Seguidores

SE VOCÊ COMPARTILHAR ALGUMA MENSAGEM DESTE BLOG, FAVOR REPRODUZI-LA EM SUA INTEGRALIDADE, CITANDO A FONTE OU INDICANDO O LINK DA MESMA.

30 de out de 2013

PHILIPPE DE LYON – 30 de outubro de 2013 – 21h


Trechos para todos.

Eis novas informações coletivas transmitidas pelo Mestre Philippe de Lyon, quando da reunião de 30 de outubro.

Por respeito à confidencialidade dos participantes, tudo o que concerne às intervenções individuais foi, naturalmente, retirado desses trechos.

Eu sou o Mestre Philippe de Lyon.
Estou radiante de acolhê-los em meu espaço, e radiante por seu acolhimento em seu espaço.

Esta noite, estarão presentes comigo Maria, assim como o conjunto de Estrelas.
Quando interviermos em cada um de vocês, o que faremos estará em ressonância com a humanidade.

Eu lhes agradeço, portanto, por sua participação nesse círculo, e eu os convido a começar em um instante de comunhão com o conjunto de Presenças que nós somos.

[Comunhão]

Há muito tempo, em seu tempo, vocês decidiram afastar-se de seu Corpo de Existência, de sua Eternidade.
Isso deve parar, vocês sabem.
Neste período, especificamente, nós os convidamos a fundir seus diferentes corpos, inscrevendo sua Eternidade nessa humanidade.

O homem não é, em caso algum, uma criatura destinada à fragilidade.
Em caso algum ele é destinado à precariedade na qual vocês se inscreveram.
O homem possui, em si, o conjunto da Criação.
É esse aspecto de si mesmo, o Homem Divino, que se inscreve em cada um de vocês quando seus corpos fundem-se.

[…]

Para fundir seus diferentes Corpos, é desejável suprimir as tensões no interior do corpo físico.
[…]

Ofereça ao Fogo de seu Coração o conjunto de seu passado, o conjunto de cristalizações.
Isso será, sem dúvida, desenvolvido por Osho, quando de sua intervenção no fim de semana.
Assim, vou ficar aí, no que concerne à informação relativa ao Fogo.
Eu posso, simplesmente, acrescentar que o Fogo é o Elemento determinante para reencontrar seu Corpo de Luz.
A Luz é o Fogo.

[…]

Reencontrar a Mãe Divina é reencontrar o casulo a partir do qual vocês emergem no Amor.

[…]

Juntar-se à sua Eternidade é colocar a Ilusão na lareira do Fogo.
Então, a Visão do Coração instala-se.

[…]

Os elementos do passado nada têm a aportar-lhes nesse mundo, se não é vir nutrir o Fogo em seu Coração.
Não tenham temor algum de ser consumido: o Fogo da Terra consome, o Fogo do Céu cria.

[…]

A Onda de Vida que vem ressoar, arder, em todos os espaços de seu corpo, chama o retorno de seu Corpo de Existência.

[…]

No «espaço fora de qualquer espaço», a comunhão torna-se fusão: é aí que Maria recebe-os.

[…]

Esse reencontro com o Corpo de Existência e o corpo físico é Alegria, é prazer, mas pode ser, igualmente, algo pouco doloroso, se resistências apresentam-se.
Mas o que dominará, de qualquer modo, é a Alegria, o êxtase.
Isso havia sido desenvolvido há muito tempo por Ma Ananda Moyi, falando de um instante em que não se sabe mais se o que se vive é sofrimento ou prazer.

[…]

Quando os Elementos tiverem encontrado o exato lugar no Coração, no coração do Coração, no corpo, então, o corpo físico e o Corpo de Existência unem-se, por sua vez.

[…]

A Repulsão é, para a Atração, o que Cristo é para a Visão.
O Estado Crístico é estar ao mais próximo da Fonte, é emanar o Mais Alto dos Céus.
Aí, a Visão pode apenas ser Amor.
Tudo é reconhecido além dos sentidos.
Naquele momento, intervém a frase: «Eu sou o Alfa e o Ômega», essa verdade que se revela em cada célula do corpo.

[…]

O Corpo de Existência possui a particularidade de poder reimprimir, reiniciar cada uma das células de seu corpo físico.
Esse é o segredo da longevidade ou da boa saúde.
Mesmo se o Corpo de Existência não esteja, ainda, instalado permanentemente, para a maior parte de vocês, vocês têm a possibilidade de chamá-lo, de fundir seus corpos com ele, permitindo, assim, aliviar seu corpo físico e prepará-lo para reencontrar seu Corpo de Eternidade.

[…]

Maria e o conjunto de Estrelas vêm, novamente, depositar seu Manto sobre os ombros de vocês.
Elas se retiram.

[…]

Eu os convido a portar uma atenção específica à relação que vocês têm com seu Corpo de Existência, à relação que vocês têm com seu Corpo de Existência, à relação que têm com o Fogo, tal como Osho voltará a falar em breve.

Eu lhes digo até muito em breve.
----------------------
Transmitido por Ar.

3 comentários:

  1. Há muito tempo, em seu tempo, vocês decidiram afastar-se de seu Corpo de Existência, de sua Eternidade. Isso deve parar, vocês sabem.

    O homem não é, em caso algum, uma criatura destinada à fragilidade. Em caso algum ele é destinado à precariedade na qual vocês se inscreveram.

    Ofereça ao Fogo de seu Coração o conjunto de seu passado, o conjunto de cristalizações.

    ResponderExcluir
  2. "Há muito tempo de seu tempo, vocês decidiram afastar-se de seu Corpo de Existência, de sua Eternidade.
    "Nesse período, especificamente, nós os convidamos a fundir seus diferentes corpos, inscrevendo sua Eternidade nessa humanidade.

    "Quando os Elementos tiverem encontrado o exato lugar no Coração, no coração do Coração, no corpo, então, o corpo físico e o Corpo de Existência Unem-se, por sua vez.

    "O homem possui, em si, o conjunto da Criação.
    É esse aspecto de si mesmo, o Homem Divino, que se inscreve em cada um de vocês quando seus corpos Fundem-se.
    "Esse Reencontro com o Corpo de Existência e o corpo físico é Alegria.

    "O Estado Crístico é estar ao mais próximo da Fonte, é emanar o Mais Alto dos Céus.
    Aí, a Visão pode apenas ser Amor. Tudo é reconhecido além dos sentidos.
    Naquele momento, intervém a frase: "Eu Sou o Alfa e o Ômega", essa Verdade que se Revela em cada célula do corpo.

    "Quando interviermos em cada um de vocês, o que faremos estará em ressonância com a humanidade."

    ResponderExcluir
  3. Muito lindo, tudo o que foi dito... Animador... Ressaltando:

    - "O Corpo de Existência possui a particularidade de poder reimprimir, reiniciar cada uma das células de seu corpo físico. Esse é o segredo da longevidade ou da boa saúde."

    ​-Maria e o conjunto de Estrelas vêm, novamente, depositar seu Manto sobre os ombros de vocês.​"

    Amém!

    ResponderExcluir