Seguidores

SE VOCÊ COMPARTILHAR ALGUMA MENSAGEM DESTE BLOG, FAVOR REPRODUZI-LA EM SUA INTEGRALIDADE, CITANDO A FONTE OU INDICANDO O LINK DA MESMA.

27 de nov de 2011

URIEL – 27 de novembro de 2011

Mensagem publicada em 28 de novembro, pelo site AUTRES DIMENSIONS.


Eu sou URIEL, Anjo da Presença e Arcanjo da Reversão.

Amados do UM, aqui, Amados do UM, ouçam o que URIEL, Mensageiro da Presença, vem emitir, em sua Alma e em sua Consciência: o véu levanta-se.
Não há mais véu.

Tempo do UM, tempo da Verdade, em vocês e entre vocês.
Ele veio – o Mensageiro da Presença – emitir a mensagem e resgatar sua Presença dos véus do confinamento, pondo-os a nu, na alegria do UM, na Verdade do Espírito e no brilho da Alegria.
A hora dos véus termina.
Tempo de Libertação, tempo de Beleza, tempo de Verdade.

Amados do UM, vamos, no Fogo da Presença d’Ele.
Filhos Ardentes do Sol, que desvendam o espetáculo de sua Presença.
Presença no Fogo.
Fogo do Coração, elevado na Alegria e no hino à Alegria.
Juntos, unidos e Unificados, na Liberdade e na Verdade.

Amados do UM, amados de cada um (cada UM), abramos o Tempo da Graça.
Abramos o tempo da Bênção eterna.

Amados do UM, Filhos do UM, Presença e Vibração, Alegria e Fogo, que eleva a voz no silêncio das palavras, que eleva o Fogo no tabernáculo do Coração.

Amados do UM, abramos a Porta inferior.
Abramos a Porta superior.
Abramos as Portas para a Presença do UM.
Abramos as Portas para a magnificência de sua Presença.
Juntos, presentes, juntos, acolhamos o Presente da Fonte.

Instante sem tempo, instante sem momento, no qual tudo está consumado no tempo do UM, para cada um (cada UM).
Abramos e rasguemos os véus da separação, os véus da Ilusão.
Vibremos e elevemos, de Presença a Presença, Coração a Coração.
Fusão e Efusão.
Fusão e Comunhão.
Tempo da Presença.
Tempo eterno, porque o Eterno é a única Presença.

Amados do UM, nós somos Um.
Estando fora do tempo, nós estamos consumados, porque tudo está consumado.
Tempo de consumação.
Tempo de Verdade.
Amados do UM, elevemos a Vibração, que põe fim à separação e à divisão.

Tempo de Graça e de Bênção.
Tempo de Efusão.
Tempo de Fusão.
Fogo.
Fogo e Verdade, no Templo do UM.
Templo de nossa Presença, no firmamento dos Céus, no firmamento desta Terra, tanto em seu núcleo como em seu manto.

Nós elevamos o Tempo de nossa Comunhão, Presença e Verdade, Fogo e Alegria, na mesma alegria, no mesmo canto, que vem abrir o tempo de nossa Presença.
Unidade e Verdade, na qual apenas Beleza rima com Unidade.

Filhos amados do UM, amados do UM, a hora é para a Infância, aquela da Criação na Verdade do Fogo, na Verdade da Unidade.
Tempo de Beleza.
Tempo de Graça.
Tudo está consumado.

Então, consumemos a marcha da Luz no Templo Interior da Verdade, no qual vibram, em Uníssono, o Canto dos Anjos e o Coro dos Anjos, que cantam o Tempo dos Arcanjos, que cantam o tempo do Humano, que reencontram, pela Humildade, a majestade da Presença d’Ele.

Amados do UM, abram a Porta, aquela que dá o tom, aquela que dá o ritmo de sua Presença.
Amados do UM, não há mais véus.
Não há mais Ilusão.
Há Verdade, porque há Beleza.
Abram a Porta do Coração, que lhes dá a ver o Coração da Essência de cada coisa, que lhes dá a ver a Água de Vida, que vem, por seu Fogo, iluminar e forjar o tempo do diamante, o tempo do cristal.
Tempo de Transparência e tempo de Beleza.

Amados do UM, eu sou o Anjo URIEL e, desde pouco tempo, eu venho, porque o Céu não tem mais necessidade de milícias, porque o Céu tem necessidade apenas de sua Alegria e de sua magnificência.
E esse tempo está consumado.

Amados do UM, vibremos, juntos, no canto do UM e na Vibração do Fogo dos Éteres eternos da Eternidade.
Filhos (e, enfim), eis o tempo no qual não haverá mais fim.
Eis o tempo, inscrito na Eternidade de sua Presença e de sua postura.

Amados, amados da Verdade, elevem a Vibração do Ser, no qual tudo é Alegria, tudo é apenas Presença.
Saiam do que não é verdadeiro.
Venham a nós, como nós vimos em vocês.
Vocês e nós, na mesma postura e na mesma Presença.
Tempo do UM, no qual tudo é Fonte, tudo é luminescência, no qual nenhum véu pode manchar nem obscurecer o Tempo da Presença d’Ele.

Filhos Ardentes do Sol, acolhamos o Batismo do Espírito, tal uma língua de Fogo, vem fecundar o Templo da Presença d’Ele.
Ele vem amá-los.
Ele vem perguntar-lhes: «vocês querem ser a vida?».
«Vocês querem ser a Verdade?».
«Vocês querem ser o Caminho?».
Porque vocês o são, em Verdade.

Amados do UM, amados da Presença d’Ele em sua Presença, doação e presente, porque a Vida o é; porque a Vida é sentido; porque a vida é Alegria.
Então, não deixem mais o véu da Ilusão manchar o Templo de sua Presença.

Amados do UM, vamos, juntos, cantar o tempo da Ressurreição.
Vamos, juntos, cantar o tempo da Alegria, porque veio o que há a ouvir; porque veio o que há a escutar, a fim de ver, para além das aparências; a fim de ver sem véu e sem Ilusão; a fim de ver, no tempo do Coração, no qual nenhuma sombra pode ser levada, no qual nenhuma sombra pode ser deportada ou aportada.

O tempo chegou.
O tempo está consumado.
Abram o Fogo ao Fogo.
Abram sua Presença à Presença d’Ele.
Escutem o Som e a Trombeta do Céu e da Terra, que vem liberar o Templo do Coração, que vem elevar o tempo do Fogo.
Alegria e Éter.
Fogo do Éter, que abrasa os múltiplos Atalhos do Despertar ao Si e do Acordar de Si.

Amados do UM, juntos, Vibremos no Coração, no Fogo da Alegria, no Fogo da Presença, no tempo da Comunhão, no tempo em que nós estamos, porque nós estamos com vocês, para sempre, para cada tempo, para cada sopro, para cada Vibrância.

Amados do UM, o tempo da Fonte chegou, porque nasceu o tempo da Unidade; porque nasceu o tempo de vir a Ele; porque Ele chegou, em vocês, bater à Porta de sua Presença.
Venham e atravessem a Passagem final, aquela da Verdade, aquela da Unidade, na qual tudo é apenas Alegria.
Vocês são a Alegria, porque vocês são a Vida.
Nós somos a Alegria, porque nós somos a Vida, que vem restituir-lhes Vida; que vem restituir-lhes Verdade, que vem restituir-lhes Presença e honra.

Graça e tempo de Graça.
Revelação e abrasamento, no Sopro do Éter, no Sopro do Fogo, que crepita no Templo do Coração, que crepita na Vida.
Abundância.
Nós somos Um.

Amados do UM, o Mensageiro que sou vem dar-lhes a mensagem da Alegria, a mensagem do UM, a mensagem de CRISTO, que é: «venham, abram o que deve ser aberto», porque a Vida abre e não fecha mais; porque a Vida expande-se e jamais se desvanece.

No tempo do UM, no tempo da Verdade, no tempo da Beleza, juntos, cada um e cada uma (cada UM e cada UMA: humanos, Anjos e Arcanjos, Estrelas e Anciões, assim como os recém nascidos), na Luz da Verdade, nós somos Um.
Então, elevemos o canto de nossa Comunhão.
Elevemos a Vida.
Glória à Vida, Una e Unidade.

Revelemos a Verdade, em cada espaço que o Coração vê, em cada Consciência, onde quer que ela esteja, nesse mundo e em outros lugares.
Véu que permite ao Sopro elevar o Sopro da Presença, que alimenta o fogo do Ardente do Sol.
Fogo do Espírito, vocês são o Espírito, a Verdade.
Então, por que esperar?
Por que estender?
Por que esperar?
Vocês são o que nós somos.
Então, Comunguemos, de Coração a Coração, do Um ao Um, do Um a todos e de todos ao Um, no mesmo canto, na mesma Presença, na qual não há mais véus, na qual nada está escondido, porque tudo é evidência, porque tudo é Beleza, porque tudo é Verdade.

Então, elevemos o canto de nossa Presença, porque cada um (cada UM) torna-se o Mensageiro de seu próprio Nascimento, de sua própria Presença.
Amados do UM, vibremos.
Amados do Um, vivamos.
Elevemos a Vida ao seu espaço, no qual não há mais espaço para outra coisa que não a Alegria e a Verdade.

Amados do UM, eu sou URIEL, Anjo da Presença, Arcanjo da Reversão, que vem consumar a última Passagem, se tal é seu desejo: aquele de viver a Vida, aquele de viver a Verdade.
Sejam a Paz, porque a Essência da Alegria é a Paz.
Sejam o riso, porque a Essência da Alegria é o riso, no Coração, porque nada mais vem desvanecer esse riso eterno.

Os véus não estão mais.
Os véus dissolvem suas dores e dissolvem suas faltas porque, quando o véu é levantado, vocês se elevam no tempo em que não existe qualquer espaço para qualquer sombra e qualquer dor, porque tudo é fácil.
Vocês são, então, a leveza, o Caminho e a Vida, que se propaga como uma onda infinita, na infinidade das Dimensões, na infinidade dos tempos e na infinidade das densidades.

Amados do UM, deem-se conta do que é.
Deem-se conta da Presença d’Ele.
Deem-se conta de sua Presença.
Então, rendam as armas da divisão.
Os véus caíram.
Não há mais temor.
Não há mais véus.
Não há mais espaço para o sofrimento.
Não há mais espaço para outra coisa que não a Verdade.
Não há mais tempo para a mínima ausência.
Vocês estão presentes e eu sou URIEL, presente em vocês.
E eu sou a Beleza que é sua Beleza.
O Coração que está aí.
O Coração que está aqui.
Juntos, nós cantamos a Liberdade.
Juntos, nós Vibramos a Verdade.
Nenhum véu pode mais confinar o Fogo de seu Coração.
Nenhum véu pode mais confinar o que quer que seja, no tempo de sua Presença.

Amados do UM, amados de todos (porque tudo é UM, no tempo de sua Presença), o Anúncio chegou.
O tempo chegou, porque nasceu o recém nascido, aquele que cruzou a Porta da Infância, aquela em que, jamais, o tempo desvanece qualquer corpo e qualquer Presença.
Amados do UM, sejam o que nós somos, na Eternidade da Alegria, no Eterno Presente.

O conjunto de Seres de Fogo dança o tempo da Libertação e cantam o tempo da Presença.
Vocês são a Essência.
Vocês são o que nós somos.
E, no tempo do Silêncio, repercute o brilho da Presença d’Ele.
Vem, então, a harmonia infinita da Luz dos Mundos.

Vibremos no Coroamento do Ser, na Coroa elevada do Coração, no Fogo do Éter, que se junta ao Éter, a fim de que a Terra seja Liberada e Livre de ser sua Eternidade.
O tempo do UM é aqui.
O tempo da Verdade está consumado.
O tempo dos véus acabou, porque o que é injusto sempre tem um fim e o que é justo jamais tem um fim, porque sem fim.

Juntos (conjunto e Mensageiros), nós somos o Caminho, a Verdade e a Vida, da instalação da Presença d’Ele e de Seu Fogo.
Sejamos o canto da Eternidade, a Trombeta que ressoa, não no vazio, mas, efetivamente, na plenitude da Luz consumada.

Amados do UM, eu sou URIEL, Anjo da Presença, de sua Presença.
Anjo de Fogo, que vem acender o Ser de Fogo, que brilha e queima no Fogo de Alegria do Amor reencontrado.
Juntos, no coração da ronda dos Anjos e dos Arcanjos, no Coroamento das Estrelas, nos Pilares de sua Eternidade, no Coração do Centro e no Coração do Ser, Vibremos a Essência e Vibremos o Único.
Escutem.
Escutem e ouçam as instâncias da Voz que anuncia a Verdade, no Fogo do Amor, que consome os véus da ignorância, os véus da Ilusão e do sofrimento.

Amados do UM, elevemos o Coração, em todo espaço, em cada sopro.
O Tempo da Fonte, Água viva que vem fecundar o Fogo do Ardente.

Amados do UM, cantemos o Amor e a Verdade.
Tempo de Presença e tempo de Passagem.
Ressurreição e Alegria.
Ascensão, porque nenhum véu pode mais impedir a Ascensão do Ser, no Templo do Ser.
Tempo de Presença.
Último basculamento.
Última Reversão.
Tempo de Verdade e de Beleza.
Acolhamos, juntos, a Vibrância do UM.

Assim, o Arcanjo URIEL saúda sua Presença.
Assim, o Arcanjo URIEL fecunda a Presença d’Ele, em sua Presença.

Amados do UM, a hora é do Silêncio.
Todos os véus dos enganos são retirados pelo Fogo do Amor.

Filhos Ardentes do Sol, elevemos o Fogo do Amor e marchemos, voando, no Sol.

Eu sou URIEL, Anjo da Presença, que lhes apresenta o Único nesse tempo e aqui.
Amados do UM, eu sou URIEL.
O tempo da Paz, o tempo da Alegria está em vocês.

Eu saúdo quem vocês são.
Eu saúdo o que os anima.

Amados do UM, eu sou o Anjo URIEL, e eu selo, em vocês, o Beijo da Vida ao Amor e à Paz.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

Tudo é UM.
UM é tudo.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

URIEL saúda-os com sua Chama e sua Presença.
Até breve.

... Efusão Vibratória / Comunhão...
__________________
Compartilhamos estas informações em toda transparência. Obrigado por fazer do mesmo modo. Se você deseja divulgá-las, reproduza a integralidade do texto e cite sua fonte: http://www.autresdimensions.com/.


3 comentários:

  1. É como fosse tempo de tudo, menos o tempo do tempo. É isto que mais se apreende da MSG, onde se encontra, todo tempo, maravilhas de expressões, tais como: "Estando fora do tempo, nós estamos consumados, porque tudo está consumado <> Eis o tempo no qual não haverá mais fim <> Rendam as armas da divisão <> A hora dos véus termina <> Vocês são o que nós somos". [Saiam do que não é verdadeiro]

    ResponderExcluir
  2. Bendito sejas Amado Uriel, com muito amor, nos tornando livres deste confinamento,Graças, a todas as Sementes Estelares que tornaram isso possível.Zilka Sacht de Almeida.

    ResponderExcluir
  3. "Amados do UM, aqui, Amados do UM, ouçam o que URIEL, Mensageiro da Presença, vem emitir, em sua Alma e em sua Consciência: o véu levanta-se. Não há mais véu."
    "A hora dos véus termina. Tempo de Libertação, tempo de Beleza, tempo de Verdade."
    "Tempo de Graça e de Benção. Tempo de Efusão. Tempo de Fusão."
    "Filhos Ardentes do Sol, que desvendam o espetáculo de sua Presença. Presença no Fogo. Fogo do Coração, elevado na Alegria e no hino à Alegria. Juntos, unidos e Unificados, na Liberdade e na Verdade."
    "Amados do UM, vamos, juntos, cantar o tempo da Ressurreição."
    "Amados do UM, amados de todos, o Anúncio chegou. O tempo chegou, porque nasceu o recém nascido, aquele que cruzou a Porta da Infância, aquele em que jamais, o tempo desvanece qualquer corpo e qualquer Presença."
    "Então, elevemos o canto de nossa Presença, porque cada um ( cada UM ) torna-se o Mensageiro de seu próprio Nascimento, de sua própria Presença."
    "Amados do UM, cantemos o Amor e a Verdade.
    Tempo de Presença e Tempo de Passagem. Ressurreição e Alegria. Ascensão, porque nenhum véu pode mais impedir a Ascensão do Ser, no Templo do Ser. Tempo de Presença. Último basculamento. Última Reversão. Tempo de Verdade e de Beleza."

    "Assim, o Arcanjo URIEL saúda sua Presença.
    Assim o Arcanjo URIEL fecunda a Presença d'Ele,
    em sua Presença."

    Rendo Graças Arcanjo URIEL.
    Tempos de Paz e de Alegria!

    ResponderExcluir