Seguidores

SE VOCÊ COMPARTILHAR ALGUMA MENSAGEM DESTE BLOG, FAVOR REPRODUZI-LA EM SUA INTEGRALIDADE, CITANDO A FONTE OU INDICANDO O LINK DA MESMA.

12 de abr de 2011

ANAEL – 12 de abril de 2011

Mensagem publicada em 13 de abril, pelo site AUTRES DIMENSIONS.


Áudio da Mensagem em Francês

Link para download: clique aqui




Eu sou Anael, Arcanjo.
Bem Amados Filhos da Luz e bem amadas Sementes de Estrelas, estou com vocês para um espaço de questionamentos e de interrogações.

Então, minhas bênçãos estão em vocês e eu os escuto.

Questão: você disse que eu podia «criar minha realidade». Qual é o modo de emprego?

Bem amado, criar sua realidade é criá-la, já, em pensamento e, em seguida, entregá-la à Luz e à Inteligência dela.

Nada mais há do que isso para levar a efeito.

Agora, não me cabe dizer o que tem a criar ou a realizar, porque cabe a você definir isso, em seu Templo Interior.

Questão: tentei isso, fazendo de modo que fizesse bom tempo.

Bem amado, como é que você pode pretender modificar as circunstâncias exteriores que não lhe concernem, a você, em sua Interioridade?

Questão: para mim, é a minha realidade.

Eu falo da realidade de cada um.
Modificar um clima, modificar um tempo, como isso é possível?
Exceto alguns seres humanos que tiveram o controle dos elementos.

Quando eu falo de criar sua própria realidade eu falo, obviamente, de seu caminho Interior, que lhe é próprio, e não de modificações ambientais que não lhe são próprias.

A partir do instante em que a realidade que você vislumbra criar interfira com outras realidades, então, naquele momento, você não está jamais seguro de que sua realidade prevalecerá sobre a realidade de outra realidade.

Criar sua realidade é uma realidade que lhe concerne, no Interior de você, no desenrolar de sua vida, sem que haja interferência com um elemento que não dependa de você, como o tempo.

O tempo, um curso de água, uma montanha, no sentido humano em que você o vê e percebe não é absolutamente sua realidade Interior.

Foi dito por Cristo que aquele que tivesse suficientemente Fé poderia mover uma montanha.
Ela seria movida para ele, mas seria movida para outro?

Questão: como distinguir uma realidade criada pelo ego daquela criada pelo Coração?

Bem amada, criar sua realidade no Coração significa, agora e já, que o Coração está ativado.
Senão, toda criação, mesmo artística, mesmo se ela é impulsionada por uma alma artista, será apenas uma criação aplicando-se ao ego.

A criação da realidade procedente de seu Espírito é a criação de sua realidade Interior, mas também exterior, decorrendo de sua vida e não da vida de outro ou de outra.

Assim, criar sua realidade inscreve-se também por mecanismos correspondentes às escolhas do Coração que nós já havíamos definido.

A escolha do Coração é propor certo número de proposições e ver qual é a proposição que permite Vibrar o Coração, na condição de que a Vibração do Coração seja efetiva.

Criar sua realidade não é a projeção de um desejo ou de uma intenção como, por exemplo, mudar o tempo.
Porque mudar o tempo não é o reflexo de uma ação do Coração, mas será sempre o reflexo da ação da personalidade.

Assim, falando de criar sua realidade, há uma espécie de alinhamento que se produz em sua Vibração ao nível da Coroa da cabeça ou do Coração que permite, pedindo à Inteligência da Luz, criar.

Em resumo, criar sua realidade sob a ação do Abandono à Luz é preponderantemente diferente da projeção de um desejo, qualquer que seja.
Em resumo, criar sua realidade quer dizer criar sua Unidade e deixar a Unidade estabelecer o que é bom para você, e não projetar um desejo, qualquer que seja.

Enquanto há projeção de um desejo, de uma satisfação, qualquer que seja, não há Abandono à Luz.
E isso eu já havia exprimido em numerosas reprises.

Assim, portanto, se vocês estão abandonados à Luz, a realidade que se criará e que vocês criarão decorre diretamente da ressonância de seu Ser profundo com a Unidade e com a Luz.
Caso em que não pode existir qualquer projeção exterior concernente a um ambiente pertencente à Matriz e não sendo a Verdade.

A Luz é atração e ressonância.
A partir do instante em que vocês deixam a Luz dirigir sua vida, não são mais vocês que dirigem sua vida, mas a Luz.
Enquanto você não aquiesceu a isso, de maneira muito sutil, vocês estão ainda sob a influência do ego.

Assim, inúmeros seres imaginam-se criar uma realidade, em função de desejos ou em função do que eles perceberam em diferentes níveis do próprio ser, e eles se apercebem que o que haviam imaginado, desejado, num sentido que lhes parecia o mais luminoso, não se realiza.

Naquele momento, o que é preciso concluir?
É preciso concluir que houve uma projeção de uma criação, no exterior de si, onde a vontade, mesmo do Coração, interveio.

O Abandono à Luz consiste em colocar uma intenção.
Essa intenção não é uma vontade, qualquer que seja.
Essa intenção não deve traduzir o sentido em que vocês querem ir, mas o sentido em que quer ir a Luz, o que não é verdadeiramente a mesma coisa.

Assim, inúmeros de vocês experimentaram, em diversas circunstâncias de suas vidas, o fato de querer colocar atos que os levam a realizar tal coisa.
Por vezes isso se realiza e por vezes isso não se realiza.

E quando efetivamente isso se realizava, a partir do instante em que foi projetado ao exterior de vocês e procedente de um desejo, qualquer que seja, mesmo se ele se realiza, ele não é procedente da Luz.

A ação da Luz e o Abandono à Luz corresponde ao que lhes foi desenvolvido através de certo número de conceitos chamados Humildade, Simplicidade, Acolhimento e, doravante, Abandono e Integração da Luz.

Vocês não podem pretender isso ou aquilo se a Luz não lhes propõe isso ou aquilo.

Assim, portanto, assim que vocês estão alinhados com sua própria Unidade, e, portanto, assim que o Fogo do Coração se eleva ou que a Coroa Radiante da cabeça está totalmente ativa, o conjunto de sua vida desenrola-se sob a Graça.
Vocês nada mais têm a decidir, porque tudo se estabelece com facilidade.

Isso se junta inteiramente às palavras de Cristo: «o pássaro se preocupa com o que ele vai comer amanhã?».
Isso se junta ao próprio princípio da Fé.

Como vocês podem afirmar uma Fé e manifestar uma Fé a mais total na Luz, se vocês se preocupam, ainda que apenas de uma maneira íntima, com o que será seu amanhã?
O princípio da criação de sua realidade não pode escapar ao que eu acabo de dizer.

Questão: se estamos numa dinâmica de decisão, isso significa então que não se está no Abandono à Luz?
 
Em definitivo e na finalidade, sim.

A Luz, quando ela toma posse da personalidade, transcende-a e desperta-os ao Supramental ou à Luz do Coração.
Basta que vocês emitam um pensamento para que este, se está em acordo com a Luz, concretize-se sob os seus olhos.

Não há esforço a fornecer, não há trabalho a empreender, há apenas que observar a criação de sua realidade.
É muito difícil para o ser humano aquiescer a essa noção.

O que é difícil?
É aquiescer à Inteligência da Luz.

Quando, realmente, vocês estão alinhados e transparentes à Luz, e vocês mesmos se tornam Luz, então, tudo se desenrola segundo o princípio da Graça.

A Lei de atração não pode mais submetê-los à lei de ação e de reação.
A lei de carma dissolve-se para deixar aparecer a lei de Graça e de Unidade.
Não pode ser de outro modo.

E, quando efetivamente um evento ocorresse, contrário à sua visão, às suas ideias ou aos seus pensamentos, esse não seria de modo algum perturbador, qualquer que fosse.
Que ele se tratasse mesmo da morte de um próximo, que ele se tratasse mesmo da perda de algo, de alguém, porque isso se inscreve na lógica da Luz, mesmo se vocês não compreendam com seu intelecto o significado.

Colocando-se sob o olhar Interior de sua Unidade, toda a sua vida será feita de Unidade.

Todos os eventos que escaparem mesmo à sua compreensão, à sua lógica ou à sua análise, têm sua justificação na Luz e não pode ser de outro modo.

Vocês devem, em resumo, passar, inteiramente, do olhar exterior para o olhar Interior porque, em definitivo e em ressonância com o que acontece nesse momento sobre esta Terra, vocês são confrontados, de maneira instantânea, às suas próprias criações, revelando-lhes, assim, onde vocês se situam com relação à Luz.

Questão: que se engajou, ao nível coletivo, na sequência ao trabalho sobre as Cruzes Mutáveis?

Permita-me, bem amado, deixar o Arcanjo Miguel responder a isso.

Isso decorre diretamente da Fusão dos Éteres, isso decorre diretamente do abrasamento do Coração da humanidade, traduzindo-se por sempre mais Abandono à Luz, porque a Luz está agora em fase de derramamento.

Assim como lhes disse o Grande Comandante, há mais de um mês, quando ele dizia que seria agora, isso é realmente agora.

Agora, é claro, vocês são livres para recusar, e muitos seres humanos recusarão essa noção de «agora» para o retorno da Luz.

Será que isso mudará a realidade Interior deles?
Infelizmente não.
É nesse sentido que, hoje, criar sua realidade não pode definir-se com relação a uma visão linear (sobretudo agora) de onde vocês quereriam ir, onde vocês quereriam estabelecer-se, onde vocês quereriam mudar algo no que os cerca.

Agora, mesmo se vocês não percebam, alguns de vocês, a Vibração da Coroa Radiante do Coração medirá sua capacidade para criar essa realidade de Amor e de Luz em função do humor que vocês manifestam no Interior de vocês.

Nós sempre falamos da Alegria, essa não é uma vã palavra.

Aquele que se ofereceu à Luz e que tornou-se Luz vive a Alegria, não pode ser de outro modo.

Cabe a vocês perceber o que lhes resta a percorrer para essa alegria.
Apenas o ego é que os levará para longe da Alegria.
Apenas o Amor é que os levará para a Alegria.

Questão: o que se chama o 13º corpo seria uma ponte para outra oitava da Unidade?

Inteiramente.
O 13º Corpo é apenas a resultante e a síntese, de algum modo, da ativação do conjunto de Corpos, como eles estão agora ao nível da Terra, ao nível das bocas da Terra, como em sua boca.

Assim, as cinco frequências Vibratórias dos cinco novos Corpos, alinhando-se e ressoando juntas, permitem ativar e colocar em função, no serviço, o que é chamado o 13º Corpo, que é, de fato, apenas uma ponte, chamada o Bindu ou Corpo de Cristal, na qual ressoa o ponto ER da cabeça e o ponto ER do peito, permitindo colocar em movimento os diferentes eixos Vibratórios e as diferentes Estrelas e os diferentes circuitos existentes ao nível da cabeça, conectando-se então, naquele momento, com o chacra do Coração, a Coroa do Coração e o Triângulo Sagrado ao nível do Kundalini.

Questão: Miguel evocou almas que acolherão aquelas que virão.
 
Bem amado, existe, de todos os tempos mesmo nessa Matriz, o que são chamados passadores de almas.
Esses passadores de almas são almas que têm a capacidade, mesmo nessa Matriz, de comutar as almas para o reflexo da Luz, permitindo a elas regenerar-se antes de reencarnar-se.

Desta vez, os passadores serão profundamente diferentes.
Serão seres que terão quase vivido a transição sobre esta Terra, no momento de sua abertura, e que, devido à antecipação deles, acompanharão os Espíritos liberados e também as almas que devam ir para mundos de 3ª Dimensão Unificada.

Devido à sua vivência nos instantes vivos e/ou sendo vividos nesses últimos tempos como, por exemplo, as almas arrebatadas por mecanismos e fenômenos naturais, quaisquer que sejam, são frequentemente almas que ascensionam de maneira coletiva.
Algumas dessas almas são solicitadas, porque é a Vibração delas, para terem-se nos lugares de passagem, permitindo juntar-se ao Astral em dissolução total e ao Corpo de Existência ou, ainda, aqueles que deverão tomar outro corpo carbonado.

Questão: essas almas encarregadas desse papel são desencarnadas?
 
Necessariamente.
O que é diferente para os passadores de almas encarnados na Matriz, nos tempos mais antigos, e trabalhando à noite ou em outros momentos, saindo do corpo, num corpo astral, para ajudar aqueles que acabavam de passar.
Os planos Vibratórios tocados não são de modo algum os mesmos.
Esses passadores estarão no que se chama um corpo de Existência.

Questão: sentem-se por vezes espécies de movimentos no cérebro.

O conjunto de Estrelas, chamadas Estrelas de Maria, corresponde a funções, a redes inscritas nessa matéria, nesse corpo também.

É a «tomada de posse» de capacidades cognitivas que haviam sido asfixiadas pelo confinamento Luciferiano, que são hoje transcendidas e superadas.

Isso concerne, obviamente, a zonas tanto ao nível do cérebro direito como do cérebro esquerdo.
Assim, o que está à esquerda corresponde ao cérebro esquerdo, o que está à direita corresponde ao cérebro direito.

Mas esqueçam o que os fizeram dizer, num momento preciso de sua ciência, que tal cérebro era aquele da razão e tal outro era aquele da intuição.
Eu diria que a estrita realidade de seus cérebros é a seguinte: há um cérebro que funciona num mundo analítico e o outro cérebro que funciona no mundo sintético.
Um é ligado diretamente à atividade mental.
O outro é ligado, de maneira muito diferente, à atividade do Coração.

Entretanto, como vocês o constatam, há certo número de pontos à esquerda e certo número de pontos à direita.
Quer dizer que os pontos à esquerda são unicamente ligados a funções do cérebro esquerdo?
Não, porque o que se ativa é bem mais do que zonas globais do cérebro, mas circuitos presentes em seu cérebro, em seu corpo, em seu Coração, no canal do Éter e no conjunto de suas estruturas esquerdas e direitas.

Agora, a ativação das Cruzes Mutáveis traduz-se por modificações bem mais consequentes do que aquelas que vocês percebem no instante em que vocês as praticam ou mesmos nos dias seguintes.
Essa modificação concerne à totalidade de sua evolução Vibratória.

O trabalho que vocês realizam, e que as primeiras Sementes de Estrelas realizarão sobre a Terra permitirá, àqueles que se despertarem à Luz, ativar inteiramente a própria Coroa Radiante do Coração e da cabeça em um instante.

Vocês são os Semeadores de Luz, as Sementes de Estrelas.
Pela ativação de suas próprias Estrelas vocês ativam as Estrelas de seus Irmãos e de suas Irmãs.

Questão: o 13º corpo está em relação estreita com as Cruzes Mutáveis?

Ele está em relação direta com a ativação e a Fusão dos Éteres ao nível dos pontos ER da Cruz da Redenção ou Cruz Fixa e, em seguida, como agora, das Cruzes Mutáveis.
Há uma ressonância direta com o que é chamada a Merkabah ou Veículo Ascensional.

Questão: quando se ascensiona, entre o momento em que se deixa esse corpo físico e aquele em que se reconecta o corpo de Existência, está-se mergulhado no escuro durante certo tempo?

Bem amado, tudo depende de sua própria Vibração.

Se há a capacidade para passar a Consciência na totalidade da vibração que anima esse corpo físico, então não há jamais escuro.

O escuro é, de fato, apenas a expressão da Consciência, traduzida pelo ego em termos de aniquilação, mas não há jamais aniquilação no processo da Ressurreição.

Mesmo na Matriz, antes mesmo de sua liberação atual, em suas vidas passadas, não há jamais aniquilação da consciência.
Há somente aniquilação da consciência nas fases chamadas de sono.
E, no entanto, quem tem medo de dormir, de uma maneira geral?

O hábito os faz dizer que vocês estão certos de voltar a levantar no dia seguinte pela manhã e, portanto, vocês mergulham, geralmente, facilmente, no sono, com uma certeza de seu acordar.
Há, portanto, um hábito.

O processo chamado a morte, mesmo na Matriz, não é uma aniquilação.
Apenas o olhar da personalidade é que crê nisso.
É justamente um acordar.

Hoje, esse acordar é bem mais que um despertar, é uma Ressurreição.
Em resumo, quem é que pode ter medo, a não ser a própria personalidade?

Questão: a necessidade de menos dormir é, portanto, ligada ao afluxo de partículas Adamantinas ao invés que à reação de medo do ego de não mais acordar?

Bem amada, as partículas Adamantinas modificam sua fisiologia, isso nós dissemos.

Uma dessas fisiologias concerne à alimentação, a sede e o sono.
Essas funções, chamadas de controle central, tradicionalmente sob a influência da hipófise-hipotálamo, veem-se transformadas pela interceptação da Luz e a intervenção da Luz no interior dessas estruturas.

Isso se traduz, inevitavelmente, devido à associação dessas partículas Adamantinas, por uma necessidade real de sono muito menos importante do que anteriormente.
O que não impede que alguns de vocês, mesmo religados de maneira intensa às próprias Vibrações, possam ter momentos em que lhes pareça como estarem literalmente adormecidos permanentemente.
Num caso há a irrupção da Luz modificando seus ritmos fisiológicos e, no segundo caso, há preparação do que o Comandante chama «casulo de Luz».

Não temos mais perguntas, agradecemos.

Bem amados Filhos da Luz, minhas bênçãos os acompanhem.

Que a Paz e o Amor sejam sua Verdade e sua Unidade.

Eu lhes digo certamente até breve e eu deixo o lugar, em alguns instantes, ao Arcanjo Uriel.

Até breve.

___________________
Compartilhamos estas informações em toda transparência. Obrigado por fazer do mesmo modo, se deseja divulgá-lo, reproduza a integralidade do texto e cite sua fonte: www.autresdimensions.com.

Versão do francês: Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com

Um comentário:

  1. "A partir do instante em que vocês deixam a Luz dirigir sua vida, não são mais vocês que dirigem sua vida, mas a Luz. Enquanto você não aquiesceu a isso, de maneira muito sutil, vocês estão ainda sob a influência do ego". Isto é de incrível abrangência e tende a dirimir a maior parte dos questionamentos. A msg aborda mais especialmente a nossa condição de criadores, se posicionando em elevadíssimo patamar, deixando-nos quase sem alternativa egoica, no que tange ao verdadeiro processo criativo. De tão divino o conteúdo desta msg, ela própria se expressa nestes termos, em dado momento: "É muito difícil para o ser humano aquiescer a essa noção". Foi realmente com este sentimento que ficamos, e com bem mais clareza sobre a Luz no fim do túnel.

    ResponderExcluir