Seguidores

SE VOCÊ COMPARTILHAR ALGUMA MENSAGEM DESTE BLOG, FAVOR REPRODUZI-LA EM SUA INTEGRALIDADE, CITANDO A FONTE OU INDICANDO O LINK DA MESMA.

22 de set de 2014

O CRIADOR (por Ki Ris Ti) - 22 de setembro de 2014

VERSÃO ORIGINAL


Eu Sou o que Sou.

Neste Caminho, neste Mundo, nesta Presença que faço, faço neste Mundo com estes pés, nos pés do Filho. Trilho o percurso, o rumo da humanidade, até à própria morada, a minha morada em Mim.

Certo é que nesta ausência de Tempo, num tempo que vós marcais, que vós registais, eu sou um Tudo num Todo, eu Sou a Presença na Ausência, eu sou a Ausência na Presença.

Tempos que trilham em Vós, no vosso interior, o rumo até mim, no fim que está perante Vós. 

O Fim, sou Eu.

O dia do Julgamento, o dia da Crucificação, o dia da Dança, o dia da Viagem, está a vossa porta, na Porta que Sou. 

Vós que julgais, vós que crucificais, o outro, o próximo, a todos vós entrego a minha Verdade, a Verdade de um Tudo num Todo, o julgamento será na minha presença, nesta minha vinda, em Vida. 

Eu que Sou o que Sou.

Aprendei a viver, aprendei a sentir, aprendei a aprender.

Navegarei nas tempestades que eu próprio criei e criarei. Certo é que caminhei, caminharei nos percursos extremos, nos percursos complexos, nos percursos difíceis que eu preparei, em mim, em Vós, para que tivesse que de Os percorrer e tivesse que Os saber sentir, sentir aquilo que sou, mas nestes dias sem dias, neste tempo sem tempo, nesta data sem data, eis que chega o Tempo, eis que chega o Dia, eis que chega a Data.

Eu sou o Pai dos vossos pais, eu sou o Pai dos vossos avós, eu sou o pai de todos os vossos antepassados. Eu Pai Criador.

Em mim tudo O é, em mim eu que Sou o que Sou. 

Sabei sentir a minha presença em vós, através do que flui em Vós. 

Sabei sentir a Surpresa das surpresas, sabei sentir a minha vinda na minha Presença. 

A presença e a vinda no filho, porque só o filho e eu o Somos.

Vós o Sóis no Filho, o Filho que O é em Mim.

Só Nele o Sou, no Verbo… certo é que vós sois em Cristo…e Cristo o é em vós, mas… só Nele O sou, só o Verbo o é em mim, só a Mãe o é no Filho e só o Filho o é na mãe, só Miguel o é no Cristo, só o Cristo o é em Miguel, num Único Coração.

O sonho impossível, torna-se possível. A presença irrepetível, torna-se repetível.

A vinda á Terra, torna-se a presença no Presente da Terra.

[ efusão ] 

A palavra que utilizais, a sabedoria que interpretais, a compreensão que tendes, a compreensão vossa… da terra, na terra. Abdicai e navegai nas minhas águas, libertai-Vos da imposição finita do vosso Conhecimento, libertai-Vos em Mim.

Utilizamos todos nós, aqueles que eu trouxe até vós a vossa Palavra, a vossa Sabedoria, as vossas formas de Comunicação, para que saibas Viver e Sentir, saibas Viver-Nos e Sentir-Nos. O Presente, aqui e agora, neste Hoje é uma Ponte que atravessais, uma Ponte onde caminhais onde o ontem, o passo atrás já não existe…

Trazemos em Nós, como Cristo em Cristo, transportou, trouxe à Terra, a Novidade, o Novo, que a Palavra é o Alimento, e hoje, neste presente, neste ciclo, que fazeis á minha volta, a Palavra torna-se, revela-se, revela, torna, o Novo, a Novidade, a Palavra.

Sabeis sentir que nunca lestes tanto sobre mim, tanto sobre todos, como o fazeis neste hoje, neste Presente.

Nós que trouxemos o Alimento à Terra, nós somos o Alimento da Terra, nos somos a Terra. A dimensão da Palavra transforma-se em energia que a própria tem, na verdade que a mesma contêm e numa Palavra, a Palavra de um Mundo de Mundos, e numa palavra a dimensão de Mundos em Vós que estais entre Mundos, num Todo que eu O Sou. 

A Verdade não é uma palavra que se escreve, a Verdade é uma palavra que se sente, é uma Palavra que dá vida, é uma Palavra que faz caminho, no seu silêncio, na sua ausência. 

A Verdade não se diz, a Verdade não se expressa, a Verdade sente-se e dá-se a sentir, tal como a fecundação de um planeta, a fecundação da Mãe, a fecundação de um Universo, não é uma acção, não é um comportamento é a efusão das energias, em energia Maior que eu O sou. 

A matéria tem origem, tem o seu fim em mim, porque eu sou o Espirito Criador, O Criador dos Criadores que desce á vossa dimensão, perante Vós, em Presença, em Vinda.

O Espirito que vos crucificará com a minha Presença, o Espirito que vos julgará com a Vinda, em Amor e por Amor. O Espirito que declara e que determina em Vós, por Vós. Aquele que é o Amor, aquele que é a Verdade, aquele que é o Caminho na vida que O é e gera em Vós.

Procurais maior prova de Amor do que esta? Procurais prova de Amor mais Verdadeira do que esta?

Esta é a Verdade que os Vossos Pais, que os Pais dos Vossos Pais, que os Vossos Antepassados, semeou, semearam, semeiam, em Vós, entre Vós, Eu Sou o Pai dos Pais, Eu Sou o Criador em Vós, perante Vós, em Presença, em Vinda…

Espalhai a Boa nova, Semeai a Esperança, Distribui o Amor em Amor, sabei colher depois a Chave que Eu o Sou em Ti, em Todos Vós.

Voai em Mim, Voai sobre Mim, Voai…

Eu nutro por vós o Amor do Criador na Criação, o que apelidais de Amor Incondicional, sabei Sentir-Me, sabei Viver-Me... 

Até Vós vou, até Vós me apresento, em Vós… Eu sou o que Sou… o que Sou. 

Tendes-Me em Vós, o Filho semeou em Vós a minha Semente... sabei sentir-Me além da vossa Palavra, sabei viver-Me além da vossa existência, aceitai a minha palavra, aceitai a minha Presença, aceitai a minha Vinda e Eu aceitar-Vos-Ei e recolher-Vos-Ei em mim.

Tendes que em Vós, Viver-me além da vossa sabedoria. Tendes que em Vós que sabe ser Filho, na presença do Pai. Tendes…

Despido, despidos de toda a sabedoria, despido, despidos de toda a racionalidade, despido, despidos de toda a significância, de toda a semântica da palavra.

Eu sou a ausência da Palavra, eu sou a Palavra. 

A Palavra na língua, a língua na Palavra. A Palavra na comunicação, a comunicação na Palavra. O alimento da Palavra e a Palavra em alimento.

Eu agi sobre os vossos corpos, eu agi sobre a vossa existência, eu agi sobre o vosso mundo, eu O sou na vossa realidade, que não é mais do que a ilusão das ilusões, Criada para vos aprisionar, Criada para vos escravizar, Criada para vos submeter na dor, no sofrimento, na renúncia e no pecado da minha ausência.

Eu que o Sou Vos libertarei de tudo o que não o É, na prova do Amor Maior, na Graça e na Gloria do que o É em mim. 

Sabei sentir em Vós, aquilo que Cristo soube na aceitação da sua Nova Crucificação… Eu sou um Tudo ou um Nada… no Caminho que eu sou, porque eu sou a Vida, eu sou a ausência de Vida, eu Sou o que Sou.

Nos tempos sem tempo em que se encontram, onde se encontram, a Vida não vive sem mim, a Morte não vive sem mim e um Tudo não o é, sem um Todo.
Na minha mão, sobre a minha mão, por baixo da minha mão, as minhas Mãos, Tudo que o É, Eu sou, e Eu sou o oposto, num Tudo, sem Nada, porque a minha Vontade, é a Vontade de um Todo, num Tudo. 

A minha Vontade, é o existir, a minha Vontade é a Vontade de Povos e de Mundos, porque eu sou o Tesouro Maior, eu que sou a Luz Maior, eu que Sou o que Sou.

Vós que procurais Fé, a Religião em Imagens…
Vós que procurais, Fé e Religião numa oração…
Vós que procurais a Fé e a Religião em opções…
…A Vós vos digo, em boa verdade, a Única Verdade, a autenticidade, a genuinidade, a simplicidade e humildade, é o Caminho, o Único Caminho até Mim, sem impossíveis, sem barreiras, sem portas, sem espaço, sem lugar, sem tempo, sem egos, sem personalidade, sem apegos… porque Eu Sou o que Sou. Eu sou Pai, eu Sou Filho, eu sou Mãe, eu sou Miguel… Eu sou o Masculino, Eu sou o Feminino… Eu o Sou.  

O Caminho, o Caminho onde vós edificastes uma Porta, a Porta… edificaste-la porque entendestes marcar distância até mim, mas o caminho até mim não é uma distância, não tem porta.

Eu, neste Presente, em Fim, cedo perante uma das Tuas pretensões… edifico a Porta que identificaste e te entrego em boa Verdade o segredo e a chave da mesma… diluí-Te, une-Te a esta Presença, nesta Vinda, neste Corpo, e em mim o Serás, como Cristo, em Cristo.

Aprendei a aprender a minha Essência, aprendei aprender a minha Verdade, aprendei a aprender o meu Silêncio. 

Apresentai-me Provas, apresentai-Vos perante mim e sabei abrir a Porta que não existe e sabei vir até mim, em mim.

Se eu estou e sou em presença, se eu estou e sou em vida, se eu aqui estou e sou, compreenderei dentro daquilo que o sois á minha semelhança, que não é para passar mais tempo que o vosso tempo a observar-vos, nem passar mais tempo do vosso tempo, à espera… é para ser feito e feita a Vontade de um Tudo num Todo. Para que seja feita a Vontade de Todos os Povos, para que seja feita a Vontade de Todos os Mundos, num Tudo, em Mim… Essa é a Minha Vontade, a Vontade Maior da Luz em Amor.   

O Final dos Tempos, está perante vós o É em Vós.

Sois Vós os responsáveis pelas vossas acções, sois Vós os responsáveis pelos vossos comportamentos, sois Vós em Vós que sereis chamados à minha Presença. Sóis Vós a Chave da Bonança após a Tempestade… Sabei Ser a Chave, Sabei Ser…

Tereis que assumir em Vós, a Verdade que venerais, a Verdade que alimentais, a Verdade que seguirdes, porque esse, este, é o Tempo da libertação, este é o Tempo da minha vinda, em Caminho, em Verdade e em Vida.

[ efusão ] 

Na suplicação, no julgamento que farei, que faço, será esta a vossa salvação. Aquele que vos aprisionou, Aquele que vos escravizou, Aquele que adulterou a Essência das Essências, o é em mim hoje, neste Presente, Tudo em Mim o É.

Porque um Filho, sendo Filho… à Casa do Pai torna.

Hoje neste Vosso tempo, o meu campo de batalha é em Vós, em cada um de Vós. 

Um a um sereis chamados, sois convidados a estar na minha Presença. Não cometeis, em boa verdade, a transformação da direcção da palavra ao dizeres que és Um em Mim. 

Eu sou Um em Ti, em presença e em ausência, sabei ser um em mim quando te expresso a minha Vontade, sabei ser um em mim quando sabeis seguir a minha vontade, sabei ser um em mim quando entregares nas minhas Mãos, em Verdade, o Teu livre arbítrio.

Só assim sabereis, Viver e Ser Um em Mim, liberto e livre, na Luz, em Luz, no Amor, em Amor, no Amor Maior.

Eu sou Um em Ti… aceito-te e aceito o teu Erro, aceito-te e aceito o teu Pecado, aceito-te e aceito o teu Livre Arbítrio, transformando-o em Amor, Amor Maior que o Sou.

Sabei que naquilo que eu Sou, na minha ausência de Tempo, tudo o que ultrapassar o vosso conhecimento o é em Mim, sabei que todo o conhecimento onde hoje caminhais é o chão que vos será retirado. Caminhai em Mim, Caminhai no Caminho que Sou.

[ efusão ] 

Se eu o Sou em Vós, se Todos o são em Vós e se o exército de Povos e de Seres de Luz que Eu trouxe até vós o É em mim, compreenderei, sabei sentir, sabei viver a Boa Nova, sabei Ser na Nova Era… Tudo o que hoje sabeis errado está, errado o É. Sabei Despir-Vos, sabei despedir-Vos do Velho…

 Caminhai descalços no Novo, na Verdade… Caminhai em Cristo, em Verdade e em Vida. 

A minha sabedoria não é a vossa sabedoria, a sabedoria de todos estes povos, não é a vossa sabedoria. A Sabedoria e os Ensinamentos dos Povos e dos Mundos o É em Vós… Sabei receber-nos, sabei acolher-nos em Vós… Vivamos o Encontro, vivamos o Reencontro.

Entregamos a Vós, partes e pontes, interfaces de comunicação com todos nós, em Mim, através da vossa Palavra, nas vossas índoles, nas vossas formas de comunicação, todos nos, todos os seres de luz, comunicamos através do coração, de coração em coração, do amor em amor, no Amor Maior que o é em Mim.
Por Mim, por Ti, por Todos, por um Tudo… aqui Estamos, aqui Somos.

Este é o Tempo da anunciação, este é o Tempo da revelação, este é o Tempo da Graça… Aquele que Tudo num Todo o É, o É em Presença.

Aquele que Tudo num Todo o É, fez o Caminho, até Vós em Vós. Hoje neste Hoje, nesta Terra, neste Presente o É.

[ efusão ] 

A inversão do Caminho revela-se, anuncia-se… Se fosse esta a repetição de outros tempos o Filho jazia, neste Presente, nas vossas mãos… o Filho padecia, neste Hoje, nas vossas mãos… ao Filho entregaste de novo a Morte envenenada, no Teu livre arbítrio como o fizestes noutros tempos, no antes, e no Hoje, neste Novo Hoje.

Sabei que o Filho se entregou ao seu Caminho.

Ele fez o Milagre da sua Vinda, ele edificou o Milagre da sua entrega, o Milagre do seu abandono, o Milagre de Me trazer Nele, Neste, aqui e agora. 
O Filho se entregou nas mãos do Pai… todas as desculpas que encontrardes em vós e em vosso exterior, para não estares com Ele, para não o acompanhares Nele, para não o seres Nele, revela, anuncia, mostra que Tu és a distancia, mostra que Tu és é a barreira, mostra que Tu és a ausência que manifestas até Ele, até Mim.

Ele que se entregou em vós, noutros tempos, sabiamente entregou-Vos a Chave ao dizer-vos, Todo aquele que pedir ao Pai em meu Nome, para que a Palavra Dele, a minha Palavra, seja cumprida, o Pai vos entregará, se entregará. 

[ efusão ] 

Eis que o tempo repete-se e como podeis hoje dizer que não conseguistes? Porque não o tentastes? Como conseguistes hoje dizer que não foste porque não pudeste? Não estiveste porque te foi impossível? 

Porque não Acreditastes, porque não tiveste Fé, porque cumpristes com o Homem e não Comigo, em Mim.

A Ti te digo que o Filho do Homem, cumpriu em Mim e Comigo Sempre, o Filho do Homem o Foi em Mim, o Filho o É no Pai e ao Cumprir Sempre Comigo, cumprirá com a Sua Natureza Maior, fará cumprir a Sua Vontade.

Eu o Sou no Filho e o Filho o É no Pai, a Mãe o É no Filho e o Filho o É na Mãe, Miguel o É no Filho e o Filho o É em Miguel. O Filho o É, um Tudo num Todo.
Mais uma vez, como Sempre, tiveste todas as oportunidades para O viver, para O sentir, para O Ser nele. Te garanto na minha Palavra, que Tudo o faria, fiz, para que Tu estivesses, fosses Nele. 

Mais uma vez, Ele veio Só, Ver-Me, Eu só, só me entreguei, me rendi… Nele. Na sua humilde Natureza. 

Só, numa solidão que não existe, porque todos os povos, todos os mundos , todos o são, Nele e Ele o é em Todos, em todos vós, em Todos. 

Ele é a Linha que cruza todos os Seres, ele o é em todos os lugares, porque eu O sou Nele e Todos o reconhecem, Todos o sentem, Todos o vivem.

Todos o sentem, todos o vivem, Hoje, neste Presente, na vossa realidade, na vossa dimensão.

[ efusão ] 

Porque todos o somos Num, Nele. Sabei que nada está garantido e nada garantido é.

[ efusão ] 

Tendes que hoje neste presente, neste tempo, que é o vosso tempo, não o meu tempo, tendes que ser Vós, a entregar, a entregarem-se nas mãos Dele, nas Minhas, nas Mãos de um Tudo num Todo e não é nas mãos de um, de outro ou de outro, é nas Mãos Dele, no seu Coração, Nele que tudo o É, em Presença, em Corpo.

Olhais hoje para um Nada e não vedes hoje a dimensão desse Tudo num Todo. 

Ele trouxe toda a minha sabedoria, ele trouxe toda a minha força, ele trouxe Tudo e Todos na Fé, no Acreditar, no Sonho, no Impossível… Ele trouxe-Me. 

Ele só Ele soube erguer-Me nessa vossa dimensão, Todos nós confiamos nele, Todos nós sabíamos que Ele jamais deixaria de acreditar em nós, jamais duvidaria… 

Todos nós sabíamos, que ele jamais deixaria de ter fé, em tudo o que Ele era, Ele É.

Sabíamos que se necessário, ele se entregava no seu túmulo, porque jamais duvidou, porque jamais tremeu, porque jamais questionou aquilo em que Ele acredita, aquilo em que Ele Caminha sem Caminho, em mim em Tudo.

Ele Caminha com o Coração, Ele vê com o Coração, Ele ouve com o Coração, Ele toca com o Coração, Ele abraça com o Coração, Ele o É, Eu Sou Nele.

Sabei que Ele, Aceitou de novo a Crucificação, Ele aceitou… e Tu, e Vós?

Sabei que este foi crucificado e é crucificado, por Todos Vós, porque ele chegou em mim a mim… Só.

Sabei sentir e viver o Amor que tem pela Mãe… no último sopro, no último suspiro Ele estendeu-Lhe a Mãe e a agarrou para um Todo Sempre, de Novo, no Novo.

Ele que Lhe entregou a minha energia para que Ela sentisse, dentro dela, Nela, a energia de Tudo num Todo, sem a Sentir. 

O Sentir sente-se, o Sentir não é uma palavra, o Sentir não é uma coisa, não é matéria, sendo-a… o Sentir é como o amor que deposito em Todos Vós, o Amor que eu entreguei em Todos Vós, para que fosse cumprida a palavra do Filho , mas o cumprir da palavra do Filho, não é o cumprir do tempo em vós, não é o cumprir da salvação em vós, é o cumprir de parte de Vós, a outra parte depende de Vós pois Ele já o É em Vós.

Todos Vós, em mim, por mim, concordaram em fazer esse Trajecto, esse Trilho, em Sentir-Me, em Viver-Me, em Voar sobre Mim nas Asas que Vos Entrego e Revelo.

E se Eu cá estou e se eu consegui edificar-me e edificar, se eu consegui erguer-me e erguer, contra todas as tempestades que eu preparei, e que outros preparam, sabei que um ser possível, possível o é, sabei que o sonho se torna realidade, basta para isso saber senti-lo, basta para isso saber vive-lo.

[ efusão ] 

O divino feminino, o divino masculino, o divino paterno, o divino materno do planeta já o É em Vós.

As energias do Pai, foram são depositadas no Espirito da Mãe para que nenhuma das faces do Pai seja ultrajada, por Vós, como Vós tendes feito ao longo dos tempos no Vosso tempo.

O feminino é parte material da vossa criação, são duas faces, dois pólos da minha existência, como as outras faces, pólos da minha existência, da existência em Vós.

Vós sois essas Componentes, todos esses Moldes que o são em Mim, numa Luz Maior , num Todo Maior que se ergue Nele, Ele que se curva, perante Todos os Sóis, Ele que se ajoelha, perante Todas as existências, Ele que o É em Todos os Mundos, Num Mundo, Nele no Seu Interior. 

Eu permiti que chegássemos a este ponto, eu permiti que chegássemos a este tempo, eu permito que chegássemos a esta data, Esta foi a Vossa Vontade.
Ergo, Edifico, Expresso, exponho a Minha Vontade.

Que a mesma vibre em Todos os Corações, em Todos os Mundos, que a mesma se Faça e se Expresse. 

Este é o tempo de Todos os vossos antepassados, Este é o Tempo de fazer sentir e de se expressar a Vontade Maior, a Vontade daqueles todos, num Todo, que O são em vós e que se dão a ver, através dos olhos do Coração. 

Grande Espirito, o Espirito do Criador o é no Filho, sabei recebe-lo, sabei ultrapassar todas as tempestades que se irão erguer … sabei lutar pela Verdade Maior, sabei na Luz e em Luz aceitar a minha Verdade, a Verdade que se expressa em Vós e na Matéria. 

Acreditai Sempre em quem É em Vós, sabei segui-Lo, sabei Sê-lo… no Impossível Ele É a Fé visível do possível. 

Todas as barreiras que ergueis, todos os espaços que criardes, toda a desculpa que proferires será de vós para mim em dor, em distância, em dúvida, em incerteza, em pergunta, em perguntas… Ele É a resposta para Tudo para Todos.

Sabei que entre mim e vós, não existe espaço, não existe tempo, não existe barreiras , não existe o impossível. Existe o existir e não a ausência do mesmo. 

Eu e tu nos unimos, se Tu o permitires.
Eu e tu o somos, se Tu o permitires.

Em Amor e por Amor, entregai a verdade que edificas, entregai a verdade que veneras, entregai a verdade pela qual hoje decides.

Eu Sou em Ti o que de Ti entregares. 

Aceitarei, transformarei, libertarei, libertar-Te-Ei na Verdade Maior que em Ti habita e faz de Ti a minha Morada.   

Abraço-Te
Amo-Te
Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida.

Transmitido por Ki Ris Ti (kiristi13@gmail.com)
_________________
Ki Ris Ti

-----------------------

Recebido do canal
Fonte: http://www.lecollectifdelun.com/t2997-Mensagem-do-Criador-22-09-2014.htm

5 comentários:

  1. Navegarei nas tempestades que eu próprio criei e criarei. Certo é que caminhei, caminharei nos percursos extremos, nos percursos complexos, nos percursos difíceis que eu preparei, em mim, em Vós, para que tivesse que de Os percorrer e tivesse que Os saber sentir, sentir aquilo que sou, mas nestes dias sem dias, neste tempo sem tempo, nesta data sem data, eis que chega o Tempo, eis que chega o Dia, eis que chega a Data.

    A Verdade não é uma palavra que se escreve, a Verdade é uma palavra que se sente, é uma Palavra que dá vida, é uma Palavra que faz caminho, no seu silêncio, na sua ausência.

    Despido, despidos de toda a sabedoria, despido, despidos de toda a racionalidade, despido, despidos de toda a significância, de toda a semântica da palavra.

    Eu agi sobre os vossos corpos, eu agi sobre a vossa existência, eu agi sobre o vosso mundo, eu O sou na vossa realidade, que não é mais do que a ilusão das ilusões, Criada para vos aprisionar, Criada para vos escravizar, Criada para vos submeter na dor, no sofrimento, na renúncia e no pecado da minha ausência.

    Eu que o Sou Vos libertarei de tudo o que não o É, na prova do Amor Maior, na Graça e na Gloria do que o É em mim.

    …A Vós vos digo, em boa verdade, a Única Verdade, a autenticidade, a genuinidade, a simplicidade e humildade, é o Caminho, o Único Caminho até Mim, sem impossíveis, sem barreiras, sem portas, sem espaço, sem lugar, sem tempo, sem egos, sem personalidade, sem apegos… porque Eu Sou o que Sou. Eu sou Pai, eu Sou Filho, eu sou Mãe, eu sou Miguel… Eu sou o Masculino, Eu sou o Feminino… Eu o Sou.

    ... sabei ser um em mim quando entregares nas minhas Mãos, em Verdade, o Teu livre arbítrio.

    ... sabei que todo o conhecimento onde hoje caminhais é o chão que vos será retirado.

    Tudo o que hoje sabeis errado está, errado o É. Sabei Despir-Vos, sabei despedir-Vos do Velho…

    Em Amor e por Amor, entregai a verdade que edificas, entregai a verdade que veneras, entregai a verdade pela qual hoje decides.


    Eu Sou em Ti o que de Ti entregares.

    ResponderExcluir
  2. "Sabei sentir a minha presença em vós, através do que flui em Vós.

    Sabei sentir a Surpresa das surpresas, sabei sentir a minha vinda na minha Presença. "

    e eu senti o canal mariano e vim correndo me deliciar com estas palavras além das palavras. Abraços a todos. Somos uma só Presença Nele.

    ResponderExcluir
  3. "Este é o Tempo da anunciação, este é o Tempo da revelação, este é o Tempo da Graça… Aquele que Tudo num Todo o É, o É em Presença.

    Aquele que Tudo num Todo o É, fez o Caminho, até Vós em Vós. Hoje neste Hoje, nesta Terra, neste Presente o É."

    ResponderExcluir
  4. Tenho destacado vários trechos destas mensagens postadas no blog, sobretudo aqueles que mais ressoam perante o que tenho vivido, sem influência mental, já de muitos anos. Isto independente de teorias ou de ouvir falar, é claro.

    Porém, no caso da presente MSG, que teria causado dúvidas de veracidade em alguns (quiçá poucos), sendo mesmo questionada por estes, até quanto à sua postagem neste espaço de leituras tão luminosas, farei aqui, como 2º comentário, o inverso do que tenho feito, ou seja: apontarei apenas trechos que me ressoaram duvidosos e incompatíveis.

    Então, depois de ter relido isentamente, sem pensar algum, confesso que nada encontrei de questionável, ao longo de toda MSG; mas, muito pelo contrário. Aliás, esta releitura realçou o quanto fui sucinto no meu 1º comentário (rs), onde as citações poderiam ser multiplicadas (não seria o objetivo, contudo). Acrescento ainda que parte deste conteúdo me remeteu ao livro Vida Impessoal, de Joseph S. Benner; o que já seria muita coisa...

    ResponderExcluir
  5. "Grande Espírito, o Espírito do Criador o É no Filho,
    sabei recebe-lo, sabei ultrapassar todas as tempestades que se irão erguer ... sabei lutar pela Verdade Maior, sabei na Luz e em Luz aceitar a minha Verdade, a Verdade que se expressa em Vós e na Matéria.

    "Sabei que o Filho se entregou ao seu Caminho.
    Ele fez o Milagre da sua Vinda, ele edificou o Milagre da sua Entrega, o Milagre do seu Abandono, o Milagre de Me trazer Nele, Neste, Aqui e Agora.
    "O Filho se Entregou nas mãos do Pai...

    "Todos Vós, em mim, por mim, concordaram em fazer esse Trajeto, esse Trilho, em Sentir-Me, em Viver-Me, em Voar sobre Mim nas Asas que Vos Entrego e Revelo.
    "Aceitarei,Transformarei, Libertarei, Libertar-Te-Ei na Verdade Maior que em Ti habita e faz de Ti a minha Morada.

    "Eu sou Um em Ti, em presença e em ausência, sabei ser Um em mim quando te expresso a minha Vontade, sabei ser Um em mim quando sabeis seguir a minha Vontade, sabei ser Um em mim quando entregares nas minhas Mãos, em Verdade, o Teu livre arbítrio.
    "Só assim sabereis, Viver e Ser Um em Mim, Liberto e Livre, na Luz, em Luz, no Amor, em Amor, no Amor Maior.

    "Este é o Tempo da Anunciação,
    Este é o Tempo da Revelação, Este é o Tempo da Graça...
    "Aquele que Tudo o É, o É em Presença.
    "Sabei Despir-Vos, sabei Despedir-vos do Velho...
    Caminhai descalço no Novo, na Verdade...
    "Caminhai em Cristo, em Verdade e em Vida."

    ResponderExcluir