Seguidores

SE VOCÊ COMPARTILHAR ALGUMA MENSAGEM DESTE BLOG, FAVOR REPRODUZI-LA EM SUA INTEGRALIDADE, CITANDO A FONTE OU INDICANDO O LINK DA MESMA.

31 de out de 2009

SRI AUROBINDO – 2/2 - 31 de outubro de 2009

DO SITE AUTRES DIMENSIONS


Irmãos e irmãs de Luz, recebam novamente minhas bênçãos.
Eu volto, como lhes disse.

Vamos, juntos, se quiserem, tentar fazê-los avançar na compreensão, a experiência do supramental.
Sobre a Luz que vem da 5ª Dimensão, correspondente à sua transformação, a seu despertar, a sua Iluminação.

Recebam meu Amor e minhas bênçãos.

Procederemos, se quiserem, em resposta a suas questões, num primeiro tempo, por uma linguagem corrente.

Intervirei, num segundo tempo, pela Radiação de minha Presença nesse canal, acoplado à possibilidade oferecida, pela Presença do Arcanjo Uriel, aproximando-os, na medida do possível, para cada um de vocês, desta dimensão da Luz supramental e de seu efeito, em sua Consciência e em seu corpo físico.

Permaneceremos, se quiserem, alguns instantes, sobre o plano do questionamento e do jogo de questões / respostas, em relação, certamente, com a Luz, o supramental e o Apocalipse, eis que isso participa dos mesmos fatos e esses processos se desenrolam de modo conjunto, assim como eu disse quando de minha vinda anterior.

Questão: há uma ligação entre o supramental e o Nirvana?

O Nirvana corresponde ao que acontece quando a Consciência se exporta e toca certas zonas específicas, essas zonas estando em conexão com o que é chamado a Morada da Paz Suprema, ainda chamada Shantinilaya.

Acessar Shantinilaya permite conectar em você, permanecendo na Alegria situada justo abaixo da etapa da liberação.

Entretanto, o Nirvana participa da Alegria.
O supramental é, ao mesmo tempo, o elemento desencadeador e um dos elementos do Nirvana.

Questão: qual é o papel do corpo causal no acesso ao supramental?

Irmão, o acesso ao supramental assinala a destruição, pelo Fogo, do corpo causal.
Nesse momento, você não está mais submisso às limitações habituais da ação/reação.

O acesso ao supramental corresponde, grosso modo, a duas etapas iniciáticas essenciais: a primeira, chamada a transfiguração; a segunda, a Ressurreição.

O corpo causal é, quanto a ele, destruído, de maneira definitiva.

A partir do momento em que você acessa a Ressurreição, a partir do momento em que o Fogo do supramental, o Fogo do Amor, vem despertar totalmente o chacra Anahata, o chacra do Coração, nesse momento, você vive a purificação final, aquela que descasca a obrigação de reencarnação.

Você tem, por você mesmo, dissolvido o que denominei as franjas de interferência, não da Terra, mas situadas a seu nível.
As franjas de interferência são constituídas, na maior parte, de forças de atração e de contração ligadas ao que você chama corpo astral, corpo mental e corpo causal.
É o conjunto dessas estruturas, pertencentes a sua estrutura, mas criadas por aqueles que falsificaram a Luz, que reverteram e inverteram.

A Ressurreição ocorre depois da crucificação, sobre um plano simbólico.
A crucificação é representada pela morte prévia da personalidade.
Esta se torna, de maneira mais justa, integrada no corpo espiritual chamado Existência.
Nesse momento, a Ressurreição se instala de maneira sincrônica na crucificação.

A transfiguração poderia ser chamada o período em que você reencontra a Luz de maneira exterior mas em que ela não está estabelecida em seu Interior.

A crucificação e a Ressurreição correspondem ao final da Revelação que é passagem da Consciência separada à Consciência Unificada, isso não podendo se realizar senão quando da destruição/crucificação da personalidade e desse corpo, para que ele acesse a Existência, chamada, assim como o Anjo que guiou minhas palavras e meus escritos pediu, corpo de Ressurreição, corpo imortal ou corpo sem costura.

Os outros corpos, mesmo sutis, são, obviamente, costurados, eis que os fecham, enquanto que o corpo espiritual, e o corpo Divino, ou corpo de Existência, os abrem e devolvem-lhes a liberdade.

Questão: aqueles que acessam a Unidade de Consciência estão no supramental?

Eles podem estar no supramental, como estar em dimensões além.
O supramental desempenha o papel de elemento de liberação, de elemento de Revelação em sua dualidade.

A irrupção, em sua densidade, da totalidade do supramental, permite dissolver literalmente as cadeias, as franjas de interferência e dissolver a ilusão.

O supramental está ligado a uma qualidade vibratória, em relação com o Fogo, o Amor e a Fonte, irradiadas, da mesma maneira, pelo Arcanjo Metatron e por certos Sóis vivendo uma transformação de Luz.

Questão: o acesso ao supramental corresponde a uma abertura total do coração?

Sim, é isso que confere a capacidade de Samhadi, de Alegria interior e de felicidade, chamada, de maneira mais justa, a Presença.

Questão: por que foram necessários 2.000 anos para chegar a este acesso ao supramental?

Não foram necessários 2.000 anos, caro irmão, foi necessário um tempo incomensuravelmente mais longo.
O nível de densidade atingido por esta Dimensão dissociada da Fonte e da Luz é tal que foi necessário proceder a um abaixamento vibratório.

Foi necessário, de início, que a Terra fosse ressacralizada pela crucificação e a Ressurreição de Cristo.
Foi preciso, em seguida, atingir o momento oportuno.
O momento oportuno, sobre o plano do Cosmos, corresponde ao que acontece fora de seu sistema solar, eis que o conjunto desse sistema solar se desloca, ele também, segundo um relógio preciso, apesar dos constrangimentos impressos em seu sistema solar.

Foi preciso colocar em sincronicidade um certo número de Fontes de Luz a fim de focalizar, de maneira a mais natural possível, a reunião dessas diferentes irradiações em direção do Sistema Solar, e isso é agora, e não foi possível anteriormente.

Os preparativos do momento que vocês vivem duraram muito tempo na escala do tempo.
Eles devem vir, esses processos de Luz, além do centro galáctico, de um certo número de modificações dos Sistemas Solares periféricos, em relação a vocês, mas mais próximos da Fonte, ou em todo caso, no alinhamento da Fonte, que esses Sóis aceitem modificar sua irradiação própria, a fim de difundir, quando do alinhamento galáctico, um fluxo específico de partículas para vocês.

Esta preparação era afluente de circunstâncias que qualificaria de ótimas que são realizadas agora.
Não teria sido possível de outro modo modificar e retificar a curvatura de seu espaço/tempo.

Questão: tudo isso era previsto, desde a partida da experimentação da 3ª dimensão dissociada ou tudo isso foi instalado de maneira «imprevista»?

Tudo, no nível do relógio do Céu, foi planificado e programado.
Cada data de início de ciclo e de final de ciclo é conhecida da Fonte como daqueles que se isolaram.

Entretanto, nenhum dentre eles podia conhecer, nem perceber, as modificações ocorridas atualmente em algumas estrelas.

Os Mestres desse tempo não têm a capacidade de acessar (obviamente, eis que estão eles mesmos cortados) informações concernentes a dimensões mais elevadas e modificações dessas dimensões mais elevadas, orientadas para a remodificação e a volta à conformidade da curvatura de seu espaço/tempo.
Entretanto, isso estava escrito e descrito em numerosos mitos e em numerosas histórias correspondentes à mitologia astrológica caldênia.
Vocês estão nesses momentos.

Questão: qual é o melhor meio de acessar o supramental?

Existem numerosos yogas que descreveram e praticaram, permitindo aproximarem-se do supramental.
Eu dei um ensinamento sob forma de «yoga integral».

Os imortais, eles mesmos, entregaram os sidhas yogas.

Existem, mais perto de vocês, outros ensinamentos ligados à domesticação do mental chamados Sahajmarg yoga.

Outras formas existem em seu mundo ocidental: a contemplação, a reclusão (em seu sentido o mais nobre e não no sentido de fechamento).

Hoje, as coisas são mais claras e mais fáceis.
Esta Vibração está o mais próximo de vocês.
Ela continuará a se aproximar, cada dia, cada semana, de seu tempo.

Compete-lhes acolher e se prepararem ao acolhimento, em seu Templo Interior, da Vibração da Luz.
O Coração deve estar, para isso, liberado de paixões habituais do gênero humano, de impulsos habituais da Humanidade.

A via a mais simples, hoje, poderia ser chamada a via do yoga da criança interior.
Ouvir seu coração libera impulsos, libera das fixações.
Ouvir seu Coração, ouvir e favorecer a Vibração, permite-lhe se colocar em estado de aceitação do supramental.

Alguns seres têm necessidade de modificar algumas atitudes ou algumas atividades.
Outros não.

Hoje, diante do afluxo da Luz em sua dimensão, basta ajustar-se e seguir as linhas de menor resistência, aquelas que os levam a duas virtudes cardeais: a humildade e a simplicidade.

Não é tempo de apego, é tempo de desapego, de voltar a ser criança.

O corpo de ensinamento que lhes deu o Arcanjo Anael sobre o princípio do abandono à Luz é mais que nunca válido.

A meditação que foi revelada pelo Mestre Ram («meditação sobre o coração», colocada na rubrica «protocolos», de acordo com as hierarquias ensinadas da Ordem da Lyra, tornou possível, para vocês, ativar, de maneira muito simples, a Vibração do Coração, tomando apoio sobre o supramental.

Trata-se, como vocês vêem, de coisas muito simples, hoje.
Vocês não têm que se preocupar de outra coisa além disso.
Não existe, a título individual, como a título coletivo, qualquer obstáculo de tamanho suficiente para bloquear a recepção da Luz, quer isso seja a nível vibratório, pessoal ou coletivo, quer isso seja a nível da sociedade, quer isso seja a nível mesmo de suas feridas passadas, não há nada, absolutamente nada, que possa, hoje, opor-se a que você redescubra esta Luz e esta liberdade.

As razões que vocês poderiam encontrar em vocês são apenas pretextos.

Progressivamente e à medida do passar dos dias, não podem existir bloqueios à recepção da Luz, outros que aqueles ligados a seus próprios medos, de perder a personalidade que os anima.

Cultivem a humildade, cultivem a simplicidade e façam da Alegria seu motor diário, quaisquer que sejam suas ocupações, quaisquer que sejam suas preocupações desejadas pela dualidade, elas não podem, em nenhum caso, ser um obstáculo ao estabelecimento de sua dimensão eterna.

Isso participa também de suas crenças e não de uma Verdade.
Isso está simplesmente ligado a seu ponto de vista limitado e que os limita.

Questão: no protocolo da superação da dualidade é a energia do supramental que intervém?

Ela permite a preparação à recepção.
O mesmo como na meditação de Mestre Ram sobre o Coração, ativando em você os pontos de Vibração permitindo a preparação ao supramental.

Entretanto, lembre que apenas você, e você só, que pode dar o último passo.
Isso necessita um ato corajoso de abandono e de confiança na Inteligência da Luz, e em seu papel, eu diria, Redentor, em seu papel iluminador.
Reencontrar sua matriz passa pelo abandono ou doação de si.
A doação de si à Luz, ao Supramental, é a única etapa que não podemos realizar em seu lugar e que o supramental não pode realizar em seu lugar.

Tudo foi feito pelas radiações cósmicas e pela Presença daqueles que os rodeiam com benevolência para que isso seja o mais fácil possível.
Mas, em conclusão, o ato final lhes retorna.
Nós não podemos fazê-lo em seu lugar.
Trata-se certamente da última luta, entre você e você mesmo, para a supremacia de sua soberania ou para a supremacia de sua personalidade.
Esse combate não é um combate intelectual.
Ele aliás não é um combate, mas, sim, bem mais um face a face, de um e outro, devendo desembocar sobre um abandono que é a rendição, sem condições, da personalidade.

O momento em que vocês derem o passo pode ser deixado apreender pelos episódios de fulgurância da Luz, correspondendo a uma transfiguração se revelando, e podendo se repetir, e conduzindo à Ressurreição.

Hoje, isso é ainda mais fácil que ontem, porque o supramental está mais próximo, porque, por decisão dos Lipikas Karmiques e por decisão do Conclave, devido ao fato da resposta Vibratória do conjunto da Terra e de seus habitantes, o Arcanjo Uriel pode manifestar sua Radiância do que chamamos a Presença.
Então, hoje, tudo está no lugar para facilitar-lhes esta etapa.
E, em definitivo, ela lhes pertence.
Nada pode roubar-lhes o que lhes pertence, somente o medo pode afastá-los de maneira temporária.
O medo seria como a ausência de fé, a ausência de adesão total à Luz, porque, se você adere totalmente à Luz, o medo se dissolve e a Revelação se faz, e a Ressurreição se faz ao mesmo tempo, em um instante.

Questão: o que se torna o tempo quando acessamos o supramental?

Fazer a experiência além do tempo, penetrar a Existência e viajar, poderá demonstrar-lhe a futilidade do tempo.
Entretanto, nesta Dimensão que percorri, somos submetidos ao tempo.

O tempo não está ligado senão à curvatura do espaço.
O tempo aparece quando o espaço se fecha novamente sobre ele mesmo.
O tempo é a consequência do isolamento da Fonte.

Além desse tempo existe um outro tempo que não está separado do espaço.
Existe um tempo em que os três tempos se conjugam, passado, presente e futuro, ao mesmo tempo.

Além deste espaço/tempo, o tempo perde sua linealidade.
Retificando o espaço, o tempo se torna curvo.
Isso é difícil para explicar com palavras, ou mesmo com equações.
Mas a apreensão do tempo está diretamente ligada às condições desta Dimensão.

Além de sua Dimensão em que vocês estão, o tempo não é uma medida, no sentido temporal, eis que o tempo se confunde com o espaço.
O deslocamento do tempo corresponde a um deslocamento de espaço, enquanto que nesta dimensão em que vocês estão o tempo se desloca sem que o espaço se desloque.
Há uma relação direta entre a matriz eletromagnética e o tempo.

Questão: é possível acessar a um eterno presente?

Sim, saindo do tempo.

Questão: isso se encontra na dimensão do supramental?

Sim, totalmente.

Não temos mais perguntas, nós agradecemos.

Irmãos e irmãs humanos encarnados, vamos, como precedentemente, e de maneira, em seu tempo, um pouco mais longa, viver, fazê-los aproximar da Presença e do Fogo do Amor.
Eu lhes apresento, agora e já, minhas bênçãos e minhas saudações e, se quiserem, acolhamos juntos, agora, a Presença.

... Efusão de energia...

____________________________
Compartilhamos essas informações em toda transparência. Agradecemos de fazer o mesmo, se a divulgarem, reproduzindo integralmente o texto e citando a fonte: www.autresdimensions.com.

Versão do francês: Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com

Um comentário:

  1. O acesso ao supramental assinala a destruição, pelo Fogo, do corpo causal. Nesse momento, você não está mais submisso às limitações habituais da ação/reação.

    A crucificação é representada pela morte prévia da personalidade. Esta se torna, de maneira mais justa, integrada no corpo espiritual chamado Existência.

    O ato final lhes retorna. Nós não podemos fazê-lo em seu lugar. Trata-se certamente da última luta, entre você e você mesmo, para a supremacia de sua soberania ou para a supremacia de sua personalidade.

    Esse combate não é um combate intelectual. Ele aliás não é um combate, mas, sim, bem mais um face a face, de um e outro, devendo desembocar sobre um abandono que é a rendição, sem condições, da personalidade.

    Questão: é possível acessar a um eterno presente? Sim, saindo do tempo.

    ResponderExcluir