Seguidores

SE VOCÊ COMPARTILHAR ALGUMA MENSAGEM DESTE BLOG, FAVOR REPRODUZI-LA EM SUA INTEGRALIDADE, CITANDO A FONTE OU INDICANDO O LINK DA MESMA.

21 de nov de 2009

ANAEL - 21 de novembro de 2009

DO SITE AUTRES DIMENSIONS


Questão: para ascencionar, somos supostos a reencontrar, antes, nossa chama gêmea?

Bem amados, isso faz parte de ensinamentos falsificados.

Vocês são totalmente livres e UM.
UM, que quer dizer que são livres, mesmo com relação a acasalamentos que teriam existido nesta dimensão.

Obviamente, foi referido, em numerosos ensinamentos, o que é chamado alma gêmea, chama gêmea, ou centelha gêmea.

Nada há aí que possa impedir qualquer ascensão. Obviamente, existem almas que eu qualificaria de gêmeas. Isso é uma realidade. Mas essas almas gêmeas estiveram prisioneiras, ao mesmo tempo, nesta dualidade.

Reencontrar a Unidade necessita comunicar com todo Ser e toda Consciência, do mesmo modo. Não há prioridade com relação a uma chama gêmea ou a uma alma gêmea.

Ao contrário, isso pode ser, mesmo, um obstáculo importante ao fenômeno da ascensão. A ascensão necessita reencontrar sua soberania integral e portanto sua Unidade.

Vocês são inteiros, Unos, a vocês sós. Não têm portanto que se preocuparem do outro.

A melhor maneira de ajudar o outro é subir em Vibração, Amar e Servir e subir em Vibração, porque é através dessa subida vibratória que vocês permitirão aos que estão a seu redor, sejam almas gêmeas ou inimigos, subirem ao mesmo tempo que vocês.

Questão: a inversão dos polos é estritamente magnética ou física?

Bem amados, qual importância tem isso se, a partir do momento em que os polos balançarem, o ser humano terá passado numa outra dimensão, se o aceita.

Então, vocês não terão que suportar as torturas, assim como quiseram lhes fazer crer, de alguns balanços. Esses balanços serão, obviamente, físicos, do mesmo modo que a Terra provará o fogo do Amor, a seu modo, que a fará ascensionar, ela também.

Entretanto, tudo o que é anunciado como fenômeno de natureza apocalíptica nada tem a ver com a verdade. A verdade é que, no momento em que este Apocalipse será vivido, ao nível não mais da Revelação, mas da desconstrução total desta esfera, vocês terão, vocês também, passado numa outra Dimensão.

Por conseguinte, isso não tem qualquer interesse. Entretanto, o balanço previsível é, obviamente, um balanço físico. Ele está ligado ao desaparecimento das forças de torção gravitacionais que conduziram esse sistema solar a se retirar sobre si mesmo.

A partir do momento em que as forças Arcangélicas, das quais faço parte, e o conjunto da Confederação Intergaláctica retificam o espaço/tempo, a curvatura desaparece.

As forças eletromagnéticas desaparecem portanto e, naquele momento, obviamente, a polaridade da Terra, tal como a conhecem, se inverte. Esta inversão é tanto magnética, como Terrestre, como física, e ela se refere ao que vocês chamam o Intraterra e o Extraterra: o que era interno tornar-se-á externo, isto é em retorno por uma espécie de fenômeno de invaginação, e de reversão.

O fenômeno de reversão (que está sob influência e sob a mecânica quântica do Arcanjo Uriel) produzir-se-á no momento vindo, mas, naquele momento, vocês mesmos estarão revertidos e, portanto, não terão mais, não mais, que temer o que quer que seja com relação a isso.

Questão: quais serão as necessidades do corpo quando tiver passado sob forma sílica?

Bem amados, todo ser humano não passará sob forma sílica. Existem numerosos Seres Humanos que terão necessidade de aperfeiçoar os caminhos da matéria e, desta vez, não mais de modo dissociado. Eles serão unificados à Fonte e, portanto, os modos de funcionamento serão profundamente diferentes.

Não haverá mais alternância entre dia e noite. Não haverá mais alternância Bem/Mal. Haverá Unidade de Consciência e Unidade da Luz.

Isso se traduzirá, para essas almas, pela experiência da matéria e da carne, à base de carbono (mas não mais dissociada) e Unificada.

Agora, as necessidades, se evocam as outras Dimensões? Se eu evoco, em particular, minha dimensão, obviamente, não temos alimentos, no sentido em que vocês entendem. Não temos trato digestivo, no sentido em que entendem.

Nossos órgãos são limitados a vibrações e não a funções, no sentido orgânico, metabólico ou de transformação. Essas funções estão ligadas a nossos deslocamentos, nos multiuniversos e multidimensões.

Essas funções estão diretamente ligadas a propriedades da Luz, além mesmo das estruturas sílicas, dado que se trata de estrutura de Luz que nada mais tem a ver com a sílica e que está em relação com constituintes que não existem na superfície de seu planeta, cujas propriedades Vibratórias, como átomos, são de longe muito superiores, mesmo, ao que pode existir na sílica.

Questão: para aqueles que passariam na 5ª dimensão com seus corpos físicos, o que ocorrerá com esse corpo?

Bem amados, é preciso bem compreender que o fenômeno da Ascensão não é um fenômeno linear ou pontual. É um fenômeno destinado a se estender durante todo o período da Revelação.

Existem, com efeito, assim como lhes disseram, várias ondas de Ascensão. Essas Ascensões poderão se fazer com ou sem o corpo. Entretanto, a Ascensão final que é a mais importante se produzirá por uma transmutação total do corpo físico.

Como produzir-se-á esta transmutação? Ela estará ligada à chegada de uma onda conjunta, na Terra, de uma irradiação solar, extremamente potente, acoplada a uma irradiação vinda do fins remotos do cosmos desta galáxia, vindo transmutar totalmente o corpo de carne.

Trata-se de radiações ionizantes que vocês chamam de raios gama. Esses raios gama não visam destruir sua estrutura física, mas transmutá-la e liberar totalmente o DNA e, sobretudo, transmutar o carbono em sílica.

Isso realizar-se-á de modo muito natural, no momento da chegada da onda galáctica final. Aqueles que não tiverem ainda ascensionado, numa Dimensão ou outra, viverão o que é chamado o Fogo do amor e verão chegar para eles uma Luz.

Esta Luz e este calor não queimam. Trata-se da famosa Luz que vivem as pessoas que vivem uma experiência às portas da morte e que vêem ao longe. Muito poucos dentre eles têm a possibilidade de ali penetrar.

Lá, vocês serão penetrados por esta Luz e por esta Radiação e seu corpo viverá, naquele momento, esta transformação.

Entretanto, é-lhes preciso aceitar que, antes disso, existem outros processos de transformação Vibratória.

Alguns passarão pelo que poderiam chamar elevações, nas Embarcações de Luz pertencentes à Confederação Galáctica. Estas, manifestar-se-ão em diferentes épocas e em diferentes períodos.

Entretanto, vocês não estão ainda, a priori, nesse momento.

Contentem-se de viver a Vibração. Contentem-se de se colocarem na nova Vibração da Unidade que percorre a Coroa Radiante da cabeça e a Coroa Radiante do Coração, a fim de integrarem, em vocês, esta Vibração.

A Ascensão não é um problema em si. A interrogação mental, com relação a isso, sim. Porque, obviamente, vocês penetrarão dimensões que lhes são, para a maior parte, ainda desconhecidas.

Mesmo pelas portas da morte, vocês não reencontram essas Dimensões, tais como as mortes que vocês viveram em suas vidas passadas. Trata-se, verdadeiramente, de um mundo totalmente novo, para muitos de vocês.

Isso é um choque ao nível da Consciência. Passar de um corpo físico a um corpo de pássaro. Passar de um corpo físico, ao fato de viajar ao interior de um outro corpo, como isso será o caso, para os Merkabas coletivos.

Os Merkabas coletivos são o que? São seres pertencentes a Dimensões de longe superiores à 11ª dimensão e que no entanto percorrem esta humanidade num corpo de carne.

No momento vindo, eles se transformarão no que vocês chamam uma Merkaba coletiva e poderão então levar vários de seus irmãos e irmãs dentro de seu próprio veículo.

Questão: a Merkaba coletiva não seria então somente a reunião de várias Merkabas individuais?

Bem amados, existem várias Merkabas coletivas. Algumas são a reunião de Merkabas individuais mas existem seres cuja Merkaba individual torna-se uma Merkaba coletiva, pela potência Vibratória desses seres.

Eles serão capazes, naquele momento, de levar milhares de almas com eles, para a Luz.

Questão: com relação a nosso futuro, há linhas de probabilidade que se concretizam em função da evolução. Quais são então as principais linhas a vir?

Bem amados, as linhas de probabilidade são função da persistência de uma Dimensão. Ora, como esta desaparece, pura e simplesmente, não há mais linha de probabilidade. Há desaparecimento total das linhas de probabilidade.

Vocês vão onde o princípio de atração e de ressonância os levará. O que os levará será sua capacidade Vibratória e nenhum outro. Nenhuma valise, nenhuma bagagem, qualquer que seja, física ou psicológica, ser-lhes-á de qualquer utilidade. Somente sua capacidade Vibratória, dentro de seu corpo físico, desencadeará o fenômeno ascensional e os fará ir para onde devem ir.

Absolutamente nada existe, ao nível de linhas de probabilidade do futuro, dado que, como o sabem, o futuro desta Dimensão não existe.

Questão: em alguns ensinamentos fala-se muito dessas linhas de probabilidade.

As linhas de probabilidade são função de uma concepção linear do tempo. A concepção linear do tempo, tal como vocês a concebem nesta Dimensão, não existirá simplesmente mais.

Portanto, as probabilidades lineares não existirão mais. Serão probabilidades quânticas, transdimensionais, de acesso a outras Dimensões mas elas não poderão mais estar ligadas a ações/reações.

Obviamente, inúmeros «professores» recebem coisas diferentes, dizendo-lhes que nada está escrito, que tudo pode se transformar, que a Ascensão pode se produzir, em cem anos, em duzentos anos, ou em mil anos.

Obviamente, tudo pode ser dito para impedi-los de adquirir seu veículo de Vibração. Retenham bem o que lhes digo e o que lhes disse a divina Maria: o mais importante é a Vibração que vocês podem suportar nesse corpo, porque a luz que vem, sob forma de radiações ionizantes, sob forma de plasma solar, é uma Vibração e, em função da adequação que vocês serão capazes de desenvolver com esta Vibração, vocês viverão o que terão a viver.

As linhas de probabilidade, estatísticas ou de ação/reação não têm qualquer sentido com relação a esse fenômeno.

Questão: mesmo se ligada, não à ação/reação, mas à criação?

A partir do momento em que você emprega o termo probabilidade linear, você chama a uma ação/reação, ou uma criação, se quer, mas desta mesma Dimensão. A partir do momento em que a dimensão não existe mais, o que se tornam essas linhas de probabilidade? O que se tornam essas criações?

Questão: Miguel falou de duas Trindades diferentes: uma, ligada à 3ª Dimensão e uma, ligada à 5ª Dimensão, com a Fonte, Miguel, Metatron e a Mãe divina. Isso quer dizer que a triUnidade, tal como a concebemos, não nos permite estarmos religados à Fonte? E qual é a que podemos nos apoiar, para nos religarmos à Fonte?

A Trindade, tal como a conhecem em sua Dimensão, foi falsificada. Obviamente, a Trindade está presente tanto na tradição oriental como na tradição católica.

Na tradição católica, por exemplo, é chamada Pai/Filho/Espírito Santo, que jamais existiu. A verdadeira Trindade original era ligada ao que chamamos Pai /Filho e sobretudo Mãe, e, obviamente, a Mãe foi substituída pelo Espírito Santo, que é masculino e não mais feminino.

Ora, não existe Santo Espírito. Existe um Espirito Santo que é de natureza feminina; ele é representado por Maria.

Obviamente, a Igreja católica tudo fez, quer seja a romana ou a ortodoxa, para suprimir o papel Criador e Criadora de Maria e das mulheres, em geral. Assim, de certo modo, existe uma Trindade a vir, em relação com a nova aliança com a Fonte, que não está mais falsificada e que é autêntica, que está ligada, efetivamente, a algumas características da Consciência que vocês viverão nas multidimensões.

Obviamente, a utilização falsificada, chamada Pai/Filho e Santo Espírito, absolutamente nada tem a ver com a origem da Criação desta Dimensão que remonta a milhões de anos.

Agora, a falsificação desta Dimensão teve lugar, há 320.000 anos, um pouco menos de 320.000 anos, no momento em que os Arcontes chegaram sobre a Terra e nesse setor da Galaxia. A partir daquele momento, e devido à influência das forças eletromagnéticas de rebaixamento Vibratório, as forças da Luz (encarnadas na época pelas entidades de Sirius, as entidades delfinóides e as entidades chamadas, à época, os Gigantes) foram obrigadas a fugir, em catástrofe, desta parte do sistema solar.

Desde esses 320.000 anos, a cada 50.000 anos encerra-se um ciclo de respiração cósmica que permite a algumas almas escaparem ou entrarem no ciclo mas, entretanto, jamais até o presente, as forças da Luz puderam extirpar esta dimensão eletromagnética, o que foi feito este verão (na França), e que havia sido já iniciado antes mesmo de nossa reunião em Conclave, desde o final de seu ano passado.

Miguel lhes falou de uma Trindade, do Espírito Santo, da Fonte e do Ultravioleta. Existem múltiplas Trindades. Cada trindade é portadora de uma Criação.

Aliás, não é por acaso que o símbolo dos Arcontes é um triângulo com um olho, seja dentro, seja acima. Eles copiaram, literalmente, como sempre para sua vantagem e seu lucro, a noção de tudo o que é espiritual, chanfrando e cortando da Fonte primeira ou Fonte Una, ainda chamada, em Atlântida, a lei do Um. Tudo foi feito para isolá-los e fechá-los nesta dualidade.

Questão: Miguel espeficifou que, nesta Dimensão, a triunidade não está religada à Fonte.

Sim, ela foi religada, no Espírito dos Seres Humanos (e no espírito do Criador da falsificação e não da Criadora original), a uma noção que está ligada efetivamente ao que foi chamado Pai e Filho, para suprimir, obviamente, a dimensão da Fonte.

Recordem-se que, mesmo nas suas Escrituras sagradas (que são apenas cópias dos escritos mais antigos), há um certo número de ensinamentos e de informações. Por exemplo, os Elohim, essas entidades Criadoras, assim, foram transformadas em Deuses, foram transformados em outra coisa que a Fonte.

Eu os convido a reler o Apocalipse de São João ou o Evangelho de João, cujas primeiras frases não foram falsificadas. A saber, que no começo era o Verbo, e o verbo estava junto da fonte e não junto de Deus ou junto dos Elohim; Elohim eram as entidades as mais religadas à Fonte, de maneira autêntica. Assim, portanto, em sua Dimensão, não persistiu qualquer Trindade realmente religada à Fonte, devido mesmo à da falsificação dos Arcontes ocorrida há 320.000 anos.

Questão: quando queremos nos religar à Fonte, sobre qual trinunidade devemos nos apoiar?

É preciso bem compreender que a ligação não é um ato de fé. A ligação é um ato Vibratório. Assim, este ato Vibratório deve trazer em vocês frutos de natureza Vibratória.

Tudo depende de onde percebem essas Vibrações. Se não há Vibração percebida, há apenas uma ligação ao nível mental ou ao nível emocional. A ligação da Vibração é outra coisa que a imaginada no mental ou na emoção, do que vocês chamam corpo emocional.

Entretanto, é preciso bem compreender que hoje, e desde a inicialização dos Casamentos Celestiais, lhes é possível, efetivamente e de maneira Vibratória, religarem-se, de maneira definitiva, à Fonte, sem mesmo passar pela Trindade.

Questão: o que chamamos «o canto da alma» está relacionado com a evolução do som SI?

O canto da alma corresponde à nota SI. Existe um certo número de sons percebidos na cabeça e mesmo ao nível do corpo. Esses sons devem evoluir e passando, eu diria, de maneira obrigada, ao nível da nota SI, ou do som SI, porque esse som SI assinala o acesso da Alma ao Espírito; ao Espírito e, portanto, à Fonte, mas também a seu corpo de Existência que está estacionado no Sol.

A partir do momento em que essa ponte de luz é estabelecida, permite-lhes estabelecer uma Vibração consciente, pelo som e também pelos chacras, pelas Rodas brilhantes de energia, ao nível da cabeça de início e, num segundo tempo, ao nível do Coração.

É isso que lhes permite realizar a Alquimia, em vocês, das portas dimensionais e penetrar, em toda lucidez e em toda Consciência, o corpo de Existência.

Então, obviamente, existem outros sons que o Arcanjo Miguel, e nós mesmos, não enumeramos, que correspondem a estados de Samadhi específicos que, hoje, não têm mais lugar de ser, com relação a sua evolução, eis que, justamente, vocês saem desta evolução linear para penetrar numa evolução quântica.

Questão: a palavra Mestre de Luz foi empregada por Maria. Poderia nos dar o significado da palavra «Mestre» nesse contexto específico?

A palavra «Mestre de Luz» foi decidida pela própria Fonte, no momento em que uma entidade tinha a capacidade de encarnar nela a totalidade da energia do Pai/Fonte em si.

Assim, este ser tornou-se, em seu universo local, aquele que foi chamado o Mestre de Luz ou KI-RIS-THI ou ainda Cristo.

Cristo, ou KI-RIS-THI, ou ist, ou KI-RIS-THI, ou o Ungido do Senhor, é aquele que corresponde ao que chamamos o Mestre da Luz.

Do mesmo modo que Maria tem, nela, as sete chaves dos sete Selos Arcangélicos, do mesmo modo, o Mestre de Luz tem a responsabilidade no estabelecimento da reversão à Luz desta Humanidade.

Assim, portanto, o Mestre de Luz é Cristo. Ele é Mestre da Luz porque conseguiu dominar, na Sombra, a Luz, e a si tornar sua extensão.

Questão: o ser que Maria chamou Arconte, Deus ou Diabo, faz parte da alma grupo ou da Consciência coletiva dos Drakos ou Dragões que vieram sobre a Terra há 300.000 anos?

Sim.

Questão: os prenomes são significativos de escolha de almas?

Sim. De maneira quase sistemática, nesta ilusão, os prenomes escolhidos são sugeridos aos futuros pais que vão acolher esta alma nesta ilusão.

Assim, portanto, o prenome é portador de uma Vibração que os liga a sua alma. Mudá-lo não é insignificante. Assim, você mesmo falsifica sua própria origem de Alma.

Você deve, a todo preço, guardar seu verdadeiro prenome, porque ele é portador de Vibrações que guiaram seu caminho linear nesta densidade.

Questão: por que tanta violência? Como se proteger e transformá-la?

A violência é uma das manifestações da dualidade. A violência está apenas ligada à falta de Amor, existente, não em vocês, mas no conjunto da Humanidade, eis que é fortemente cortado da Fonte, para não dizer de outro modo.

Vocês têm apenas sua centelha Divina que lhes permite estarem ainda religados à Fonte, sobre o plano Vibratório. É por isso que hoje aceleramos o acesso à Existência.

É preciso bem compreender que o que chamamos, entre nós, os maus rapazes, criaram, desde muito tempo, através das matrizes eletromagnéticas que são em número de três, envelopes nos quais se desenvolvem forças de tensões extremas que estão relacionadas, efetivamente, primeiramente, com o sofrimento e com a violência.

Vocês têm, hoje, apenas uma única maneira de se protegerem da violência. Entretanto, se vocês empregam o termo proteger, vocês estão ainda na ação/reação.

A única maneira de dissolver a violência que se manifestaria em sua vida ou em seu ambiente, seria elevar seu nível Vibratório.

A partir do momento preciso em que seu nível Vibratório se torne impermeável ao sofrimento e à violência, o que acontece? Se você tem uma profissão que o expõe a esta violência ou a este sofrimento, você é obrigado a se desviar, porque não terá qualquer meio, com sua Vibração de Luz, de transformar a totalidade dos sofrimentos e violências aos quais será confrontado.

Num segundo tempo, tendo transcendido seus próprios limites relacionados à violência e ao sofrimento (e às atrações profissionais ou afetivas que possam provocar), você mesmo irá superar esta dualidade de reação, entrando em Unidade.

E, progressivamente e à medida em que sua vida evoluir na Unidade, a violência não poderá mais simplesmente manifestar-se, a você, sob uma forma ou outra. O princípio de atração e de ressonância jogam, aqui, a pleno.

Quer dizer que, enquanto se manifesta a você uma violência, você sofre uma reação em relação com uma ação que você gerou um dia. Esta é a regra ação/reação criada pelos Arcontes.

O carma é portanto também uma Criação dos Arcontes. Não existe nos mundos espirituais.

Questão: hoje é importante ou útil conhecer o nome espiritual?

Seu nome espiritual ser-lhe-á revelado, por você mesmo a você mesmo, e não por uma pessoa de fora. Do mesmo modo que foi desenvolvido, numerosas vezes, o que chamamos as linhagens espirituais.

Essas quatro linhagens espirituais sustentam e permitem-lhes não serem cortados da Fonte. Mas, entretanto, nenhuma autoridade de fora pode ter poder sobre vocês para dar suas linhagens. Elas lhes pertencem a vocês mesmos e se revelam a vocês, no momento vindo.

O mais importante, hoje, para subir em Vibração e se religarem a sua própria Unidade, foi dado por múltiplos ensinamentos.

Eu penso, em particular, no ensinamento de Mestre RAM, um dos Melquisedeques. Eu penso, em particular, no ensinamento que foi dado pelo Intraterra, concernente às chaves cristalinas e as chaves ascencionais, mas também outras técnicas que lhes serão reveladas, muito em breve, pelo Arcanjo Miguel em pessoa.

Questão: Se o carma não existe, de onde vem a expressão «Senhores do carma»?

Os Senhores do carma, ou Lipikas cármicos, é uma expressão consagrada e utilizada no Oriente.

Os Senhores do carma não são outros senão os 24 Anciões que vigiam para que esta Dimensão não seja cortada definitivamente da Fonte.

Questão: a Fonte pôde criar almas a partir do som?

O som é Criação. Assim como disse, a Vibração se manifesta pelo som, a cor e a forma, em todas as Dimensões.

Assim, portanto, a Fonte não criou mas ela se criou por si e as Criações partem da Fonte, exteriorizando-se elas mesmas da Fonte.

Entretanto, nas Dimensões, quaisquer que sejam, o aspecto Criador não está ligado à Fonte. A Fonte mantém a vida e a coesão.

Ela é Fonte de Vida, como seu nome o indica, mas a Criadora é Maria.

Em todo caso, nos outros multiuniversos e outras multidimensões, uma entidade exteriorizada da Fonte tem todo poder para manifestar Criações nas Dimensões, na condição de não se cortar da Fonte (coisa que fizeram os Arcontes).

______________________________
Compartilhamos essas informações em toda transparência. Agradecemos de fazer o mesmo, se a divulgarem, reproduzindo integralmente o texto e citando a fonte: www.autresdimensions.com.
Versão para o português : Célia G. http://leiturasdaluz.blogsopt.com

MARIA - 21 de novembro de 2009

DO SITE AUTRES DIMENSIONS



Eu sou Maria, Rainha dos Céus e da Terra. Bem Amados humanos em encarnação, eu venho a vocês a fim de esclarecer um certo número de noções que, neste final de seu ano que se aproxima, me parecem capitais, para sua compreensão, para sua aceitação e para sua transformação, se a desejam.

Maria é meu nome, tal como foi conhecido sobre esta Terra quando percorri os caminhos da encarnação. Meu nome do Céu não é Maria. Meu nome do Céu está ligado ao que eu sou, e o que sou, Rainha do Céu, porque, ao nível desse Céu, como em outros Céus, fui eu quem criou e quem deu Vida a uma Dimensão, há muito tempo.

E, como todo Criador intervindo nas Dimensões do Pai ou da Fonte, esse Criador deve levar a bom termo um projeto e uma evolução, em acordo com o Amor e com a Fonte. Isso remonta a bem muito tempo.

Rainha dos Céus, Rainha da Terra, esta Terra, como tantas outras, onde tomei formas de Vida no que chamam a Dimensão onde vivem (3ª Dimensão), como Criadora, nos multiuniversos e desta dimensão específica.

Como outras entidades criadoras (que lhes são conhecidas sob o nome de Elohim, Nephilim, Gigantes) que manifestaram-se em momentos precisos da história da Humanidade, sobre esta Terra ou em outros lugares, foram Almas ou Consciências que acompanharam até o final sua Criação, ali permanecendo, a fim de ajudá-la.

Além do papel histórico que me foi atribuído, meu papel situa-se, sobretudo para vocês hoje, como Mãe do Céu.

Em breve eu venho a vocês e eu venho do Céu.

Além desse nome, outras manifestações de minha Presença tiveram lugar, mesmo nesta Terra, mesmo nesta civilização. Numerosas Consciências Humanas encarnaram sob minha ressonância e sob minha Vibração. Muito numerosos emissários sulcaram de seus passos seu país, suas regiões, desde tempos imemoráveis.

Eu sou a Criadora desta Dimensão e, como tal, vocês que emprestam os hábitos desta Dimensão, são também meus filhos. Mas, além de serem meus filhos, vocês são, antes de tudo, filhos da Fonte, filhos da Luz e Seres de Luz, total e inteiramente.

Vocês são também, assim como o disse o Arcanjo Miguel, Sementes de Estrelas, correspondendo, nisso, ao que disse meu Filho quando fui Maria: «vocês estão nesse mundo mas vocês não são desse mundo». E também, como ele disse: «há numerosas moradas na casa do Pai».

Hoje vocês se aproximam do instante final da Revelação. Revelação no que lhes concerne, no que vocês são.

Revelação também sobre dados importantes concernentes a um certo número de coisas que foram, pelo menos, deformadas, falsificadas, em relação justamente com o que vocês chamam religiões.

Sua Humanidade atribuiu-me coisas que jamais pronunciei. Meu coração de Mãe é aquele de uma Mãe que ama todos seus filhos, sem exceção e que jamais punirá o menor de seus filhos, por uma razão simples, que é a de que eu os concebi e criei livres, totalmente.

Entretanto, a liberdade que lhes concedi e criei nesta Dimensão foi, em tempos antigos, desviada da Fonte e transformada por entidades de Consciência muito elevada, que decidiram se liberar da Luz e levar a efeito um certo número de experiências específicas, fazendo com que Consciências livres, Consciências de Estrelas, penetrassem esta densidade onde vocês estão, perdendo toda ligação e toda lembrança da ligação à Fonte e à Eternidade.

Assim, vocês todos, aqui presentes sobre esta Terra, foram aprisionados e fechados dentro de uma prisão. Esta prisão, hoje, alguns de vocês começam a perceber os muros e as barras. Outros, enfim, e são os mais numerosos, em número e em frequência, são aqueles que não imaginam mesmo que existe uma prisão, que existem muros ou barras. Para eles, é a única Verdade, não existe outra realidade possível, outra possibilidade de Vida, em outro lugar.

Nesse sentido, essas Consciências superiores que voluntariamente se privaram da Fonte, intitularam-se elas mesmas Criadores e criaram leis (que vocês chamam carma, ação/reação, eletromagnetismo, o bem, o mal), em resumo, tudo o que vocês conhecem nesta densidade, para alguns de vocês desde centenas de milhares de anos.

Então, obviamente, hoje, quando os Arcanjos vêm anunciar que vocês são muito mais do que acreditam, que vocês não são esse corpo que habitam, que há em vocês uma Dimensão de Luz escondida e encoberta, vocês têm, obviamente, dificuldade a aceitar.

Enquanto vocês não tiverem acesso ao que o Arcanjo Miguel chamou o corpo de Existência, o corpo de Eternidade, isso pode lhes parecer uma bela história, e, no entanto, ela é a estrita Verdade.

E é esta Revelação, hoje, que se faz a vocês. O Arcanjo Miguel anunciou, desde numerosos meses, que ele vinha para desconstruir, fazer cair os véus de suas próprias ilusões, do que vocês chamam esta matriz, porque trata-se sim de uma matriz.

E uma matriz é o que permite iniciar uma gestação. Esta gestação foi uma experiência como uma outra, mas, hoje, esta experiência deve terminar; ela não tem mais razão de ser no que é a Vida não limitada, no que é a Vida, além do bem e do mal.

Então, para voltar ao que lhes dizia, como podem vocês crer que pude vir, a um dado momento ou outro, sob uma forma de aparição, dar mensagens de castigo ou de punição a meus filhos? Nada daquilo é verdade. Nada daquilo existiu mas, entretanto, vocês devem compreender que não têm que julgar ou condenar aqueles que se cortaram voluntariamente da Fonte.

Esses criadores, esses maus rapazes (como os chama o grande Melquisedeque) são também filhos da Fonte, mesmo se não o reconheçam no momento. Então, eles também não devem ser julgados.

Como vocês querem escapar da ação/reação se vocês mesmos mantêm a ação/reação? Meu Filho, inúmeras vezes, exprimiu esse conceito, explicando a diferença entre a Lei de Talião (que prevalecia em seu tempo) e a Lei da ação da Graça que tinha vindo instalar e instaurar.

Entretanto, hoje, mesmo as circunstâncias de sua Vida (através da sociedade que vocês construiram, através das regras sociais que vocês elaboraram, através dos laços familiares que se criaram, através dos múltiplos laços que os prendem) não os liberarão jamais, porque não há liberdade no mundo que vocês exploram, há apenas ilusões de liberdade. A verdadeira liberação, a verdadeira liberdade, está além de sua prisão e, no entanto, esta prisão permitiu, a alguns de vocês, crescer em Luz, apesar do véu e do esquecimento.

Hoje, a Fonte decretou (o Conclave Arcangélico seguiu e o conjunto dos 24 Anciões permitiu, por seu trabalho, e pelo trabalho de vocês, também, Bem amados Filhos) devolver-lhes sua liberdade.

Então, obviamente, inúmeras forças e inúmeras Consciências presentes em sua Terra não os querem livres; elas querem mantê-los fechados, dominados, escravos. Escravos de que? De seus condicionamentos, de seus medos, do conjunto de fatores que fazem com que, para vocês, a única realidade seja aquela que vivem e que nada do que existe além, nada do que existe para além do véu da morte e da encarnação, não seja real, nem sensato, nem tangível.

Hoje, isso deve parar. Hoje, vocês devem redescobrir sua dimensão de Amor e de Eternidade. Nisso, o Arcanjo Miguel (e no que vocês realizaram) permite, a um número cada vez mais importante, reconectar e reviver esta dimensão de Eternidade.

E o que vocês descobrem? Para aqueles de vocês que acedem a esse novo estado de Consciência, bem constatam que estão ainda na prisão, mas que, entretanto, sabem que estão na prisão e que, além desta prisão, existem mundos de beleza, de Unidade, onde o bem e o mal não têm mais lugar, onde a Vida é dança permanente e expansão permanente, na Luz e na Alegria, onde a Sombra não existe; aí está o paradoxo.

É preciso hoje que vocês escalem a montanha, acessem esse estado de Existência, a fim de aceitar a consistência e a Consciência. E, para isso, é preciso que dêm um passo.

O Arcanjo Anael exprimiu-se longamente desde o início da desconstrução do ano de Miguel. Dar um passo para a Luz é aceitar dar um passo além das crenças que os fecham, quer seja num modelo familiar, num modelo religioso ou num modelo educativo.

Vocês devem vencer. Vocês devem ir para a Luz e isso deve ser para vocês uma busca essencial. Essa busca não é uma vã palavra, não é uma Luz imaginada ou um fantasma atrás de seus olhos fechados.

Ela é, antes de tudo, Vibração e a Vibração é a Consciência. E se sua Consciência vibra além de sua prisão, vocês constatarão muito facilmente que acessarão a outros estados de vocês mesmos, bem mais livres, bem maiores e bem mais luminosos.

Esses estados de vocês mesmos (em outros Espaço/Tempos, chamados outras Dimensões) são desprovidos de medo, são desprovidos de Ilusão e sobretudo são desprovidos de toda ação e reação. Jamais pude falar de outro modo a meus filhos.

Eu venho trazer-lhes a liberdade e a liberação. Eu não venho castigá-los, não venho puní-los. Como o Mestre da Luz, meu Divino Filho, que vocês chamam Cristo, eu venho liberá-los. Ele os libera pela Luz. Ele os chama a si, muito em breve.

Entretanto, para responder ao chamado, é preciso ter, como ele o disse, sua própria casa. O que é uma própria casa? É uma casa onde o medo se esvaiu diante da Alegria. É uma casa onde vocês constataram que existem vários andares e que sua Consciência pode ir de um andar a outro e não permanecer no térreo.

É também abandonar-se à Inteligência da Luz e à Inteligência da Criação, além desta Ilusão, criada por aquele que se nomeou a si mesmo Deus ou Diabo.

A mesma entidade que, sob múltiplas caras, os domina cada vez mais à dualidade, à Lei da ação/reação, ao bem e ao mal, a algo que os fechará e que os fecha já e que, se fosse contínuo, os fecharia totalmente até apagar, em vocês, a menor veleidade de Luz, a menor veleidade de Alegria, de felicidade, cortando definitivamente as pontes.

Isso, a Fonte não aceitará jamais.

Eu, como Divina Maria, venho realizar o que a Fonte decretou. O Conclave Arcangélico entregou-me as chaves. Em breve me dirigirei ao conjunto da Humanidade, pela porta do Coração, porque não pode ser de outro modo.

Eu apenas posso tocá-los com o Coração. Eu não posso tocá-los através de aparições. Eu não posso tocá-los através de palavras mas unicamente através da Vibração do Coração. Isso é para breve.

Entretanto, existe um certo número de fenômenos específicos em relação com a desconstrução total da Ilusão. Esta desconstrução total da Ilusão começou no mês de abril de seu ano. Ela prosseguirá bem além do final deste ano.

Mas, entretanto, durante essas últimas semanas de seu ano Terrestre, muitas mudanças devem ocorrer em suas Vidas, em seu mundo. Não são punições nem castigos de qualquer entidade da Luz, mas apenas estão ligadas às resistências à Luz. O ponto de vista não é de forma alguma o mesmo.

Obviamente, entidades lhes dirão que é o castigo pela falta de Amor da Humanidade. Ainda uma vez, a culpabilidade. Ainda uma vez, a dualidade. Mas saibam e digam-lhes, vocês não estão aí estritamente para nada. Esse não é seu jogo.

Forçaram-lhes a jogar um jogo e vocês estiveram fechados nesse jogo. Acreditem sim que nós, Forças da Luz, nós, da Confederação Intergaláctica dos multiuniversos, procuramos o meio de romper esse sortilégio e extirpar-lhes de sua prisão, sempre respeitando o sacrossanto livre arbítrio, tal como foi definido pela própria Fonte, que permitiu a esta experiência manifestar-se no que vocês chamam encarnação. Isso foi realizado este verão (França).

Hoje, o ser humano, se o deseja, se abandona o medo para entrar no Amor, se abandona as limitações para entrar no ilimitado, se aceita que isso é possível, então, lhe é realmente possível viajar nesses espaços, desde pouco tempo mesmo.

A Radiância do Arcanjo Uriel, que teria de se manifestar somente a partir do ano de 2011, manifesta-se a vocês, de modo antecipado, a fim de fazer-lhes viver, mesmo nesta densidade, a experiência da Luz, sem mesmo deixar esse corpo, e ir em Existência em seu corpo de Eternidade, mas mesmo nesse corpo fragmentado, dividido, que vocês habitam (que foi falsificado, eu os lembro, e que não é meu feito).

Vocês têm a possibilidade, agora, de recuperar totalmente sua Unidade. Nesse sentido, as Radiâncias Arcangélicas, assim como a Radiância do Arcanjo Uriel, permitem-lhes viver isso. Isso ser-lhes-á proposto, acompanhado de minha Presença, no final desta intervenção.

Bem Amados filhos da Luz, Bem Amadas Sementes de Estrelas, assim como lhes disse Miguel, vocês são livres, de toda Eternidade. A escravidão terminou. Vocês podem, se quiserem, se liberar.
Como se liberar? Bem, isso é muito simples: não há que resistir, não há que entrar em oposição ao que quer que seja. Há simplesmente que ser, manifestar a Presença, manifestar a Vibração da Luz, em seus corpos, aqui mesmo.

Nisso, vocês elevarão suas Vibrações e penetrarão progressivamente, passo a passo, ou de maneira fulgurante, segundo seu caminho de alma, os domínios do ilimitado, os domínios da Eternidade.

Isso está aberto a cada um de vocês. Não existe qualquer limitação de outra ordem (quer seja a idade, quer sejam as doenças). Os únicos limites são aqueles que vocês colocam, vocês mesmos, ao nível de suas próprias crenças e suas próprias dúvidas.

O que acontece neste final de tempos e final de ano é verdadeiramente uma Revelação. Vocês nada têm a temer, nada a duvidar, mas, bem ao contrário, tudo a esperar e a acolher, porque é a Luz que se derrama para vocês.

Então, algumas entidades lhes dirão que isso é castigo. Não creiam jamais. O único castigo que haveria seria para aqueles que teriam mantido esta dualidade e que recusariam ir para a Unidade.

Ir para a Unidade não quer dizer perder a materialidade, mas transformar esta materialidade em algo mais leve, onde a Sombra não tem mais o mesmo peso, onde a ação/reação não tem mais esse peso que eu qualificaria de demônio, que os domina cada vez mais e cada vez mais profundamente, nesta Dimensão, privando-os de toda Luz e de todo acesso à Fonte.

A Fonte é Una. A Fonte é bondade. A Fonte é Vibração. A Fonte é amor. Ela não é nenhum outro. Não existe qualquer Deus vingador se não aquele que se intitulou assim e que é ele mesmo o Diabo, jogando assim o duplo jogo daquele que pune e daquele que recompensa à volta de papel, provocando-os ainda mais na Ilusão.

A palavra certa para a Luz é a fonte, a Unidade.

Vocês são os filhos da Lei do Um porque, todos, foram criados e criaram, vocês mesmos, por mediação da Unidade.

Vocês não podem pertencer à multiplicidade e ainda menos àquele que queria fechá-los totalmente. Vocês foram criados livres e devem reencontrar sua liberdade. Sua liberdade está além das contingências, além de todas as crenças que lhes foram acrescentadas, camada por camada, em suas encarnações.

Se vocês tomarem o espaço de um instante para parar a agitação de seu mental, a agitação de suas emoções, a agitação de sua Vida social, não seria mais que um instante, e se alinhassem com vocês mesmos, sentiriam a Presença da Unidade em vocês.

Isso se faz, ainda uma vez, por pequenos toques ou por fulgurância, de acordo com as camadas que foram juntadas desde sua chegada nesta Dimensão.

Hoje, e dentro de muito pouco tempo, a Terra viverá momentos únicos em sua história. O mundo de Luz poderá enfim fazer irrupção nesta densidade. A Luz que vocês vêem com seus olhos não é a Luz.

O Sol que vocês vêem com seus olhos não é o Sol. Tudo o que vocês acreditaram não existe. O que existe é a Alegria interior, é a Luz em vocês, a criança interior que pede para nascer, para se manifestar e se recriar por si na Alegria.

O resto são apenas constrangimentos introduzidos pelos sistemas de controle, quaisquer que sejam (sistemas de controle social, político, religioso, sistemas de controle de todos os níveis), tendo-os feito correr através de valores que eram apenas valores ilusórios, valores temporais e não Eternos.

O verdadeiro valor é a Unidade da Luz. O verdadeiro valor é a persistência da Consciência e não a extinção da Consciência quando da passagem das portas da morte.

Vocês redescobrirão, alguns de vocês, a Eternidade de sua Consciência na dimensão da Existência.

Inúmeros de vocês, assim como disse o Arcanjo Jofiel, reencontram, pouco a pouco, cada um a seu modo, a ligação com seu Anjo guardião, que é a porta de acesso às outras Dimensões. As outras Dimensões não são uma Ilusão, eu diria mesmo que são muito mais reais que a Ilusão que vocês vivem.

Entretanto, vocês estiveram tão habituados a esta Ilusão, tão habituados a viver algumas coisas específicas.

Hoje, a Humanidade tem dificuldade a aceitar isso. E, no entanto, a Revelação da Luz se faz para cada um, cada um a seu ritmo.

Ninguém poderá ignorar, no momento vindo, o que é a Luz e o que não é, o que é Unidade e o que não é.

Então, aqueles que escolheram perpetuar a dualidade ou perpetuar a ausência da Luz, deverão passar por um certo número de etapas e de transformações.

Assim como os seres que aceitam a Unidade e a Existência penetrarão cada vez mais nos domínios da Alegria interior, onde nenhuma emoção, onde nenhum pensamento pode vir perturbar este estado.

Isto não é para daqui a dez anos, isso não é para daqui a cinco anos de seus anos Terrestres, isso está engrenado, agora, já, desde vários meses.

Esta transformação vocês a vivem a seu ritmo. Ela tem um objetivo e um só: tornar-lhes à Alegria e tornar-lhes à Liberdade, porque é o que vocês são.

Nos mundos além desta Dimensão dissociada, todas as noções do que vocês chamam sofrimento, sacrifício, Sombra, dualidade, não existem. Isso foi uma Criação de Deus e do Diabo, mesma entidade que manipulou, desde muito tempo, as forças eletromagnéticas, que provocaram a coesão de um certo número de forças nesta parte da galáxia, que fecharam seu sistema Solar numa tripla prisão que seus cientistas conhecem.

Esta tripla prisão se desagrega, atualmente; vocês não devem se assustar.

A magnetosfera está desaparecendo, a ionosfera está se modificando e isso lhes é ocultado, obviamente, voluntariamente.

A heliosfera mesmo, que é a última túnica que fecha seu sistema Solar, se desagrega.

Isso não vai conduzir a qualquer morte, mas, bem ao contrário, a seu despertar final nos domínios da Alegria, onde a Fonte poderá novamente aliviá-los, porque vocês terão se tornado, vocês mesmos, a Fonte, e viverão em harmonia com a Vibração da Fonte. Isso é para agora.

A única coisa que vocês têm a fazer, e que quero lhes dizer, é não crer nesse novo cenário, porque a crença não lhes trará qualquer Vibração mas, simplesmente, viver, tentar fazer a experiência, acolher a Vibração da Fonte Una e sobretudo a Vibração do Mestre da Luz que volta este ano, entre vocês, de maneira Vibratória, vindo despertar as Consciências ainda adormecidas.

Um grande movimento de liberação existe, entretanto, sobre a superfície desta Terra. Obviamente, as forças de resistência são numerosas e são elas que vão sofrer, em vocês, e no exterior de vocês, porque elas recusam a Alegria, porque elas recusam a Liberdade e a ausência de Liberdade faz sofrer.

Então, nas semanas que vêm, vocês serão conduzidos a colocar seus atos. Colocar seus atos quer dizer aceitar e acolher as Vibrações que vão se derramar sobre vocês.

Essas Vibrações vêm de muito longe, no sentido cosmológico. Elas vêm de diferentes lugares de seu Céu. Elas representam a Luz Metatrônica. Elas representam a Luz da Fonte. Elas representam a Luz, o que Miguel chamou o Ultravioleta, que está ligada à destruição da heliosfera e portanto à sua permeabilidade, mesmo em sua Ilusão, à Luz.

A Vibração da Luz é uma Vibração de Verdade. Um certo número de meios lhes foram dados para despertar em vocês o que foi chamada a Coroa Radiante do Coração e a Coroa Radiante da cabeça. Essas duas Coroas Radiantes representam o Fogo sagrado, representam o Fogo do Coração. Representam, também, o que foi chamado «os Corações unidos de Jesus e Maria».

Vocês têm, em vocês, todas as possibilidades Vibratórias de acessar este estado. Para isso, é preciso, literalmente, conectarem-se, debruçarem-se na Luz Vibral, acolhê-la em vocês, senti-la Vibrar em vocês, ajudando-se de diferentes técnicas que lhes foram dadas.

Mas, em todo caso, uma coisa é certa, bem Amados, vocês devem se congratular, porque a hora é de congratulação. Assim como foi dito e repetido inúmeras vezes, pelo Arcanjo Miguel, não se deixem regar pelas imagens desse mundo, elas são apenas destruição, doença, sofrimento. Elas existem apenas porque vocês lhes deram fé e crença e não existem em nenhum outro lugar senão em sua fé e em suas crenças.

A resultante desse mundo é apenas o aval que vocês consentiram, a um dado momento, e, no entanto, vocês não são nem culpados, nem responsáveis.

Compete-lhes simplesmente decretar, em sua Vibração e em seu Coração, que a experiência do sofrimento não tem mais que ser, que a Luz é seu objetivo, que nesta Luz há a Inteligência e há a Unidade.

Nesta Luz, nada, absolutamente nada, poderá vir perturbar ou ofender a Unidade que vocês são. Todo o jogo da dualidade do Diabo/Deus é fazer-lhes crer nesta dualidade, porque, enquanto vocês estiverem sob sua influência, ele ganha, quer vocês façam o bem ou o mal.

O que lhes é pedido, obviamente, é se elevarem além do bem e do mal, penetrarem na Vibração da Unidade que é Luz e ligação à Fonte e nada mais.

Naquele momento, sua vida se iluminará, as sincronicidades, a Fluidez, a Unidade, arranjar-se-ão e vocês não terão nada a temer.

Bastar-lhes-á avançar sobre a Vibração da Luz, sobre a Vibração da Inteligência e nada mais.

Aí está, meus bem Amados filhos, o que tinha a lhes dizer antes deste final de ano que vem para vocês.

Muitas coisas estão ainda para mudar, ao seu redor, nesse mundo. Isto está em curso, isto vai muito rápido e irá cada vez mais rápido. Mas vocês devem permanecer em sua Unidade e em sua Divindade, porque a Alegria se encontrará aqui e em nenhum outro lugar.

Nenhuma circunstância externa poderá lhes alcançar a Alegria da Luz. Quando tiverem feito a experiência disso, uma primeira vez, não poderão jamais duvidar, não poderão jamais considerar esse mundo como outra coisa que o que ele é, e não como o Deus/Diabo quis lhes fazer crer.

Recordem-se de sua dimensão de Eternidade, chamem-na em sua alma, em sua Consciência, em seu Coração.

A solução para seu florescimento, a solução para o sofrimento está apenas aqui e não pode estar em nenhum outro lugar.

Se têm algumas perguntas, bem Amados filhos, com relação a isso, quero responder, sabendo que o Arcanjo Anael, que me seguirá, entrará mais em detalhes mais técnicos sobre o que acabo de dizer.

Desejo, quanto a mim, com essas palavras, tocar, em vocês, esta Centelha de Eternidade e de Unidade.

Questão: a Criação do corpo humano seria então falsificada?

A Criação desse corpo é minha. A falsificação, que consistiu em cortar esta Criação da Fonte, é dos chamados os Arcontes, ou, se preferem, Deus e Diabo.

Questão: o que é da Criação do Coração?

O Coração não é criado. O Coração é a Essência que era suposta de lhes religarem à Fonte. O Coração é Fonte. Toda Criação, nos multiuniversos e multidimensões, desenvolve-se em torno desse Coração. Portanto, o Coração está presente em toda Criação, em todos os universos e em toda multidimensão.

Questão: que significa estar religado a seu ser Interior? É estar ligado a seu corpo etérico, à sua alma, a seu Espírito, a sua criança Interior?

A criança Interior é a Dimensão de ser que não tem mais medo do passado e que não tem mais medo do futuro, porque vive totalmente o instante presente.

Ela acolhe o que vem como uma manifestação da Graça, o que é a situação do que chamamos a criança Interior.

Agora, viver nesse estado não é ligado a um contato com a Alma nem a um contato com o Espírito. O que foi chamado alma e Espírito, mesmo em sua manifestação, são apenas o remanescente do que é chamado corpo de Existência ou corpo de Eternidade.

O corpo de Eternidade é um veículo multidimensional, capaz de viajar no conjunto de Dimensões e de mudar de forma à vontade.

A Dimensão, nesta encarnação, do que vocês chamam alma, é uma coloração de seu caminho de Vida. O que vocês chamam Espírito é apenas uma partícula divina que permaneceu ativa dentro desse corpo, a fim de permitir-lhes reencontrar a Existência.

Esse foi o trabalho magistral dos Melquisedeques da época que, há 50.000 anos, permitiu evitar que a Divindade não se apagasse em vocês, criando a individualidade, senão, hoje, esta Criação não poderia mais retornar à Fonte.

Assim, o corpo de Existência é uma Vibração da Luz Vibral que lhes permite escapar desta prisão, mas também manifestar, dentro desta prisão, essas Dimensões outras além daquelas que vocês conhecem.

Isso os faz penetrar diretamente, eu diria, e em plena Consciência, seu corpo de Existência, que pode ser um corpo de Luz, um corpo de Cristal ou outro, mas, em todo caso, um corpo que não está limitado, de nenhuma maneira, pelas leis da ação/reação deste universo.

Questão: o ser que você chama Arconte, quem é e onde está?

Está por toda parte. Infiltrou o conjunto desta Criação. Eu poderia dizer que, agora, vocês são meus filhos, mas seu corpo lhe pertence.

É ele que se nutre de todas as formas-pensamento de dualidade que vocês emitem, de todas suas guerras, de todos os sofrimentos, de todas as emoções e de todas as religiões que foram criadas por ele mesmo.

Esta entidade evolui no que vocês chamam mundos intermediários, ou de outro modo chamado 4ª dimensão e 2ª dimensão. São um coletivo de entidades que conseguiram isolar esse sistema Solar da Fonte, como de outros sistemas solares, em outros lugares.

Nomeá-lo a nada serve. Ele é onipresente.

O que vocês vêem em sua densidade, no que se joga hoje, é efetivamente o último combate nesta densidade.

Assim como o sabem, o Arcanjo Miguel foi representado como um combatente, não combate no sentido que vocês entendem. Ele vem estabelecer o reino da Luz, o que não é de modo algum a mesma coisa, porque a Sombra pode apenas se apagar diante da Luz.

O problema é que a Luz não podia penetrar nesta Sombra, até o presente. Toda entidade que se manifestava em sua densidade era presa pela matriz e portanto obrigada a se reencarnar e então perdia o sentido de sua origem estelar.

Somente os imortais, somente o Cristo, e somente alguns seres puderam escapar a esse condicionamento.

Não temos mais perguntas, agradecemos.

Meus bem Amados filhos da Luz, bem Amadas Sementes de Estrelas e Seres de Luz, em Unidade e em Verdade, eu lhes transmito meu Amor de Mãe. E, como Mãe do Céu, eu lhes digo até muito breve.

Posso apenas encorajá-los a se abrirem à realidade da Unidade e à Verdade da Unidade. Sejam abençoados e até breve.

____________________________
Compartilhamos essas informações em toda transparência. Agradecemos de fazer o mesmo, se a divulgarem, reproduzindo integralmente o texto e citando a fonte: www.autresdimensions.com.
Versão do francês: Célia G. http://leiturasdaluz.blogsopt.com

O.M. AÏVANHOV – 21 de novembro de 2009

DO SITE AUTRES DIMENSIONS



Bem, caros amigos, estou extremamente contente de reencontrá-los. Para a maior parte de vocês, aqui, vejo que os casulos de Luz me são conhecidos.

Eu sou, para aqueles que não me conhecem, Omraam. Fui Omraam Mickaël Aïvanhov e guardei, do alto de minha muito alta posição atual, o nome de Omraam Mickaël.

Se querem, eu digo «muito alta» para rir, porque, como alguns de voces talvez saibam, deram-me o título de «Croûton Chefe». Então, é com esse título que venho entre vocês a fim de, como é meu hábito, tentar avançar juntos e a meu modo de proceder e de responder a suas questões, porque, obviamente, para mim, cada questão que se coloque qualquer um em encarnação, pode ser uma questão que é também válida para muitos outros seres humanos no caminho.

Então, eu lhes transmito todas minhas bênçãos e as bênçãos, também, dos 23 outros Croûtons (Anciões) e vamos, se querem, agora, começar a trabalhar juntos sobre suas questões e trazer respostas, quando possível. Então, eu os escuto.

Questão: os Selos Arcangélicos divulgados têm diferentes formas daquelas que foram comunicadas quando do último estágio com vocês. Como isso se explica?

Não posso explicar. O que posso dizer, simplesmente, é que lhes compete fazer a experiência.

Quando lhes são propostos ensinamentos, quando lhes são propostas ferramentas (quaisquer que sejam, que sejam ferramentas sobre a Consciência, ferramentas através de formas, em particular), compete-lhes fazer sua própria experiência porque, obviamente, hoje, vocês sabem que o fenômeno de canalização é algo extremamente banal e também extremamente desacreditado, a justo título, porque, assim como disse e como disse o Arcanjo Anael (e estou desolado), 80% das canalizações são falsas.

Elas não vêm da Luz e, isso, vocês devem colocar na cabeça. Como disse o Arcanjo Anael e eu lhes repito também, a meu nível, o importante, é o trabalho Vibratório que se faz.

Não é através de palavras que lhes darão prazer ou acariciá-los no cabelo, não é? O mais importante, é o aspecto Vibratório e o aspecto Vibratório, para vocês, que vai dizer se o que recebem é bom ou não, para vocês.

Vou tomar um exemplo e creio que é mais simples para compreender: imaginem que eu esteja em tal nível vibratório, para mim, há coisas que ressoam comigo e que me ajudam a ir para mais Vibração. Mas, imaginem, agora, que lá onde estou, sou confrontado a ensinamentos que me dão peso, que não vão no sentido de minha evolução. Obviamente, vou tratá-los como opostos à Luz, ou de negros, se querem.

Mas, do mesmo modo, imaginem que estou ainda mais baixo e que os ensinamentos e as Vibrações que recebo estejam demasiadamente altos para mim; o que vai acontecer? Vou entrar em ressonância oposta com relação a isso.

Então, de uma maneira geral, há uma Verdade, mas, para cada ser humano, há Sua verdade e sua Verdade é função do instante e do que é capaz de obter em Vibração, com relação a imagens, a meditações ou a interventores de outros planos.

Mas vocês devem saber (e o canal no qual estou conhece muito bem isso), que não podemos pretender ser Canal se não estamos abertos a um certo número de funções no interior de si.

É preciso bem compreender que não é porque o chacra coronal está aberto que você vai acolher entidades de Luz. Qualquer um pode passar pelo canal e pelo alto da cabeça (isso é muito importante compreender), tanto as forças Astrais como as forças da Luz, como as forças da Sombra.

Portanto, como se faz a diferença? Ela se faz por aquele que ouve e que recebe, pela qualidade Vibratória do que recebe.

E, de todo modo, se vocês vão para a Unidade, de nada serve dizer: «é bom» ou «não é bom», porque nada compreenderam, nesse momento.

Seja algo que vai no sentido de sua evolução, para vocês, ou não seja, e isso para aí.

Agora, é preciso estar bem consciente que para ser o que chamamos um canal (que é uma palavra da moda, hoje), é preciso ter aberto certas características.

Em minha vida, fui extremamente contra todos esses processos. Por que? Porque tivemos o Espiritismo, no século passado, onde todas as entidades se precipitavam para manifestar suas presenças. Isso é muito importante compreender.

Portanto, havia, nos anos 60, 80, reticências extremamente grandes com relação a todos os processos de incorporação ou mesmo de desdobramento e insisti muito, no meu tempo, sobre isso.

Mas, hoje, não é porque qualquer um lhes diz que é o Cristo que lhes fala, que é preciso acreditar que é o Cristo que fala. Tudo depende, não das palavras, mesmo se são muito lindas, mas unicamente em função do aspecto Vibratório da Luz, em sua Vibração que vocês percebem.

Mas, se vocês estão suficientemente claros com vocês mesmos, devem admitir, se querem ir para a Unidade, que o importante para vocês não é dizer «é bem», «é certo», «não é certo», mas «isso é bom para mim?», «isso me faz subir minhas Vibrações ou não?», «minha Luz é mais importante, depois, ou não?».

Agora, compreendam bem que a maior parte de tudo o que foi feito, sobre esta Terra, foi sempre transformado (isso vocês sabem agora) e falsificado.

E não há qualquer razão para que as canalizações não sejam também falsificadas, através de um certo número de canais que não abriram seu Coração e, em particular, que não foram capazes de desenvolver o discernimento Vibratório com relação ao que eles vivem, porque a Sombra pode também enganá-los com belas imagens.

Em contrapartida, o que jamais saberá fazer a Sombra é fazer-lhes subir em Vibração. Ela apenas pode lhes pesar e lhes fazer descer em Vibração.

O ponto importante e o referencial importante é você mesmo e sua Vibração e nada mais.

Se vocês procedem desse modo, evitarão estar no julgamento, evitarão também enganarem-se sobre as vias da dualidade, ou seja, tentar encontrar, sem parar, o bem e o mal, com relação a qualquer coisa.

Então, para os Selos Arcangélicos (e o mesmo para as formas que foram traçadas, quer seja através de alfabetos sagrados, quer seja através de amuletos como as «Clavis Rei Prima», ou seja, as clavículas do rei Salomão, ou através de manipulações que, por exemplo, foram dadas, há muito tempo, nos Cornelius Agrippa) tinham assinaturas sigilistas dos Arcanjos que nada têm a ver com as formas despojadas que vocês têm hoje.

É preciso compreender (e isso, creio que o Arcanjo Anael desenvolveu longamente) que, nos mundos supraluminosos, ou seja, os mundos além da dissociação da 3ª Dimensão unificada, as formas geométricas são simples. Quer dizer que quanto mais você sobe sobre os planos Vibratórios, mais irá para o alto, mais irá para a linha direta e menos há curva.

Tudo o que é traçado com curvas está em relação com o Astral. Em contrapartida, o redondo perfeito, a forma geométrica perfeita, não é do mundo Astral, mas ao menos, do supramental.

Questão: podemos ter um boletim de atualidade do planeta, visto pelo conselho dos 24?

Então, tudo vai muito bem. Já, estamos todos de acordo. Os 24 Croûtons, quando estão de acordo, tudo vai muito bem. Estamos também de acordo com o Conclave e, sobretudo, com Maria.

Quer dizer que tudo se organiza, na velocidade em que decidimos. Ou seja, como vocês sabem, já desde este verão (França), tomamos de velocidade as forças opostas à Luz.

Conseguimos criar brechas suficientemente importantes para que a Luz pudesse entrar em seu sistema Solar e neste planeta. Agora, a velocidade de propagação da Luz vai depender, assim como já disse, de tudo o que vai acontecer naqueles que ainda deliram (yoyottent de la touffe), e há muitos.

E aqueles que deliram, infelizmente, estão no poder. Quer dizer que eles têm, «a priori», todo poder de desencadear o que querem, mas nós não os deixaremos desencadear o que querem, somos nós que decidimos quando desencadearemos o que nós queremos desencadear.

Então, nós seguimos isso de muito perto.

Tomamos a temperatura, pela manhã, ao meio dia e à noite e ajustamos pela manhã, ao meio-dia e à noite, os remédios para os doentes, eu diria. Quer dizer que as efusões de Luz vão efetivamente aumentar, como vocês o constatam ao nível do Sol e das radiações ionizantes que chegam sobre a Terra.

Entretanto, ajustamos e calculamos o melhor possível para que a dose enviada não afete o doente, não é? Isso é muito importante compreender.

Por conseguinte, queremos reanimar o mais possível de doentes e, temos também, a nosso nível, constrangimentos.

Já disse, nós não suportaríamos que as forças opostas à Luz fossem ao encontro da Lei do Livre Arbítrio que elas mesmos criaram. Quer dizer que, em Consciência e em Verdade, se um conjunto de um País quer ir para a Luz (o que é completamente possível) e que esse país se veja submetido, por exemplo, a exações ligadas à Sombra (sob forma bacteriológica, química, nuclear ou outra), nós seríamos obrigados a intervir e de maneira importante e definitiva.

Entretanto, é desejável que vocês compreendam que é, se possível, melhor esperar que o máximo de seres humanos possa viver o despertar à Existência. É por isso que o Arcanjo Uriel, sob decisão do Conclave e também dos 24 Anciões, manifesta cada vez mais sua Presença, que lhes permite encontrar o estado fora do tempo.

Quer dizer que, quando vocês se alinham com a Radiância do Arcanjo Uriel, vocês encontram uma dimensão de meditação, no Interior de vocês, onde mais nada existe, salvo a Luz e a Vibração. Isso é muito importante, porque é cultivando, como disse o Arcanjo Miguel, este estado Vibratório, que vocês farão com que tudo se eleve mais rápido (e é muito importante) e vai se opor também (sem se opor mais pela Potência e a Qualidade da Vibração) às exações da Sombra.

Portanto, aí está a ata planetária: tudo vai pelo melhor, no mais malvado dos mundos.

Questão: quem são os 24 outros Croûtons, como disse. Todos estiveram encarnados?

Então, o princípio dos 24 Croûtons, dado que estou dentro, é ter vivido ao menos uma encarnação mínima, se não é um ciclo completo, nos universos falsificados, ou seja, na 3ª Dimensão dissociada e ter realizado um caminho, nesta dualidade, que os aproximou da Unidade.

Portanto, eles todos, necessariamente, viveram nos sistemas falsificados de 3ª Dimensão dissociada.

A segunda particularidade é de serem pessoas que trabalharam sobre si mesmos mas também sobre a compreensão das Leis desse mundo, ou seja, das leis da dualidade, porque, para poder transcender, de lá onde estamos, as Leis da dualidade, é preciso saber melhor escrever que eles, ou seja, ler em todos os cantos, os pequenos asteriscos, vocês sabem, como os contratos, para saber como podemos, não contornar a Lei, mas estar no sentido da Lei, porque eles também criaram leis mas, nós, nós temos também as Leis da Luz, não é?

Nós fomos obrigados a adaptar, progressivamente, ação/reação, para ir para a Unidade e conduzí-los, apesar deles, para a Unidade.

Então, eu não posso lhes dar os nomes de todos os 24 Croûtons. Vocês conhecem o meu, há alguns outros que se revelaram há muito pouco tempo, mas não me compete dar-lhes seus nomes, de suas vidas.

Saibam que alguns vêm de sistemas conhecidos, como dizer, ao nível estelar, em relação com o ensinamento e a pedagogia, em particular, aqueles que vêm de Vega da Lyra ou aqueles que vêm, ainda, de algumas Plêiades, que são grandes professores, ou Cassiopéens também e diferentes constelações, que têm papéis essenciais na compreensão dos Universos.

Nós, de lá onde estamos (tendo encarnado, a maior parte, sobre a Terra), temos um bom controle das leis de ação/reação e podemos intervir, Vibratoriamente, através de nosso conselho e das energias que, nós também, canalizamos da Fonte, em diferentes lugares do mundo, ou sobre algumas pessoas, ou sobre algumas matrizes específicas, que é preciso fazer desmontar. Vocês os terão muito em breve.

O que posso dizer sobre a estrutura dos 24 Anciões, simplesmente, sem dar os nomes, porque isso é mais importante: a estrutura dos 24 Anciões funciona em 6 vezes 4, porque 24 corresponde à Unificação da Consciência e os Delfinóides certamente já lhes contaram essas histórias, do intraterra.

A Consciência Unificada se apresenta sob forma geodésica, sob forma de um hexágono. Este hexágono, esta estrutura geodésica, se faz com 24 unidades de Consciência que é a articulação da Luz, além dos mundos dissociados, a partir da 5ª Dimensão, onde a Luz não é mais redonda, mas hexagonal.

A partir daí, os 24 Anciões estão reunidos por 6, em 4 correntes que são ligadas às energias que chamamos os Hayoth Ha Kodesh, ou seja, os Quatro Vivos ou os Querubins de Fogo, que são eles mesmos ligados, à Água, ao Fogo, à Terra e ao Ar.

Somos agrupados, em nossas sedes, por 6, em função das correntes que canalizamos para esse sistema Solar. Essas correntes são filtradas em função de nossos próprios mentais, de nossas próprias atitudes, com relação às decisões que tomamos.

Aí está a coisa mais importante a compreender, no momento.

Os nomes têm apenas muito pouca importância. Entendi que você falou de São João ou Sri Aurobindo. Poderíamos falar também dos Mestres chineses mas, isso, é mais antigo.

Questão: quando dizia que, vistas as circunstâncias, valia mais se estourar, que entende por isso? Para aqueles que trabalham, é preciso parar o trabalho?

Se estourar é reencontrar sua soberania, mas sua soberania responsável. Se é para ir fazer coisas que lhes dão prazer mas abaixam suas Vibrações, isso a nada serve.

Quando eu digo, por exemplo, se estourar, imagine: você está num trabalho que é extremamente absorvente, no qual você trabalhou, encontrou um florescimento, em algum lugar, qualquer que seja o nível profissional e que, com as tomadas de Consciência que você tem, você toma consciência que é prisioneiro de um sistema e, bem, saia.

Não vamos colocá-lo em prisão, não? O álibi do dinheiro é um falso álibi porque, a partir de sua entrada em sua soberania (quando deixar todos os sistemas de controle que foram instaurados) a Inteligência da Luz, a Divina providência, colocará tudo a trabalho para que sua Vida se desenrole o melhor possível.

Porque extrair-se dos sistemas de controle, quaisquer que sejam, é dar um passo para sua soberania e dar um passo para sua soberania é aceitar o abandono à Luz e não há qualquer razão para que a Inteligência da Luz o deixe morrer de fome ou de frio, na rua.

As circunstâncias da Vida estarão na Fluidez, na sincronicidade. Portanto, você deve ser, como disse Jesus, como uma criança que não se preocupa com o que vai comer amanhã.

Tanto mais que, como o sabem, vocês estão em tempos extremamente reduzidos.

Aquele que falaria de sua reforma dentro de cinco anos, eu lhe diria: «Bem, boa coragem». Ele vai reclamar sua reforma em outro planeta. Portanto, se estourar, é se estourar o Coração e não outra coisa.

Questão: viver o instante presente significa que é preciso deixar cair todos os projetos?

Então, caro amigo, é uma decisão de sua Consciência com você mesmo. Eu compreendo que, qualquer que seja a idade, imagine um jovem de vinte anos, que ainda não viveu sua experiência e seu projeto de Vida e que vive e que compreende que algo enorme está chegando, não é mesmo muito acolhedor, mesmo se ele vive a Luz, de se dizer que não há mais projetos.

Agora, se vocês são adultos, cabe a vocês tomarem sua responsabilidade e sua soberania, ou seja, cabe a vocês decidirem o que querem.

Se você tem um projeto de comprar uma Ferrari dentro de cinco anos, eu digo que não vale a pena pensar, não haverá mais fábrica, mesmo se você tiver o dinheiro. E, de todo modo (como o sabe e como sempre eu disse), daqui até o final deste outono (França – primavera no hemisfério sul), você não terá mais sistema econômico e financeiro. Isso, eu disse e repeti, desde mais de um ano.

Você está em que época, aí? Vocês estão em meados de novembro, algo próximo. Final de novembro restam seis semanas antes do inverno e o que vai descobrir (e isso, eu creio que vou dizer e repetir) isso foi dito por inúmeros interventores: pelo momento, vocês estão num sistema em que, para viver, você tem necessidade do dinheiro, com certeza. Você não imagina que isso possa funcionar de outro modo.

Bem, eu lhes garanto que isso funcionará muito bem de outro modo e que, quando vocês não tiverem mais esse sistema que vocês chamam o dinheiro, reencontrarão, totalmente, sua soberania. Vocês serão humanos livres porque, o que é que tem a dependência da sociedade, se não é o dinheiro? Apenas isso.

Tudo é regido pelo dinheiro, absolutamente tudo. Todos os seus relatórios são definidos com relação ao dinheiro. Se o dinheiro não existe mais, vocês serão obrigados a encontrar outros meios de trocar e manter relatórios. É assim simples.

Por conseguinte, o que lhes parece, hoje, catastrófico, é a maior oportunidade que vocês têm de viver e a maior liberação possível da Humanidade.

Podem confiar em mim. De outro modo, como disse, de nada serve tirar o dinheiro dos bancos, porque vocês não podem comer o dinheiro. Então, quando digo: «dêem-se prazer», isso quer dizer se estourar, ainda uma vez, mas se você tem, por exemplo, vontade de ter um automóvel de tal cor, por que não, se isso lhe dá prazer ao Coração?

Por que continuar a fazer o que os sobrecarrega (pesa)? Por que continuar a ser algo em que vai pensar, por exemplo: «eu coloco o dinheiro de lado para meus filhinhos» ou «eu coloco o dinheiro de lado para meus herdeiros» ? Mas esta decisão lhes pertence, não sou eu quem vai lhes dizer: precisa parar seu trabalho, precisa parar isso, precisa parar aquilo. Se sua crença e sua convicção está no fato de acumular dinheiro, então, grande bem lhe faz e verá que terá acumulado ameixas e, ainda, sou gentil, caroços de ameixas.

Questão: Como fazer se não há aceleração possível, para os seres humanos que estão no caminho de ir ainda mais rápido?

Cara amiga, isso vai muito, muito rápido. Se você se inclina simplesmente 2 a 3 anos de seu tempo Terrestre, para trás, as coisas foram consideravelmente mudadas.

As revelações (por múltiplas vozes, da falsificação da Humanidade e das crenças) foram preparadas por aqueles que vocês chamaram os Mestres encarnados, de meu tempo aí.

Eu penso, por exemplo, em Krishnamurti, eu penso em Steiner e em muitos outros.

Nós colocamos os fundamentos de um Cristianismo despojado de sua religião e em seguida tivemos um certo número de ensinamentos sobre o ilimitado e sobre os meios de para ali chegar e sobre alguns místicos que começavam a viver experiências, em relação com o ilimitado.

Tudo isso, foi durante o século 20. Vocês tiveram todos esses ensinamentos, tiveram a ocasião de se interessarem ou não, mas vocês vêem a aceleração, hoje: o que é dito por diferentes canais, por diferentes vozes, também, vai no sentido deste ilimitado, vai no sentido da ausência de crenças, da ausência de limites.

Olhem o número de testemunhos que vocês têm, hoje, de seres que acessaram estados dimensionais que não têm nada mais a ver com as experiências comuns. Portanto, a aceleração é grandiosa, eu diria.

Questão: no caso de país que sofre uma regressão, não lhe é possível dar uma ajuda, intervir? Qual é sua margem de manobra?

Enquanto o livre arbítrio for respeitado, enquanto alquem quiser estapear alguém e o outro se deixar estapear ou reage, não temos o direito de intervir. É assim simples.

A Luz não pode intervir no combate Sombra /Luz em sua dimensão porque isso significaria o fim de sua Dimensão nas circunstâncias que não seriam tão adequadas que aquelas que devem se produzir, segundo os planos da Luz. Isso vocês devem compreender.

Nosso quadro de intervenção forçada não pode se fazer senão em três casos: violação do livre arbítrio do humano que queria acessar a Unidade.
Segundo caso: tentativa de instauração da extinção da Humanidade, totalmente, por armas biológicas, que vocês chamam vacina. Aí, nós intervimos.

Agora, ao nível do que vocês chamam nuclear, o Fogo nuclear, se ele concerne aos primeiros ataques, nós não poderemos nada fazer. Ação/reação.
Em contrapartida, se isso devesse colocar em alteração nossos próprios planos para a distorção do espaço/tempo e o restabelecimento da reunificação à Fonte, nós interviremos necessariamente. Isso, nós não poderemos tolerar e a Fonte é formal nesse assunto.

Nenhum universo deve permanecer curvado. E a ajuda não é possível porque significaria intrusão, na ação /reação.

E se nossa intrusão ao nível da ação/reação não respeitasse as leis do livre arbítrio, seríamos instantaneamente culpados, ao mesmo tempo da destruição de um sistema Solar e também da continuação do plano da dualidade, o que não pode ser possível.

Questão: o alinhamento de nosso sistema solar sobre Alcyone impacta sobre o processo evolutivo dos seres de Luz?

Certamente. Não se esqueça que os Seres que estão hoje, por exemplo, na 3D unificada, ou Seres que estão na 5D, no intraterrestre ou ultraterrestre vão, eles também, estabelecer seu nível de Vida sobre Dimensões mais elevadas.

Mas, como vocês o sabem, em outras dimensões, não há corte. Podemos viajar Vibratoriamente sobre tal ou tal Dimensão mas pertencemos, assim mesmo, Vibratoriamente, a um mundo, a uma Dimensão e aqueles que estavam em tal Dimensão vão também passar em uma outra Dimensão, neste universo local.

Portanto, obviamente, isso concerne, não unicamente aos homens, mas a muitos povos, muitas Galáxias, também. Portanto, é um trabalho que não diz respeito apenas a vocês, em seu pequeno canto isolado, mas a muitos mundos.

Questão: é sempre necessário, hoje, trabalhar sobre o 3º olho e o carma?

Nós desempenhamos o papel de senhores do carma mas, justamente, para evitar o carma.

Mas, agora, todas as entidades que encarnaram, ou supostamente encarnaram e que lhes propõem uma liberação ligada ao 3º olho, é uma falsificação essencial.

A porta de acesso a sua multidimensionalidade é o Coração e nenhuma outra.

Portanto, agora, aqueles que lhes propõem abrir o 3º olho ou meditar sobre o 3º olho, eles os enganam. Eles os fazem tomar bexigas para lanternas e os mantém na dualidade.

Nós vimos oferecer-lhes a liberdade e a Unidade, seu acesso a sua Existência e não uma evolução linear, ligada ao carma que vocês vão purificar de Vida em Vida.

Aquilo são tolices, acabaram. Se vocês querem acreditar naquilo, acreditem. Eu os envio à resposta da primeira questão, com relação aos canais.

Vocês têm aí a ilustração exata do que pode se produzir. Eles os prepararam. Agora, vocês estão a caminho para uma outra etapa. Eles os fizeram descobrir os chacras, os raios.

Eles os fizeram descobrir as Luzes, as Chamas, que existem realmente. Não confundam: a Sombra vai sempre utilizar cerca de 80% de algo que é verdadeiro, para transformá-lo à sua vantagem, para sua finalidade. E sua finalidade não é a Luz.

Em contrapartida, que você tenha aceito e vivido as preparações, completamente de acordo com o que vem, agora, isso me parece completamente possível e eles contribuiram, bem contra sua vontade, ao que acontece agora.

Mas vocês devem reencontrar sua soberania. Reencontrar sua soberania deve fazê-los, como dizia Krishnamurti, «matar» todos os Mestres. Vocês são seu próprio Mestre. Enquanto procuram um Mestre ao exterior, mesmo se existe um Mestre de Luz, mesmo se Maria está aí, mesmo se nós estamos todos aí, com vocês, a seu lado, sua soberania é você mesmo, com você mesmo.

Enquanto procuram no exterior, vocês não poderão encontrar o que quer que seja no Interior. Vocês estão, hoje, na etapa final da Revelação. Isso é capital. E não haverá qualquer salvador que virá salvá-los.

Nós viremos acolhê-los, o que não é completamente a mesma coisa. Maria quer salvá-los, mas ela não pode salvá-los se não aceitam vocês mesmos de se salvarem.

Não podemos conduzir, Vibratoriamente, ninguém que esteja apegado à sua Ferrari. Não podemos levar ninguém que esteja apegado a suas crenças. Se sua crença é de morrer como Cristo, na cruz, como crê que é a história verdadeira, bem, que isso seja feito segundo sua fé.

Não podemos ir contra o livre arbítrio, nesta dimensão. Reencontrar a liberdade é liberar-se do livre arbítrio. Como liberar-se do livre arbítrio na encarnação? Aceitando a Inteligência da Luz e da Fonte.

Ora, a Inteligência da Luz e da Fonte é uma energia que confere as chaves do Coração. O acesso (e isso, penso que Miguel desenvolverá quando de sua próxima intervenção) à multidimensionalidade não pode se fazer senão pelo Coração.

Em nenhum caso ele pode se fazer pelo 6º ou 7º chacra. A verdadeira saída desta Ilusão se faz pelo Anahata chacra (chacra do coração) e em nenhum outro lugar.

Portanto, para sair pelo Anahata, é preciso que a Vibração do 7º chacra chegue ao Coração, não é? Se você não tem a Vibração do Coração, você pode bem sentir todas as Vibrações da cabeça, ver todas as coisas as mais maravilhosas da Terra e ter uma fé gigantesca, você não sairá desta 3ª dimensão.

Ela será Unificada, certamente, mas você não poderá ir para outros lugares. A única saída é o Coração, e nenhuma outra.

E quando digo o Coração, não é o Coração feliz, é o Coração Vibratório, é o Fogo do Amor, aquilo nada tem a ver.

E o Fogo, nós sempre colocamos isso, na Igreja católica, como o Fogo do inferno. Quiseram afastá-los do Fogo. Ora, o Fogo de Shiva, o Fogo de alguns Seres (porque, no meu tempo, eu controlava o Fogo? Coloque-se a questão), o Fogo é o que está ligado à espiritualidade a mais elevada. Dizer «as chamas do inferno», é uma bela falsificação, ainda uma vez.

Não existem chamas no inferno. O inferno é o frio, é a ausência de Vida, é a ausência de expansão.

Portanto, você vê como é muito fácil, ao nível das crenças do humano, de fazê-lo tomar bexigas para as lanternas. Eu digo simplesmente que hoje vocês chegam a uma outra etapa que é a etapa da soberania.

Vocês são Seres de pura Luz. Vocês são Sementes de estrelas, é isso que devem recuperar.

Não é uma possibilidade de melhorar seu carma e de se liberar de seu carma, vocês não estão mais nessa época. Vocês estão na época da transmutação final, terminal.

É preciso compreender antes que isso esteja realmente aí, nos fatos quotidianos, e integrar, sobretudo.

A única diferença situa-se ao nível da finalidade. A finalidade é a soberania ou a finalidade é o controle? É assim tão simples.

Não é mesmo uma questão de bem ou de mal porque o bem mantém, do mesmo modo, a dualidade, como o mal.

Eu falo de soberania, ou seja, algo que os torna livres, que os remete na Unidade e não que os remete num sistema de crenças, qualquer que seja.

Eu falo de sentir a Vibração do Coração, o que não é a mesma coisa. É muito preciso. Vocês não podem se enganar com a Vibração. Vocês podem se enganar com as palavras, vocês podem se enganar com um sorriso, vocês podem se enganar com não importa o que, mas vocês não podem jamais se enganar com uma Vibração.

Se a Vibração é percebida ao nível do Coração, qualquer que seja o ensinamento, isso quer dizer que vocês foram capazes de acessar sua Unidade.

Agora, se é um caminho que os faz ir no Coração mas que você nada vive no Coração, eu lhes digo saiam desta via e mudem de caminho. O único caminho é seu caminho. E o caminho é aquele que, hoje, e com os Casamentos Celestiais e a irrupção da Luz desde vários anos, em sua densidade, é aquele que vai abrir o coração, não a cabeça.

A única porta de saída desta dimensão não se encontra ao nível do 3º olho. Lembrem-se o que disse São João: «haverá muitos chamados». «Os chamados serão marcados na testa», porque as energias do Espírito Santo que descem sobre a Terra desde 1984, obviamente, abrem os chacras superiores.

É preciso sair de todas as crenças e ir para o Coração. O Coração não é uma crença, o Coração é uma Vibração.

O mais importante não é mesmo o que lhe digo, caro amigo. O mais importante não é o que você crê. O mais importante não é o que quer que você agregue exteriormente.

Nas circunstâncias atuais do planeta, atualmente, no instante presente, aí, presentemente, o mais importante é centrar-se, consciente, sobre o Coração e perceber a Vibração. Não há outra porta de saída e é a única maneira de subir em Vibração, mesmo quando as energias chegam.

Elas chegam pela cabeça, certamente. Para o momento vocês não estão no estado de percebê-las chegar diretamente no Coração. Esta etapa está em curso de instalação e não quero antecipar, demasiadamente longe, o cenário de Miguel e dos Arcanjos.

Mas, entretanto, desde 1984, há uma descida progressiva do Espírito Santo, vindo de Sirius, correspondente à energia do manto Marial ou do manto de Buda. É uma luz Azul. Esta Luz Azul tinha por vocação ativar os chacras superiores.

Obviamente, a Sombra apressou-se em passar por aí, ela também. A única diferença é que as forças da Sombra não podem ir no Coração.

Portanto, esta energia não pode entrar mais baixo que o chacra da garganta. Hoje, vocês têm uma preparação que foi feita pelos Casamentos Celestiais e pelo Arcanjo Metatron, em parte, que permitem à Luz Branca do Mestre da Luz entrar, em breve, muito breve, em manifestação.

O que acontecerá naquele momento? O que começam a sentir e a viver milhões de seres humanos sobre o planeta? É que, espontaneamente, no lugar de receberem uma energia que penetra Sahasrara e que desce no Coração, espontaneamente, eles sentem a Vibração do Coração. É uma grande novidade.

Há um desacoplamento entre a Coroa Radiante do Coração e a Coroa Radiante da cabeça. É extremamente importante. Mas, como dizia Buda, quando você chega ao nível dos poderes, é fascinante, porque você tem o conhecimento pleno de coisas, você tem o poder de manipular o que quiser, e Buda dizia: «salve-se depressa, porque o perigo está aí».

E, obviamente, as forças negras apreenderam-se disso. Agora, compreendam bem que, para a Unidade, mesmo o que chamo, em sua língua, Forças Negras ou Forças Luciferianas (que não são verdadeiramente negras, que são sombras, digamos), querem manter um plano evolutivo cortado da energia Crística e da energia Metatrônica (é tão simples assim), mantendo ao mesmo tempo uma rede de ligação à Fonte (contrariamente aos Illuminatis que, eles, querem apagar completamente esta ligação à Fonte) porque, para esses Mestres ditos Ascencionados, a evolução do ser humano deve continuar de modo linear, ou seja, querem fazer passar todo o mundo pela porta estreita da Ascensão ligada à purificação do carma.

Quer dizer deixarem-se durante ainda milhões de anos nesta situação. Nós dissemos «não».

Agora, cabe a vocês decidirem, dado que, de todo modo, haverá uma 3ª Dimensão Unificada .

Questão: quais são as manifestações desta Vibração do Coração?

É física, ela é física, com certeza. Não é algo que se passe na cabeça ou num corpo sutil. É uma Vibração física, percebida como algo que gira no coração.

Há algo que gira, que sentimos, uma pressão, um peso, isso gira, isso vibra. Mas é físico, não é na cabeça.

Questão: quando sentimos pressões sobre o coração e ao mesmo tempo, medos, isso não é contraditório?

Não é contraditório. Isso quer dizer simplesmente que a energia não está ainda estabilizada no Coração porque há vários níveis de abertura do Coração.

Então, vamos fazer um curso sobre a abertura do Coração: você tem de início a primeira etapa. Esta etapa se produz, até o presente, quando você recebe a energia pelo Shakti, pelo Espírito Santo.

Esta energia penetrava e chegava ao nível do Coração, dando uma dor acima do Coração. Essa é a primeira fase (por vezes um peso ou um grande vazio). Depois, pouco a pouco esta sensação física vai ser substituída por uma Vibração, algo que formiga, que se põe a girar sobre o Coração, de modo intermitente.

De início, isso pode dar medo porque não dá uma sensação de plenitude, isso pode fazer como um grande vazio no peito.

E depois, em seguida, num terceito tempo, esta Vibração vai se instalar regularmente, mas você a percebe. E depois, a um dado momento, esta Vibração vai dar um dos primeiros Samadhi, ou seja, em meditação, você vai começar a experimentar um sentimento de vácuo e de plenitude, ao mesmo tempo. E um dos primeiros Samadhi.

Em seguida, quando você recebe a Luz Metatrônica, começa a viver o Fogo do Amor, que é a dimensão que viveram os místicos.

Quando, por exemplo, Padre Pio ou Santa Tereza de Ávila foram transfixados pela espada de Miguel ou pela espada de um Querubim, eles viveram o Fogo do Coração. Eles tiveram o peito realmente aberto e queimaram ao nível do Coração.

É isso a abertura do Coração e o Fogo do amor. É isso.

Quando você chega nesta etapa de Fogo do Amor, você é capaz de gerar o que chamamos o Samadhi, o penúltimo Samadhi, ou seja, aquele que está justo antes do Maha Samadhi, onde você decide deitar-se e partir deixando esse corpo intacto. E isso que você é chamado a viver.

Mas, entretanto, a Vibração do Coração não é uma visão do Espírito, Mas a Verdade do coração, não é dizer «estou no Coração», é vibrar no Coração. Há uma diferença essencial.

É tempo de restabelecer a Verdade com relação a isso. Vocês não podem pretender estar no Coração se não têm a Vibração do Coração.

Vocês não podem pretender estar na Alegria, se dependem ainda de circunstâncias externas para viver a Alegria. A Alegria é um estado de abertura do Coração onde, assim que fecha os olhos, a Vibração os leva tanto na Unidade, que você está na Alegria, sem ter recurso de contentamento exterior.

E, ao final de um certo estado, você vive a irrupção da energia Metatrônica, que é o Fogo do Coração, que desencadeia, se você quiser, em todo o corpo, a recepção de radiações ionizantes, como os Querubins sabem fazê-lo, que vão abrir seu Coração à dimensão a mais absoluta.

Mas tudo isso acontece no corpo de carne. Não é num hipotético corpo astral ou corpo mental, não é? Isso concerne à estrutura celular e portanto vibratória real. E, quando o Coração está aberto, você tem a possibilidade de se imergir e também penetrar ou viver agora, Graças ao Arcanjo Uriel, o corpo de Existência, em meditação.

É o que tentam fazê-los viver as Radiações Arcangélicas e a Presença de Uriel, como vocês viveram há pouco. Então, poderíamos ir muito, muito mais longe, sobre o Coração, mas cada coisa em seu tempo.

Vocês tem, por exemplo, na ativação do Coração, seis pontos de Consciência extremamente precisos. Esses seis pontos do Coração são os lugares geo localizados em seu peito, que são os chacras de enraizamento da alma, os chacras de enraizamento do Espírito, o oitavo corpo, o nono corpo e a voz do Espírito que está nas costas.

Quando esses seis pontos estão em Vibração, vocês ativam o que chamamos as seis funções arquetípicas do Coração. A bondade, a compaixão, etc.

Mas saber a que correspondem esses pontos não é a Vibração do Coração, não é?

Em contrapartida, vocês podem desencadear a Vibração desses seis pontos (ver a «meditação sobre o coração», proposta por RAM, nos protocolos a praticar).

Do mesmo modo, quando cantam o OD-ER-IM-IS-AL, vão colocar em ressonância os cinco pontos da cabeça, periféricos, e, em breve, poderão fusionar a Coroa Radiante da Cabeça com a Coroa Radiante do Coração, que não são os chacras, é a parte periférica dos chacras que é ilustrada pelo anel de Fogo que vocês têm em algumas representações que viveram místicos no século passado, quando Cristo veio revelar o que ele chama seu Coração Sagrado.

O Coração Sagrado é, de fato, a Coroa Radiante do Fogo do Coração do Amor de Cristo que se prepara, atualmente.

Questão: esta Coroa Radiante corresponde ao que os Soufis chamam os Latifs?

Ao nível da cabeça, sim, não ao nível do coração. É a representação também que há no Indo-tibetano, do que chamamos a coroa de Buda.

Tem o chacra no chacra, não é? Vocês têm dois níveis Vibratórios mas têm também as 12estrelas de Maria. Mas, entretanto, vocês têm cinco pontos de Vibração que correspondem, também, a algo preciso, que vocês terão talvez, eu penso, em breve, a transcrição dos ensinamentos que foram dados sobre o Aqui e Agora, o Alfa e o Ômega.

Vocês têm de um lado o Aqui e, do outro, Agora, e vocês têm o Alfa e o Ômega. É no centro desta cruz que está presente ao nível da cabeça que vocês poderão encontrar a Coroa Radiante da cabeça que deve se colocar em comunicação com a Coroa Radiante do Coração, passando pela porta da garganta. (ver o protocolo «Presença do Ser, Ser na Presença») .

É a partir do momento em que essas duas Coroas Radiantes (que são o equivalente a «stargates», Portas de Estrelas, como as chamamos ao nível cósmico), que estão presentes em vocês, é quando vocês fusionam isso, que poderão começar a viver em Existência e penetrar espaços multidimensionais e sua Dimensão Estelar.

É naquele momento que se revela, também, o que chamamos as Quatro Linhagens espirituais que são os fundamentos de sua vida e de sua Consciência.

Questão: o Fogo do Amor se manifesta realmente por uma sensação de queimadura?

Sim, completamente, de Radiação que percorre todo o Coração com formigamentos por todo o corpo e que arde sem queimar. É um Fogo, efetivamente. É exatamente o que começa a viver cada vez mais seres humanos. Se você o vive, é que você é capaz de suportá-lo.

Questão: o que aconteceu realmente no que concerne à morte de Cristo?

Isso não tem qualquer importância. O importante é o retorno do Mestre da Luz, não as circunstâncias históricas. As circunstâncias históricas os afastam do instante presente.

Há dados históricos importantes, sim. Os dados históricos importantes, é a manipulação que teve lugar na Humanidade, em todos os níveis. É isso o mais importante.

Mas, uma vez que vocês realizaram e assimilaram e digeriram o fato de que foram manipulados, desde uma eternidade, depois, a nada serve atrasar-se nisso e reencontrar o sentido original.

O importante é saber. Depois, precisa passar a outra coisa e, a outra coisa, é sua soberania. Insisto nisso, o mais importante é apreender e gerar, em vocês, a Vibração do Coração.

Vocês são ajudados pela Inteligência da Luz, para isso, e pelos Conclaves, certamente, e nós, os 24 Anciões, e Maria.

Estamos aí para isso. Nós preparamos, nós também, o retorno do Mestre da Luz.

Questão: o Fogo do coração pode gerar uma aceleração dos batimentos cardíacos?

Sim, com certeza.

Questão: formigamentos até os dedos faz parte do mesmo processo sobre o Coração?

Não, isso corresponde a um desenvolvimento de uma energia eletromagnética nas extremidades. Corresponde a uma espécie de sobrevoltagem dos meridianos de acupuntura mas que participa do processo de elevação Vibratória, digamos.

Questão: e Vibrações muito importantes sentidas sob a planta dos pés?

Isso é o Fogo da Terra, que desperta e que vocês sentem, a maior parte.

Vocês têm três Fogos atualmente: o Fogo do Céu, que corresponde às energias Metatrônicas, às energias do Sol, que começaram a chegar em 15 de agosto.

Em seguida, em resposta, o Fogo da Terra, que demorou um pouco, devido às Vibrações pesadas da Terra, que compensamos no mês de setembro.

E vocês têm o Fogo do Amor, que está em relação direta com o Fogo Metatrônico, com a Radiação do Arcanjo Miguel e dos Querubins, ou seja, dos Quatro Vivos.

Há três Fogos diferentes, que devem se conjugar no ser humano. É assim uma forma de Trindade e, o mais importante, sendo, obviamente, o Fogo do Amor, ao nível do Coração. É ele que lhes dá, como dizem, o carimbo sobre o passaporte.

Questão: é normal estar como desconectado ao nível do mental, ao nível da cabeça?

É um muito bom caminho sobre o Fogo do Coração porque, enquanto o mental está demasiadamente ativo, o Coração não pode acender-se. Portanto, há seres humanos que têm necessidade de serem desconectados, sem isso, eles deliram (yoyottent la touffe).

Questão: que lugar terá o casal nas evoluções a vir?

Então, isso depende em qual dimensão está.

Eu poderia dizer: "No futuro", porque, nas dimensões Unificadas (em particular, a partir da 5ª dimensão), a noção de casal não quer dizer nada.

Lembrem-se que, nesta dualidade, vocês criaram tudo por dois. Os bebês, vocês os criam por dois, não é? E, nas outras dimensões, isso não acontece de forma alguma assim.

Portanto, tudo o que você hoje privilegia, como valores, que foram por vezes necessários, nesta dimensão (e que tiveram mesmo valores morais, sociais, psicológicos, a família, os filhos, a noção de paternidade, de maternidade e o papel da casa), tudo isso não existe mais porque, quando você está na 5ª dimensão, a casa, você a constrói em Espírito, não é? Portanto, isso não tem de modo algum o mesmo valor que o que você tem hoje.

Você não pode fazer analogia nem similiraridade. São mundos tão diferentes que os domínios que vocês estão, a maior parte, no momento, inacessíveis ainda.

Entretanto, se você vive a Coroa do Coração, se vive instantes de reencontro com a Existência que está ligada à Presença do Ser, naquele momento, pouco a pouco, você tomará conhecimento dessas outras dimensões.

Hoje, na noção de casal, há a noção de amor, de pertencimento, de reciprocidade, de sexualidade, também, em função da idade.

Mas o problema é que, quando você chega em dimensões etéreas, você pode «fazer o Amor» (não é fazer o Amor, atenção, mas são as mesmas sensações), eu por vezes tive as mesmas sensações com os 23 outros Anciões e, no entanto, não é uma orgia, não é?

E, quando Maria vem diante de nós, quando Maria se coloca no meio dos 24 Anciões, isso nos excita, mas isso não excita no mesmo lugar. Isso excita ao nível do Coração e é um prazer bem maior que aquele que você pode conhecer aqui embaixo.

Portanto, falar de casal nada quer dizer. Mas não digo que a Vida a 24 seja fácil.

Não temos mais perguntas, nós agradecemos.

Bem, então, caros amigos, eu lhes desejo uma boa continuação e sobretudo um muito bom abrasamento no Fogo do Coração, antes do Natal.

Vocês compreenderão muito em breve o que isso quer dizer. Aí está, eu lhes desejo sobretudo viver na Alegria, viver em sua soberania e emprego intencionalmente essa palavra porque, quando empregamos a palavra «Maestria» isso remete a controle. Não é uma questão de maestria, é uma questão de soberania.

Vocês devem decretar sua soberania, é assim que se constrói a Luz. Por conseguinte, isso é o mais importante: liberarem-se, na medida de suas possibilidades Vibratórias de Consciência, de todo sistema de controle, para reencontrar sua Dimensão eterna.

Então, sobre esse caminho, nós os esperamos muito numerosos, ao menos esperamos, para sua própria liberação e seu próprio retorno em sua Dimensão de origem.

Eu lhes transmito todas as bênçãos de nós, os 24 Croûtons e lhes transmitimos todo nosso Amor e todo nosso indestrutível apoio para sua liberação. Eu lhes digo até muito breve.

_____________________
Compartilhamos essas informações em toda transparência. Agradecemos de fazer o mesmo, se a divulgarem, reproduzindo integralmente o texto e citando a fonte: www.autresdimensions.com.
Versão para o português : Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com

17 de nov de 2009

MIGUEL - 17 de novembro de 2009- 2ª ETAPA

DO SITE AUTRES DIMENSIONS

ÁUDIOS:
http://www.dailymotion.com/video/xb6ok7_20091117mikaelmarche2part12_webcam
http://www.dailymotion.com/video/xb6oie_20091117mikaelmarche2part22_webcam...


Eu sou Miguel, Príncipe e Regente das Milícias Celestes.
Venerados Mestres da Luz, juntos, hoje, abriremos as portas Vibratórias do último acesso a seu Templo interior.
Assim como disse, abriremos, hoje, vocês, e nós, a porta que nos aproxima e que os aproxima, de maneira indestrutível, da Fonte Una de sua Dimensão de sementes de estrelas.

Hoje, inauguramos, juntos, a instalação da primeira pedra correspondente a sua ascensão em Existência.

Eu venho, acompanhado do Arcanjo Uriel, a fim de celebrar com vocês esse retorno na tripla radiância do Espírito Santo, do Ultravioleta e da Fonte.

Juntos, acolhemos o retorno, em Verdade e em Unidade, da Luz Crística, em sua Dimensão.

Eu os deixo e eu nos deixo, juntos, elevar a Vibração do acolhimento, a Vibração da Luz Una, aquela da fraternidade reencontrada na Unidade.

Direi algumas palavras ao final desse trabalho, unicamente para precisar-lhes as circunstâncias da experiência das segunda e terceira etapas, conjuntas, devendo ocorrer em 17 de dezembro.
Juntos, unifiquemos.

... Efusão de energia ...

Bem amados Filhos da Luz, hoje abre-se, portanto, em vocês, a graça e a eternidade.
Nesse dia e nessa hora, a Vibração de seu Cristo interior, semeado de toda a eternidade nesta densidade e sua Semente de estrela, realinham-se e sintonizam-se com o Mestre da Luz.
Cristo interior e Cristo reunem-se em vocês.

As portas do ilimitado estão doravante abertas.
Mesmo nesta densidade e nesta limitação, e a partir de hoje, inúmeros dentre vocês vão experimentar a fusão da Coroa radiante da cabeça com a Coroa do Coração, realizando assim, em vocês, em seu Templo interior, o tempo da Unidade.

Mesmo em seu mundo, a limitação cai, o ilimitado desabrocha.

Pelas múltiplas chaves que lhes foram dadas vocês podem, doravante, cada dia, de 14 às 14 :30h, hora francesa, verificar e experimentar isso de maneira mais precisa.

Entretanto, esta porta e esse alinhamento são hoje funcionais.
Eles visam trazer-lhes sua soberania total e sua conexão à eternidade, à Fonte Una e ao Cristo.
A hora é da revelação.
Vocês a viverão em vocês, mesmo nesta humanidade.

Tudo o que foi falsificado, ocultado voluntariamente, vai cair, a fim de elevá-los, nesta soberania, na Fraternidade do Cristo, na fraternidade intergaláctica da Luz Vibral da Fonte Una.

Bem amados Mestres da Luz, antes de deixá-los prosseguir nesta fusão, de vocês com vocês, e de vocês conosco, eu voltarei, acompanhado pela presença do Anjo da Presença, Uriel, para dar-lhes, no segundo sábado de seu mês, às 16h (e também alguns dias antes de 17 de dezembro), a técnica a fim de realizar melhor a fusão com Cristo, em vocês e no seu exterior, e, desta vez, totalmente.

Deixem cair o que deve cair, elevar o que deve ser elevado: tal é seu objetivo.
Pela potência Crística em vocês, pela potência de sua Vibração e de sua elevação, vocês escaparão e levarão seus irmãos para além da ilusão do que cai.

Vocês entraram na maior das revelações da história desta Humanidade, em sua viagem nesta ilusão.
Congratulem-se, alegrem-se, porque este é um grande momento.

Então, eu os encontro no segundo sábado, a fim de preparar a etapa que abrimos desde hoje.
Durante este período de um mês vocês vão subir em Vibração, em Existência, vão aperceber-se da Sombra e da Luz existentes nesta dimensão e do final da Sombra sobre esta Terra.

Na Vibração do Amor, na Vibração do Espírito Santo, do Ultravioleta e da Fonte, em vocês, não há qualquer temor porque há Ser e Existência, há Unidade e nada, absolutamente nada dos fenômenos cósmicos e terrestres que não sejam da ordem da Luz, não poderá atingí-los.

Eu os deixo viver o fim da Vibração das segunda e terceira etapas conjuntas, hoje, em seu corpo que é seu Templo, que deve elevar-se, na Unidade e na Verdade.

... Efusão de energia ...

Bem amados mestres da Luz, o conjunto do Conclave Arcangélico reunido, o conjunto dos 24 Anciões reunidos, todos em círculo em torno de Maria, estamos prontos, doravante, assim como vocês, a acolher Cristo, em Vibração, em Unidade e em Verdade.

A vibração da Coroa radiante do Coração e da Coroa radiante da cabeça tornar-se-á, para vocês, cada vez mais perceptível.
Isso não é uma visão intelectual ou mental mas uma Vibração bem física, percebida em seu Templo interior e no topo de seu corpo físico.
Essas duas Vibrações vão se aproximar e se unificar.
Inúmeros dentre vocês vão começar a experimentar a não dualidade, a Presença de Si mesmo na Existência, a Confiança na Fonte e a liberdade da Fonte.
Isso é agora.

Eu lhes digo, agora, até muito breve.
Pelo momento, contentem-se de alinharem-se com a Vibração Crística percebida em suas Coroas radiantes.
Eu lhes digo, quanto a mim, e quanto ao Anjo da Presença, Uriel, também, até muito breve.
Nós os deixamos agora nesta Unificação viver o que vocês têm a viver, ainda alguns instantes.
Agora.

... Efusão de energia ...

NOTAS:
Na intervenção de Miguel, é questão da fusão das 2ª e 3ª Etapas em 17 de novembro e 17 de dezembro. Aí está a explicação de Anael: «as Etapas, em número de 7, correspondentes aos 7 chacras essenciais, são ativado atualmente no Homem e em seu Sistema Solar. O Conclave acelerou temporalmente a ativação e portanto 2 Etapas foram realizadas, ao mesmo tempo, em 17 de novembro. Serão então as mesmas, de novo, em 17 de dezembro».

Vocês encontrarão, na rubrica «protocolos» de nosso site, uma recapitulação das «múltiplas chaves» de que fala Miguel, compreendendo um novo protocolo («Estar na Presença ou Presença do Ser»), transmitido ultimamente por SRI AUROBINDO.
Miguel nos indicou a reunião sábado 12 de dezembro, 16 h.
Nesse dia, e nessa hora, uma canalização pública em Biarritz está prevista.
O acolhimento de Miguel far-se-á, portanto, em público, no início da primeira sessão.
O programa do restante do dia é mantido. (Vocês encontrarão todos os detalhes na rubrica «canalizações públicas» em nosso site).

_______________________
Compartilhamos essas informações em toda transparência. Agradecemos de fazer o mesmo, se a divulgarem, reproduzindo integralmente o texto e citando a fonte: www.autresdimensions.com.

Versão para o português : Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com