Seguidores

SE VOCÊ COMPARTILHAR ALGUMA MENSAGEM DESTE BLOG, FAVOR REPRODUZI-LA EM SUA INTEGRALIDADE, CITANDO A FONTE OU INDICANDO O LINK DA MESMA.

8 de jul de 2011

GABRIEL - 8 de julho de 2011

Mensagem publicada em 9 de julho, pelo site AUTRES DIMENSIONS.


NDR: aqueles que nos acompanham de outros planos Dimensionais transmitem-nos, de 4 a 11 de julho, informações sobre o desenvolvimento do Cubo Metatrônico, através dos Doze Atalhos.
Essas correspondências de pontos do corpo, em ressonância com a revelação da Luz e as Doze Estrelas fazem o objeto de quase a integralidade das canalizações desse período.
Foi-nos solicitado divulgar a integralidade dos protocolos de aplicação prática que ali estão associados após a intervenção de METATRON, em 11 de julho próximo.
Vocês os encontrarão, então (em 12 ou 13 de julho), na rubrica "protocolos / reconstrução do Corpo de Ressurreição" do site.
 Daqui até lá, nós lhes agradecemos de não nos solicitar esses processos, porque nós os descobriremos ao mesmo tempo que vocês, e respeitamos o que foi pedido, ou seja, a divulgação global dos protocolos após a intervenção de METATRON.
_____________________________________________________


Áudio da Mensagem em Francês

Link para download: clique aqui



Eu sou Gabriel, Arcanjo.
Irmãos e Irmãs em Cristo, assim podemos dizê-lo, nós também, Arcanjos.

Bem amados Filhos da Luz e da Lei de Um, o Conclave Arcangélico delegou-me, junto a vocês, a fim de exprimir certo número de elementos que vêm completar, de algum modo, esse desenvolvimento lateral posterior da Luz Vibral, no que são chamadas as Portas e o Atalho compreendido entre essas Portas: ATRAÇÃO e NUNC.

ATRAÇÃO foi-lhes desenvolvida de diferentes modos.
ATRAÇÃO corresponde a esse lado específico, chamado a robotização e tudo o que está em ressonância e em relação com a sobrevivência, com o instinto, com a própria perpetuação da Matriz, chamada, também, força Ahrimaniana.

Eu os lembro que as energias ditas etéreas, existentes em seu mundo, penetram por esse ponto do baço e vão girar, prioritariamente, no que é chamado o Triângulo Radiante de metabolização de energia etérea falsificada, em ressonância com o que é chamado o segundo chacra e o terceiro chacra (Swadhisthana chacra e Manipura chacra).

Como vocês sabem, talvez, Manipura chacra é ligado, diretamente, às forças astrais e ao ego.
O segundo chacra, quanto a ele, Swadhisthana chacra, situado sob seu umbigo (umbigo que, aliás, é um buraco que os remete à sua filiação), é ligado, diretamente, ao poder e a esse instinto de sobrevivência.

A esfera sexual: a procriação, a feminilidade e o amor do outro está inscrita nesse Triângulo Radiante.

Uma vez que a Luz Vibral derrame-se nesse Ponto chamado ATRAÇÃO, outros circuitos disparam.

Um primeiro circuito foi-lhes desenvolvido, entre ATRAÇÃO e PROFUNDIDADE; eu não voltarei nele.

Outro circuito acende-se, agora, entre ATRAÇÃO e NUNC.
O ponto NUNC é ligado a tudo o que está em ressonância (vocês compreenderam e apreenderam, eu o espero) com a hereditariedade, o confinamento matricial, ligado à carne e ao sangue, que os privaram de sua liberdade.

Esse circuito novo, de algum modo, que vai de ATRAÇÃO a NUNC, assim como aquele que já foi referido, que vai de ATRAÇÃO a PROFUNDIDADE, inicia a retificação da Luz num novo Triângulo Radiante de Vibrações, pondo fim à alimentação do ego, à alimentação do poder e à alimentação de tudo o que tem a ver com a maternidade, a feminilidade, não em seu desaparecimento, mas, bem mais, em sua transcendência e, é claro, todas as manifestações ligadas ao poder e à necessidade de fusionar nas esferas baixas, quaisquer que sejam os nomes dados nessa civilização.

Eu sou também o Arcanjo que anunciou a Maria sua maternidade.
Essa maternidade especial (que algumas religiões chamaram o Espírito Santo) não tem, obviamente, qualquer verdade.
Maria, efetivamente, recebeu a visita de algo que não era desse mundo.
Em seu tempo, isso se chama uma inseminação artificial.

Assim, portanto, para romper o ciclo da encarnação, da reencarnação e da Ilusão, a encarnação do Cristo passou por vias um pouco extraordinárias, mas que, é claro, nada tem a ver com o Espírito Santo.

Assim, portanto, mesmo nos escritos ditos evangélicos, disfarçaram um pouco a História, se se pode dizer, mas eu intervim, realmente, para entregar uma mensagem, estritamente a mesma que vou entregar-lhes hoje.

Vocês vão, de alguma forma, criar-se a si mesmos, no corpo de Existência.
Vocês vão, assim, dar à Luz à Verdade, para tornar-se a Verdade e tornar-se seu corpo de Existência.

A revelação da Luz Vibral, que vem da Unidade e penetra a esfera ATRAÇÃO do baço, inicia, portanto, esse novo Triângulo Radiante de forças, que vai tornar-se ativo em vocês, a partir de agora, a partir desta noite ou nos dias que virão, cada um ao seu ritmo, mas um ritmo, contudo, muito acelerado.

A ATRAÇÃO representa tudo o que é ligado ao poder, ao ego, à procriação, à perpetuação, aos instintos, quaisquer que sejam e, hoje, essa ATRAÇÃO reencontra seu verdadeiro sentido, que é o de restituí-los à Unidade, à Liberdade, passando pela abertura do que havia sido fechado no AGORA, por NUNC, pelo que havia sido fechado nas profundidades e por tudo o que se procriava nas profundidades do ser, desde a concepção, a gravidez e o parto.

É, portanto, uma transposição real, na qual, até o presente, a procriação levava a humanidade a criar para baixo, nessa Matriz, enquanto, agora, será necessário criar no Espírito.

Dar à luz a vocês mesmos, passando pelo chacra da garganta, realizando a terceira passagem da garganta, que lhes permite nascer na Verdade, para além de todo confinamento.

A iniciação desse trajeto de Luz, desse Atalho entre ATRAÇÃO e AGORA vai permitir-lhes movimentar certo número de forças, ao nível do sacrum, que vão completar-se muito rapidamente com forças simétricas, do outro lado, das quais não falarei agora.

Certo número de modificações de consciência vai, portanto, ocorrer, permitindo-lhes, realmente, viver seu parto, sua Ressurreição, se preferem, essa Ressurreição que apenas se pode fazer se vocês cortam o cordão umbilical, aquele que os mantém confinados no corpo de desejo, da procriação, da sexualidade, de tudo o que faziam os apegos nesse mundo na Matriz e, em particular, nos apegos ligados à hereditariedade, à carne, ao sangue e aos instintos, quaisquer que fossem.

Para esse trabalho vocês têm a possibilidade, é claro, por sua própria consciência ou por gestos ou, ainda, como foi dito, com cristais ou outros meios, os yogas, de amplificar essa irradiação e essa passagem, essa abertura de Atalho.
Mas a revelação da Luz Metatrônica vai, sobretudo, realizá-lo, em vocês, a partir do momento em que vocês estão abandonados à Luz e em que vocês saem, de algum modo, de seu próprio umbigo, de sua própria personalidade, de tudo o que é ligado a esses instintos, a essa robotização.
Tudo o que os mantém nessa densidade de procriação, impedindo-os, literalmente, de tornar-se co-criadores.

Há, portanto, nesse nível, também, uma reversão, vocês compreenderam, ilustrada de modo perfeitamente real, pelo parto por baixo (Procriação) e o parto pelo alto (Ressurreição e nascimento no Espírito).
Parto pelo alto, acontecendo nas reversões efetuadas pelo Arcanjo Uriel.

A reversão da ATRAÇÃO, no eixo falsificado ATRAÇÃO-VISÃO, vai, doravante, fazer-se numa atração à liberdade, à Unidade, que vem transfigurar e transformar, inteiramente, o conjunto de hábitos, de instintos (tudo o que era ligado a uma Ilusão), na estrita Verdade da Luz, provocando, então, uma plenitude Interior total, que nada mais tem a ver com uma satisfação do ego ou uma satisfação do corpo de desejo (chamado a reproduzir-se permanentemente para estar satisfeito).

Vocês serão, portanto, verdadeiramente liberados, pela revelação da Luz Metatrônica, se vocês a aceitam, permitindo, literalmente, queimar os laços da Ilusão, queimar tudo o que é Ilusório, para restituí-los ao Fogo do Espírito, ao Fogo do Coração, fazendo-os sair de todas as atrações, em ressonância com esse passado, com essa antecipação de desejos, essa perpetuação de desejos permanentes.

É claro, na humanidade, muitos ensinamentos foram dados, em particular no Oriente, sobre essa noção de superação dos desejos, para ir para o Espírito.
Mas é uma coisa constranger o desejo; é completamente outra coisa transcendê-lo à luz do que vocês vão viver, porque isso não é uma vontade, não é uma obrigação, mas é, realmente, o que eu nomeei uma transcendência.
Essa transcendência vai iluminá-los porque, aí também, nesse nível, vocês verão claramente como as coisas aconteceram.

Para além mesmo da compreensão das palavras que eu pronuncio, vocês realmente vão viver essa Verdade, essa Liberação, essa Liberdade, que concorre, grandemente, para sua própria Ressurreição.

Assim, portanto, existe, literalmente, ao nível desse desenvolvimento lateral esquerdo da Luz posterior, uma Crucificação do conjunto do que é ligado ao corpo de desejo.
Isso não é uma vontade pessoal de ascese, mas, efetiva e realmente, uma transmutação total da luz falsificada em Luz Vitral, que os restitui à sua Eternidade e que reverte as correntes de energias que os atraíam para a Matriz, para a polaridade feminina que vocês haviam perdido, ou seja, sua Mãe do Céu, aquela que está além da mãe da encarnação.

Não foi à toa que Maria criou esse corpo carbonado há extremamente muito tempo.
Não foi à toa que o Demiurgo apagou essa noção de criação pelos geneticistas de Sírius, a fim de confiná-los na Ilusão da criação e da procriação por uma entidade feminina que, com isso, ela também perdeu sua própria criatividade e sua própria criação total na Unidade.

Assim, portanto, todo humano é portador dessa polaridade feminina.
Não é questão de fazer, dela, uma polaridade sexual, mas, efetivamente, manifestar, agora, seu polo feminino, inteiramente; reencontrar, de algum modo, sua completude; reencontrar, de algum modo, sua Unidade, reunificando suas duas polaridades e, sobretudo, descobrindo o que é, realmente, a feminilidade, que não é uma atração sexual, que não é uma Matriz que põe no mundo, mas, efetivamente, um Polo Criador dos Mundos.

Vocês são, portanto, chamados a recriar-se e a criar-se, pela Ressurreição e pela inversão da Atração, iluminada pela Unidade, e que os põe na distância de tudo o que é a atração para os polos inferiores.

Vocês vão descobrir a leveza disso, sem falta, sem sofrimento, mas, realmente, como uma transcendência total de uma parte de sua consciência, que concorre grandemente para elevá-los, Vibratoriamente, em Consciência, e que os libera dos laços presentes ainda, para alguns de vocês, ao nível dos tornozelos, que os impedem de aceder à sua Existência.
Esses laços que restavam, para alguns, vão desatar-se.

Assim, a reversão efetuada pelo Arcanjo Uriel, nesse Atalho, vai permitir-lhes pôr em comunicação, assim como foi dito, também, pelo bem amado Sri Aurobindo, a UNIDADE com AGORA ou, se preferem, com NUNC, HIC e NUNC.

Vocês vão, portanto, transcender aquele que os mantém no confinamento.
Vocês vão reencontrar-se na Liberdade e esse Atalho lateral posterior esquerdo ali concorre de maneira importante.
Ele é, de algum modo, a primeira das três etapas, se se pode nomeá-las assim, da ignição do sacrum que, através desse ponto e do ponto que lhe é simétrico (chamado REPULSÃO) e do Atalho que reúne esses dois pontos, vai elevá-los, definitivamente, a fim de extrair-se da Ilusão, inteiramente, e reencontrar, se tal é sua Vibração, o retorno ao Espírito e à Liberdade total.
Isso lhes permite, então, percorrer os caminhos da co-criação consciente e os faz sair de tudo o que os atrai nas forças ahrimanianas e, portanto, maternais falsificadas, se se pode dizer, ou femininas falsificadas, que os levam à procriação, ao desejo e à necessidade de nutrir-se, pelo corpo de desejo, de tudo o que era nomeado, adequadamente (ainda que vocês não provassem a sensação ou a percepção disso), os impulsos inferiores.

Esses impulsos são inferiores apenas devido à falsificação.
Eles não são inferiores, em si, mas são inferiores no sentido em que eles os prenderam, de algum modo, ainda mais, nos desejos; ainda mais numa busca exterior, ou seja, num conhecimento exterior de outro ou de outra, dando-lhes um sentimento de completude, totalmente ilusório, que os faz projetar, no outro, o amor que vocês não haviam encontrado em si mesmos.

Assim, a transcendência desse Atalho é fazê-los passar a um Amor livre, a um Amor no qual vocês descobrirão, enfim, o que é, realmente, o Amor de si, não no amor do ego, que tem necessidade de uma satisfação exterior.

Vocês vão, de algum modo, transcender tudo o que é do domínio da atração para o corpo de desejo, numa atração espiritual iluminada, verdadeiramente, pela Luz Vibral.

Vocês vão, portanto, extrair-se, totalmente, ao seu ritmo, não suprimindo o outro, não se afastando do outro, mas, bem ao contrário, tornando-o livre, ele também, em sua relação, iluminada pelo verdadeiro Coração e não mais pela falta de Coração na Dualidade.

Não haverá mais, portanto, vocês se aperceberão por si mesmos, completude exterior a buscar ou a empreender porque, naquele momento, vocês descobrirão o Amor do Si e descobrirão essa frase importante que é fazer-se o amor a si mesmo e provar essa Unidade no Coração e não mais nos centros inferiores.
Assim, isso vai concorrer para estabelecer, de maneira cada vez mais nítida em vocês, também, essa Unidade, essa Paz e, em definitivo, essa Alegria.

Obviamente, não é questão de privar-se do que quer que seja, mas vocês descobrirão que toda privação terá desaparecido a partir daquele momento.
É claro, cada um terá um caminho diferente no que restará a viver nesse mundo, porque cada caminho é diferente, mesmo se o destino é comum.

Existem vários modos de ali chegar.
Existem, também, como vocês sabem, vários destinos na Liberdade.
Assim, vocês constatarão por si mesmos o desaparecimento natural, de algum modo, desses impulsos do corpo de desejo, pela iluminação da Luz que vem devolver e restituir o Éter à sua Luz Vibral, pondo fim a tudo o que os confinava nos desejos.

Esse Atalho e essa ignição da asa lateral esquerda de seu sacrum é um dos elementos que permite construir o canal do Éter e fazê-lo percorrer pelo Fogo do Éter e da Terra, a fim de viver o que é chamado seu Novo Nascimento ou sua Ressurreição, o que dá, estritamente, no mesmo.

É claro, isso não é, necessariamente, para compreender, nem para digerir, nem para integrar.
Não é, tampouco, pedido para crer-me na palavra, mas, efetivamente, para fazer a experiência disso e vivê-lo, pela própria Luz que vai revelar-se.

Tranquilizem-se, vocês não sofrerão de qualquer frustração, de qualquer falta, bem ao contrário.
Vocês olharão o outro, quem quer que ele seja (filho, pai, cônjuge, amigo), com o mesmo amor, sem poder fazer a mínima diferença entre aquele que é seu cônjuge, seu pai, seu filho e o resto da humanidade.
Aí está o Amor.
Aí está a Verdade, e em nenhum outro lugar.

Ahriman estará, naquele momento, inteiramente transcendido, porque vocês terão reencontrado sua Liberdade e seu papel de co-criador de sua Verdade.

Aí está o que o Conclave encarregou-me de entregar-lhes.
Minhas palavras serão pouco numerosas.
Resta-nos ainda um pouco de tempo e, é claro, se existem em vocês interrogações em relação a isso, e exclusivamente em relação a isso, dar-me-á alegria completar o que eu disse.

Questão: os nascimentos a partir da 5ª Dimensão fazem-se pelo Espírito?

Não haverá nascimento porque, quando vocês são criados na Eternidade, vocês são eternos.
Onde querem dar à luz, uma vez que deram à luz na Luz?
Não haverá mais jogos de sombra e de luz.
Não haverá mais passagem pelas portas da morte e do nascimento, uma vez que vocês nascerão para a Eternidade.

Questão: como então nascem os extraterrestres humanoides?

A questão é muito demasiado vaga.
Existem humanoides em todas as Dimensões, até a 18ª.

Como o que não tem começo poderia ter um fim?
Como é que um ser, uma Semente de Estrela, que nasceu à sua Verdade, poderia morrer e renascer?
Esse é o apanágio desse mundo, em sua falsificação.

Para além dessa densidade temporal onde vocês estão, eu os lembro que o tempo é inversamente proporcional, de algum modo, à densidade.
Quanto mais a densidade é forte, mais o tempo que vocês percorrem é restrito e mais vocês estão confinados.

Para além desse mundo carbonado tudo é Liberdade.
O tempo não se desenrola como vocês o percebem aqui; o tempo, pode-se dizê-lo, não existe.
Vocês não têm que nascer, uma vez que vocês são eternos.
Vocês não têm que morrer, uma vez que vocês são eternos.

Só o corpo carbonado, nos Mundos Unificados, pode, em alguns Multiversos, necessitar do que vocês chamam uma procriação.
Mas essa procriação não pode ser explicada assim, como vocês a vivem nesse mundo.
Isso, estritamente, nada tem a ver.

Existe um processo (e eu não entrarei no detalhe, porque isso nos afastaria de meu propósito), existem, eu procuro a palavra..., espécies de incubadoras, que permitem a uma alma modelar um corpo através de uma bagagem genética totalmente livre, para constituir um corpo carbonado, por exemplo.
Isso nada tem a ver com qualquer sexualidade, que não existe, aliás.

Questão: você tem exemplos de co-criações realizáveis nesta Dimensão?

Como lhes disse o Comandante, vocês vão tornar-se co-criadores, mas vocês não são Criadores.
Vocês criam, realmente, sua Verdade, apenas quando saíram da Ilusão.
Em contrapartida, vocês criarão as circunstâncias de sua vida, em total liberdade, para o que restará a percorrer nesta Dimensão.

Mas, como lhes dizia, de maneira humorística, parece-me, o Comandante, vocês não vão criar um amendoim.
Isso é impossível.

A co-criação consciente, ligada ao fim do confinamento, é, simplesmente, reencontrar sua Liberdade total e compreender, pela própria Consciência, sem qualquer compreensão intelectual, o que é a Unidade, porque vocês a viverão, e o que era a Dualidade que vocês deixam.
O motor disso será a Paz e a Alegria.

Questão: o baço e o fígado têm uma relação com dois pontos no meio das costas e estão em relação com o Fogo do sacrum?

Sim, inteiramente.
Assim como nós (em todo caso não eu, mas alguns Arcanjos ou alguns Anciões) já dissemos, nós insistimos e levamos sua Consciência sobre alguns Atalhos.
Mas eles são inumeráveis.

Assim, existem, ao nível do que é chamado o fígado e o baço, pontos ditos de comando, situados, efetivamente, um pouco mais abaixo do que era chamado o ponto em relação com KI-RIS-TI, de um lado e do outro da coluna.
Eles podem, efetivamente, estar dolorosos durante este período.

Questão: é o Fogo do Sacrum que os ativou?

Sim.
A ativação dos dois circuitos centrais, anterior e posterior, participa, ela também, vocês compreenderam, dos outros Atalhos.

Questão: se é preciso soltar a vontade, como desenvolver essas Vibrações, essa Consciência?

Abandonando-se à Luz.

Quem é que não se abandona à Luz?
Exclusivamente o ego.

A atração do ego não é unicamente ligada a esse aspecto do corpo de desejo.
Existem outros, bem mais sutis.
Mas vocês não têm, ainda, os meios de compreender, inteiramente, se não o vivem, por que vocês não o vivem.

Isso será evidente a partir da revelação da Luz Metatrônica, que corresponde, eu repito, à ignição de diferentes partes do sacrum.

Não temos mais perguntas, agradecemos.

Bem amadas Sementes de Estrelas e Filhos da Lei de Um, o Arcanjo Gabriel saúda-os, ama-os e permanecerá com vocês, em vocês, para o alinhamento.

Eu lhes digo, portanto, até breve e até já, em alguns minutos.

_______________________

Compartilhamos estas informações em toda transparência. Obrigado por fazer do mesmo modo. Se você deseja divulgá-las, reproduza a integralidade do texto e cite sua fonte: www.autresdimensions.com.

Versão do francês: Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com

Um comentário:

  1. Magnífica MSG, por ângulos e ângulos; e foram muitos ângulos. Alguns destaques fantásticos: "Vocês vão, de algum modo, transcender tudo o que é do domínio da atração para o corpo de desejo, numa atração espiritual iluminada, verdadeiramente, pela Luz Vibral - Vocês não têm que nascer, nem morrer, uma vez que vocês são eternos - A co-criação consciente, ligada ao fim do confinamento, é, simplesmente, reencontrar sua Liberdade total e compreender, pela própria Consciência, sem qualquer compreensão intelectual, o que é a Unidade, porque vocês a viverão, e o que era a Dualidade que vocês deixam".

    ResponderExcluir