, você tem necessidade do dinheiro, com certeza. Você não imagina que isso possa funcionar de outro modo.

Bem, eu lhes garanto que isso funcionará muito bem de outro modo e que, quando vocês não tiverem mais esse sistema que vocês chamam o dinheiro, reencontrarão, totalmente, sua soberania. Vocês serão humanos livres porque, o que é que tem a dependência da sociedade, se não é o dinheiro? Apenas isso.

Tudo é regido pelo dinheiro, absolutamente tudo. Todos os seus relatórios são definidos com relação ao dinheiro. Se o dinheiro não existe mais, vocês serão obrigados a encontrar outros meios de trocar e manter relatórios. É assim simples.

Por conseguinte, o que lhes parece, hoje, catastrófico, é a maior oportunidade que vocês têm de viver e a maior liberação possível da Humanidade.

Podem confiar em mim. De outro modo, como disse, de nada serve tirar o dinheiro dos bancos, porque vocês não podem comer o dinheiro. Então, quando digo: «dêem-se prazer», isso quer dizer se estourar, ainda uma vez, mas se você tem, por exemplo, vontade de ter um automóvel de tal cor, por que não, se isso lhe dá prazer ao Coração?

Por que continuar a fazer o que os sobrecarrega (pesa)? Por que continuar a ser algo em que vai pensar, por exemplo: «eu coloco o dinheiro de lado para meus filhinhos» ou «eu coloco o dinheiro de lado para meus herdeiros» ? Mas esta decisão lhes pertence, não sou eu quem vai lhes dizer: precisa parar seu trabalho, precisa parar isso, precisa parar aquilo. Se sua crença e sua convicção está no fato de acumular dinheiro, então, grande bem lhe faz e verá que terá acumulado ameixas e, ainda, sou gentil, caroços de ameixas.

Questão: Como fazer se não há aceleração possível, para os seres humanos que estão no caminho de ir ainda mais rápido?

Cara amiga, isso vai muito, muito rápido. Se você se inclina simplesmente 2 a 3 anos de seu tempo Terrestre, para trás, as coisas foram consideravelmente mudadas.

As revelações (por múltiplas vozes, da falsificação da Humanidade e das crenças) foram preparadas por aqueles que vocês chamaram os Mestres encarnados, de meu tempo aí.

Eu penso, por exemplo, em Krishnamurti, eu penso em Steiner e em muitos outros.

Nós colocamos os fundamentos de um Cristianismo despojado de sua religião e em seguida tivemos um certo número de ensinamentos sobre o ilimitado e sobre os meios de para ali chegar e sobre alguns místicos que começavam a viver experiências, em relação com o ilimitado.

Tudo isso, foi durante o século 20. Vocês tiveram todos esses ensinamentos, tiveram a ocasião de se interessarem ou não, mas vocês vêem a aceleração, hoje: o que é dito por diferentes canais, por diferentes vozes, também, vai no sentido deste ilimitado, vai no sentido da ausência de crenças, da ausência de limites.

Olhem o número de testemunhos que vocês têm, hoje, de seres que acessaram estados dimensionais que não têm nada mais a ver com as experiências comuns. Portanto, a aceleração é grandiosa, eu diria.

Questão: no caso de país que sofre uma regressão, não lhe é possível dar uma ajuda, intervir? Qual é sua margem de manobra?

Enquanto o livre arbítrio for respeitado, enquanto alquem quiser estapear alguém e o outro se deixar estapear ou reage, não temos o direito de intervir. É assim simples.

A Luz não pode intervir no combate Sombra /Luz em sua dimensão porque isso significaria o fim de sua Dimensão nas circunstâncias que não seriam tão adequadas que aquelas que devem se produzir, segundo os planos da Luz. Isso vocês devem compreender.

Nosso quadro de intervenção forçada não pode se fazer senão em três casos: violação do livre arbítrio do humano que queria acessar a Unidade.
Segundo caso: tentativa de instauração da extinção da Humanidade, totalmente, por armas biológicas, que vocês chamam vacina. Aí, nós intervimos.

Agora, ao nível do que vocês chamam nuclear, o Fogo nuclear, se ele concerne aos primeiros ataques, nós não poderemos nada fazer. Ação/reação.
Em contrapartida, se isso devesse colocar em alteração nossos próprios planos para a distorção do espaço/tempo e o restabelecimento da reunificação à Fonte, nós interviremos necessariamente. Isso, nós não poderemos tolerar e a Fonte é formal nesse assunto.

Nenhum universo deve permanecer curvado. E a ajuda não é possível porque significaria intrusão, na ação /reação.

E se nossa intrusão ao nível da ação/reação não respeitasse as leis do livre arbítrio, seríamos instantaneamente culpados, ao mesmo tempo da destruição de um sistema Solar e também da continuação do plano da dualidade, o que não pode ser possível.

Questão: o alinhamento de nosso sistema solar sobre Alcyone impacta sobre o processo evolutivo dos seres de Luz?

Certamente. Não se esqueça que os Seres que estão hoje, por exemplo, na 3D unificada, ou Seres que estão na 5D, no intraterrestre ou ultraterrestre vão, eles também, estabelecer seu nível de Vida sobre Dimensões mais elevadas.

Mas, como vocês o sabem, em outras dimensões, não há corte. Podemos viajar Vibratoriamente sobre tal ou tal Dimensão mas pertencemos, assim mesmo, Vibratoriamente, a um mundo, a uma Dimensão e aqueles que estavam em tal Dimensão vão também passar em uma outra Dimensão, neste universo local.

Portanto, obviamente, isso concerne, não unicamente aos homens, mas a muitos povos, muitas Galáxias, também. Portanto, é um trabalho que não diz respeito apenas a vocês, em seu pequeno canto isolado, mas a muitos mundos.

Questão: é sempre necessário, hoje, trabalhar sobre o 3º olho e o carma?

Nós desempenhamos o papel de senhores do carma mas, justamente, para evitar o carma.

Mas, agora, todas as entidades que encarnaram, ou supostamente encarnaram e que lhes propõem uma liberação ligada ao 3º olho, é uma falsificação essencial.

A porta de acesso a sua multidimensionalidade é o Coração e nenhuma outra.

Portanto, agora, aqueles que lhes propõem abrir o 3º olho ou meditar sobre o 3º olho, eles os enganam. Eles os fazem tomar bexigas para lanternas e os mantém na dualidade.

Nós vimos oferecer-lhes a liberdade e a Unidade, seu acesso a sua Existência e não uma evolução linear, ligada ao carma que vocês vão purificar de Vida em Vida.

Aquilo são tolices, acabaram. Se vocês querem acreditar naquilo, acreditem. Eu os envio à resposta da primeira questão, com relação aos canais.

Vocês têm aí a ilustração exata do que pode se produzir. Eles os prepararam. Agora, vocês estão a caminho para uma outra etapa. Eles os fizeram descobrir os chacras, os raios.

Eles os fizeram descobrir as Luzes, as Chamas, que existem realmente. Não confundam: a Sombra vai sempre utilizar cerca de 80% de algo que é verdadeiro, para transformá-lo à sua vantagem, para sua finalidade. E sua finalidade não é a Luz.

Em contrapartida, que você tenha aceito e vivido as preparações, completamente de acordo com o que vem, agora, isso me parece completamente possível e eles contribuiram, bem contra sua vontade, ao que acontece agora.

Mas vocês devem reencontrar sua soberania. Reencontrar sua soberania deve fazê-los, como dizia Krishnamurti, «matar» todos os Mestres. Vocês são seu próprio Mestre. Enquanto procuram um Mestre ao exterior, mesmo se existe um Mestre de Luz, mesmo se Maria está aí, mesmo se nós estamos todos aí, com vocês, a seu lado, sua soberania é você mesmo, com você mesmo.

Enquanto procuram no exterior, vocês não poderão encontrar o que quer que seja no Interior. Vocês estão, hoje, na etapa final da Revelação. Isso é capital. E não haverá qualquer salvador que virá salvá-los.

Nós viremos acolhê-los, o que não é completamente a mesma coisa. Maria quer salvá-los, mas ela não pode salvá-los se não aceitam vocês mesmos de se salvarem.

Não podemos conduzir, Vibratoriamente, ninguém que esteja apegado à sua Ferrari. Não podemos levar ninguém que esteja apegado a suas crenças. Se sua crença é de morrer como Cristo, na cruz, como crê que é a história verdadeira, bem, que isso seja feito segundo sua fé.

Não podemos ir contra o livre arbítrio, nesta dimensão. Reencontrar a liberdade é liberar-se do livre arbítrio. Como liberar-se do livre arbítrio na encarnação? Aceitando a Inteligência da Luz e da Fonte.

Ora, a Inteligência da Luz e da Fonte é uma energia que confere as chaves do Coração. O acesso (e isso, penso que Miguel desenvolverá quando de sua próxima intervenção) à multidimensionalidade não pode se fazer senão pelo Coração.

Em nenhum caso ele pode se fazer pelo 6º ou 7º chacra. A verdadeira saída desta Ilusão se faz pelo Anahata chacra (chacra do coração) e em nenhum outro lugar.

Portanto, para sair pelo Anahata, é preciso que a Vibração do 7º chacra chegue ao Coração, não é? Se você não tem a Vibração do Coração, você pode bem sentir todas as Vibrações da cabeça, ver todas as coisas as mais maravilhosas da Terra e ter uma fé gigantesca, você não sairá desta 3ª dimensão.

Ela será Unificada, certamente, mas você não poderá ir para outros lugares. A única saída é o Coração, e nenhuma outra.

E quando digo o Coração, não é o Coração feliz, é o Coração Vibratório, é o Fogo do Amor, aquilo nada tem a ver.

E o Fogo, nós sempre colocamos isso, na Igreja católica, como o Fogo do inferno. Quiseram afastá-los do Fogo. Ora, o Fogo de Shiva, o Fogo de alguns Seres (porque, no meu tempo, eu controlava o Fogo? Coloque-se a questão), o Fogo é o que está ligado à espiritualidade a mais elevada. Dizer «as chamas do inferno», é uma bela falsificação, ainda uma vez.

Não existem chamas no inferno. O inferno é o frio, é a ausência de Vida, é a ausência de expansão.

Portanto, você vê como é muito fácil, ao nível das crenças do humano, de fazê-lo tomar bexigas para as lanternas. Eu digo simplesmente que hoje vocês chegam a uma outra etapa que é a etapa da soberania.

Vocês são Seres de pura Luz. Vocês são Sementes de estrelas, é isso que devem recuperar.

Não é uma possibilidade de melhorar seu carma e de se liberar de seu carma, vocês não estão mais nessa época. Vocês estão na época da transmutação final, terminal.

É preciso compreender antes que isso esteja realmente aí, nos fatos quotidianos, e integrar, sobretudo.

A única diferença situa-se ao nível da finalidade. A finalidade é a soberania ou a finalidade é o controle? É assim tão simples.

Não é mesmo uma questão de bem ou de mal porque o bem mantém, do mesmo modo, a dualidade, como o mal.

Eu falo de soberania, ou seja, algo que os torna livres, que os remete na Unidade e não que os remete num sistema de crenças, qualquer que seja.

Eu falo de sentir a Vibração do Coração, o que não é a mesma coisa. É muito preciso. Vocês não podem se enganar com a Vibração. Vocês podem se enganar com as palavras, vocês podem se enganar com um sorriso, vocês podem se enganar com não importa o que, mas vocês não podem jamais se enganar com uma Vibração.

Se a Vibração é percebida ao nível do Coração, qualquer que seja o ensinamento, isso quer dizer que vocês foram capazes de acessar sua Unidade.

Agora, se é um caminho que os faz ir no Coração mas que você nada vive no Coração, eu lhes digo saiam desta via e mudem de caminho. O único caminho é seu caminho. E o caminho é aquele que, hoje, e com os Casamentos Celestiais e a irrupção da Luz desde vários anos, em sua densidade, é aquele que vai abrir o coração, não a cabeça.

A única porta de saída desta dimensão não se encontra ao nível do 3º olho. Lembrem-se o que disse São João: «haverá muitos chamados». «Os chamados serão marcados na testa», porque as energias do Espírito Santo que descem sobre a Terra desde 1984, obviamente, abrem os chacras superiores.

É preciso sair de todas as crenças e ir para o Coração. O Coração não é uma crença, o Coração é uma Vibração.

O mais importante não é mesmo o que lhe digo, caro amigo. O mais importante não é o que você crê. O mais importante não é o que quer que você agregue exteriormente.

Nas circunstâncias atuais do planeta, atualmente, no instante presente, aí, presentemente, o mais importante é centrar-se, consciente, sobre o Coração e perceber a Vibração. Não há outra porta de saída e é a única maneira de subir em Vibração, mesmo quando as energias chegam.

Elas chegam pela cabeça, certamente. Para o momento vocês não estão no estado de percebê-las chegar diretamente no Coração. Esta etapa está em curso de instalação e não quero antecipar, demasiadamente longe, o cenário de Miguel e dos Arcanjos.

Mas, entretanto, desde 1984, há uma descida progressiva do Espírito Santo, vindo de Sirius, correspondente à energia do manto Marial ou do manto de Buda. É uma luz Azul. Esta Luz Azul tinha por vocação ativar os chacras superiores.

Obviamente, a Sombra apressou-se em passar por aí, ela também. A única diferença é que as forças da Sombra não podem ir no Coração.

Portanto, esta energia não pode entrar mais baixo que o chacra da garganta. Hoje, vocês têm uma preparação que foi feita pelos Casamentos Celestiais e pelo Arcanjo Metatron, em parte, que permitem à Luz Branca do Mestre da Luz entrar, em breve, muito breve, em manifestação.

O que acontecerá naquele momento? O que começam a sentir e a viver milhões de seres humanos sobre o planeta? É que, espontaneamente, no lugar de receberem uma energia que penetra Sahasrara e que desce no Coração, espontaneamente, eles sentem a Vibração do Coração. É uma grande novidade.

Há um desacoplamento entre a Coroa Radiante do Coração e a Coroa Radiante da cabeça. É extremamente importante. Mas, como dizia Buda, quando você chega ao nível dos poderes, é fascinante, porque você tem o conhecimento pleno de coisas, você tem o poder de manipular o que quiser, e Buda dizia: «salve-se depressa, porque o perigo está aí».

E, obviamente, as forças negras apreenderam-se disso. Agora, compreendam bem que, para a Unidade, mesmo o que chamo, em sua língua, Forças Negras ou Forças Luciferianas (que não são verdadeiramente negras, que são sombras, digamos), querem manter um plano evolutivo cortado da energia Crística e da energia Metatrônica (é tão simples assim), mantendo ao mesmo tempo uma rede de ligação à Fonte (contrariamente aos Illuminatis que, eles, querem apagar completamente esta ligação à Fonte) porque, para esses Mestres ditos Ascencionados, a evolução do ser humano deve continuar de modo linear, ou seja, querem fazer passar todo o mundo pela porta estreita da Ascensão ligada à purificação do carma.

Quer dizer deixarem-se durante ainda milhões de anos nesta situação. Nós dissemos «não».

Agora, cabe a vocês decidirem, dado que, de todo modo, haverá uma 3ª Dimensão Unificada .

Questão: quais são as manifestações desta Vibração do Coração?

É física, ela é física, com certeza. Não é algo que se passe na cabeça ou num corpo sutil. É uma Vibração física, percebida como algo que gira no coração.

Há algo que gira, que sentimos, uma pressão, um peso, isso gira, isso vibra. Mas é físico, não é na cabeça.

Questão: quando sentimos pressões sobre o coração e ao mesmo tempo, medos, isso não é contraditório?

Não é contraditório. Isso quer dizer simplesmente que a energia não está ainda estabilizada no Coração porque há vários níveis de abertura do Coração.

Então, vamos fazer um curso sobre a abertura do Coração: você tem de início a primeira etapa. Esta etapa se produz, até o presente, quando você recebe a energia pelo Shakti, pelo Espírito Santo.

Esta energia penetrava e chegava ao nível do Coração, dando uma dor acima do Coração. Essa é a primeira fase (por vezes um peso ou um grande vazio). Depois, pouco a pouco esta sensação física vai ser substituída por uma Vibração, algo que formiga, que se põe a girar sobre o Coração, de modo intermitente.

De início, isso pode dar medo porque não dá uma sensação de plenitude, isso pode fazer como um grande vazio no peito.

E depois, em seguida, num terceito tempo, esta Vibração vai se instalar regularmente, mas você a percebe. E depois, a um dado momento, esta Vibração vai dar um dos primeiros Samadhi, ou seja, em meditação, você vai começar a experimentar um sentimento de vácuo e de plenitude, ao mesmo tempo. E um dos primeiros Samadhi.

Em seguida, quando você recebe a Luz Metatrônica, começa a viver o Fogo do Amor, que é a dimensão que viveram os místicos.

Quando, por exemplo, Padre Pio ou Santa Tereza de Ávila foram transfixados pela espada de Miguel ou pela espada de um Querubim, eles viveram o Fogo do Coração. Eles tiveram o peito realmente aberto e queimaram ao nível do Coração.

É isso a abertura do Coração e o Fogo do amor. É isso.

Quando você chega nesta etapa de Fogo do Amor, você é capaz de gerar o que chamamos o Samadhi, o penúltimo Samadhi, ou seja, aquele que está justo antes do Maha Samadhi, onde você decide deitar-se e partir deixando esse corpo intacto. E isso que você é chamado a viver.

Mas, entretanto, a Vibração do Coração não é uma visão do Espírito, Mas a Verdade do coração, não é dizer «estou no Coração», é vibrar no Coração. Há uma diferença essencial.

É tempo de restabelecer a Verdade com relação a isso. Vocês não podem pretender estar no Coração se não têm a Vibração do Coração.

Vocês não podem pretender estar na Alegria, se dependem ainda de circunstâncias externas para viver a Alegria. A Alegria é um estado de abertura do Coração onde, assim que fecha os olhos, a Vibração os leva tanto na Unidade, que você está na Alegria, sem ter recurso de contentamento exterior.

E, ao final de um certo estado, você vive a irrupção da energia Metatrônica, que é o Fogo do Coração, que desencadeia, se você quiser, em todo o corpo, a recepção de radiações ionizantes, como os Querubins sabem fazê-lo, que vão abrir seu Coração à dimensão a mais absoluta.

Mas tudo isso acontece no corpo de carne. Não é num hipotético corpo astral ou corpo mental, não é? Isso concerne à estrutura celular e portanto vibratória real. E, quando o Coração está aberto, você tem a possibilidade de se imergir e também penetrar ou viver agora, Graças ao Arcanjo Uriel, o corpo de Existência, em meditação.

É o que tentam fazê-los viver as Radiações Arcangélicas e a Presença de Uriel, como vocês viveram há pouco. Então, poderíamos ir muito, muito mais longe, sobre o Coração, mas cada coisa em seu tempo.

Vocês tem, por exemplo, na ativação do Coração, seis pontos de Consciência extremamente precisos. Esses seis pontos do Coração são os lugares geo localizados em seu peito, que são os chacras de enraizamento da alma, os chacras de enraizamento do Espírito, o oitavo corpo, o nono corpo e a voz do Espírito que está nas costas.

Quando esses seis pontos estão em Vibração, vocês ativam o que chamamos as seis funções arquetípicas do Coração. A bondade, a compaixão, etc.

Mas saber a que correspondem esses pontos não é a Vibração do Coração, não é?

Em contrapartida, vocês podem desencadear a Vibração desses seis pontos (ver a «meditação sobre o coração», proposta por RAM, nos protocolos a praticar).

Do mesmo modo, quando cantam o OD-ER-IM-IS-AL, vão colocar em ressonância os cinco pontos da cabeça, periféricos, e, em breve, poderão fusionar a Coroa Radiante da Cabeça com a Coroa Radiante do Coração, que não são os chacras, é a parte periférica dos chacras que é ilustrada pelo anel de Fogo que vocês têm em algumas representações que viveram místicos no século passado, quando Cristo veio revelar o que ele chama seu Coração Sagrado.

O Coração Sagrado é, de fato, a Coroa Radiante do Fogo do Coração do Amor de Cristo que se prepara, atualmente.

Questão: esta Coroa Radiante corresponde ao que os Soufis chamam os Latifs?

Ao nível da cabeça, sim, não ao nível do coração. É a representação também que há no Indo-tibetano, do que chamamos a coroa de Buda.

Tem o chacra no chacra, não é? Vocês têm dois níveis Vibratórios mas têm também as 12estrelas de Maria. Mas, entretanto, vocês têm cinco pontos de Vibração que correspondem, também, a algo preciso, que vocês terão talvez, eu penso, em breve, a transcrição dos ensinamentos que foram dados sobre o Aqui e Agora, o Alfa e o Ômega.

Vocês têm de um lado o Aqui e, do outro, Agora, e vocês têm o Alfa e o Ômega. É no centro desta cruz que está presente ao nível da cabeça que vocês poderão encontrar a Coroa Radiante da cabeça que deve se colocar em comunicação com a Coroa Radiante do Coração, passando pela porta da garganta. (ver o protocolo «Presença do Ser, Ser na Presença») .

É a partir do momento em que essas duas Coroas Radiantes (que são o equivalente a «stargates», Portas de Estrelas, como as chamamos ao nível cósmico), que estão presentes em vocês, é quando vocês fusionam isso, que poderão começar a viver em Existência e penetrar espaços multidimensionais e sua Dimensão Estelar.

É naquele momento que se revela, também, o que chamamos as Quatro Linhagens espirituais que são os fundamentos de sua vida e de sua Consciência.

Questão: o Fogo do Amor se manifesta realmente por uma sensação de queimadura?

Sim, completamente, de Radiação que percorre todo o Coração com formigamentos por todo o corpo e que arde sem queimar. É um Fogo, efetivamente. É exatamente o que começa a viver cada vez mais seres humanos. Se você o vive, é que você é capaz de suportá-lo.

Questão: o que aconteceu realmente no que concerne à morte de Cristo?

Isso não tem qualquer importância. O importante é o retorno do Mestre da Luz, não as circunstâncias históricas. As circunstâncias históricas os afastam do instante presente.

Há dados históricos importantes, sim. Os dados históricos importantes, é a manipulação que teve lugar na Humanidade, em todos os níveis. É isso o mais importante.

Mas, uma vez que vocês realizaram e assimilaram e digeriram o fato de que foram manipulados, desde uma eternidade, depois, a nada serve atrasar-se nisso e reencontrar o sentido original.

O importante é saber. Depois, precisa passar a outra coisa e, a outra coisa, é sua soberania. Insisto nisso, o mais importante é apreender e gerar, em vocês, a Vibração do Coração.

Vocês são ajudados pela Inteligência da Luz, para isso, e pelos Conclaves, certamente, e nós, os 24 Anciões, e Maria.

Estamos aí para isso. Nós preparamos, nós também, o retorno do Mestre da Luz.

Questão: o Fogo do coração pode gerar uma aceleração dos batimentos cardíacos?

Sim, com certeza.

Questão: formigamentos até os dedos faz parte do mesmo processo sobre o Coração?

Não, isso corresponde a um desenvolvimento de uma energia eletromagnética nas extremidades. Corresponde a uma espécie de sobrevoltagem dos meridianos de acupuntura mas que participa do processo de elevação Vibratória, digamos.

Questão: e Vibrações muito importantes sentidas sob a planta dos pés?

Isso é o Fogo da Terra, que desperta e que vocês sentem, a maior parte.

Vocês têm três Fogos atualmente: o Fogo do Céu, que corresponde às energias Metatrônicas, às energias do Sol, que começaram a chegar em 15 de agosto.

Em seguida, em resposta, o Fogo da Terra, que demorou um pouco, devido às Vibrações pesadas da Terra, que compensamos no mês de setembro.

E vocês têm o Fogo do Amor, que está em relação direta com o Fogo Metatrônico, com a Radiação do Arcanjo Miguel e dos Querubins, ou seja, dos Quatro Vivos.

Há três Fogos diferentes, que devem se conjugar no ser humano. É assim uma forma de Trindade e, o mais importante, sendo, obviamente, o Fogo do Amor, ao nível do Coração. É ele que lhes dá, como dizem, o carimbo sobre o passaporte.

Questão: é normal estar como desconectado ao nível do mental, ao nível da cabeça?

É um muito bom caminho sobre o Fogo do Coração porque, enquanto o mental está demasiadamente ativo, o Coração não pode acender-se. Portanto, há seres humanos que têm necessidade de serem desconectados, sem isso, eles deliram (yoyottent la touffe).

Questão: que lugar terá o casal nas evoluções a vir?

Então, isso depende em qual dimensão está.

Eu poderia dizer: "No futuro", porque, nas dimensões Unificadas (em particular, a partir da 5ª dimensão), a noção de casal não quer dizer nada.

Lembrem-se que, nesta dualidade, vocês criaram tudo por dois. Os bebês, vocês os criam por dois, não é? E, nas outras dimensões, isso não acontece de forma alguma assim.

Portanto, tudo o que você hoje privilegia, como valores, que foram por vezes necessários, nesta dimensão (e que tiveram mesmo valores morais, sociais, psicológicos, a família, os filhos, a noção de paternidade, de maternidade e o papel da casa), tudo isso não existe mais porque, quando você está na 5ª dimensão, a casa, você a constrói em Espírito, não é? Portanto, isso não tem de modo algum o mesmo valor que o que você tem hoje.

Você não pode fazer analogia nem similiraridade. São mundos tão diferentes que os domínios que vocês estão, a maior parte, no momento, inacessíveis ainda.

Entretanto, se você vive a Coroa do Coração, se vive instantes de reencontro com a Existência que está ligada à Presença do Ser, naquele momento, pouco a pouco, você tomará conhecimento dessas outras dimensões.

Hoje, na noção de casal, há a noção de amor, de pertencimento, de reciprocidade, de sexualidade, também, em função da idade.

Mas o problema é que, quando você chega em dimensões etéreas, você pode «fazer o Amor» (não é fazer o Amor, atenção, mas são as mesmas sensações), eu por vezes tive as mesmas sensações com os 23 outros Anciões e, no entanto, não é uma orgia, não é?

E, quando Maria vem diante de nós, quando Maria se coloca no meio dos 24 Anciões, isso nos excita, mas isso não excita no mesmo lugar. Isso excita ao nível do Coração e é um prazer bem maior que aquele que você pode conhecer aqui embaixo.

Portanto, falar de casal nada quer dizer. Mas não digo que a Vida a 24 seja fácil.

Não temos mais perguntas, nós agradecemos.

Bem, então, caros amigos, eu lhes desejo uma boa continuação e sobretudo um muito bom abrasamento no Fogo do Coração, antes do Natal.

Vocês compreenderão muito em breve o que isso quer dizer. Aí está, eu lhes desejo sobretudo viver na Alegria, viver em sua soberania e emprego intencionalmente essa palavra porque, quando empregamos a palavra «Maestria» isso remete a controle. Não é uma questão de maestria, é uma questão de soberania.

Vocês devem decretar sua soberania, é assim que se constrói a Luz. Por conseguinte, isso é o mais importante: liberarem-se, na medida de suas possibilidades Vibratórias de Consciência, de todo sistema de controle, para reencontrar sua Dimensão eterna.

Então, sobre esse caminho, nós os esperamos muito numerosos, ao menos esperamos, para sua própria liberação e seu próprio retorno em sua Dimensão de origem.

Eu lhes transmito todas as bênçãos de nós, os 24 Croûtons e lhes transmitimos todo nosso Amor e todo nosso indestrutível apoio para sua liberação. Eu lhes digo até muito breve.

_____________________
Compartilhamos essas informações em toda transparência. Agradecemos de fazer o mesmo, se a divulgarem, reproduzindo integralmente o texto e citando a fonte: www.autresdimensions.com.
Versão para o português : Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário