Seguidores

SE VOCÊ COMPARTILHAR ALGUMA MENSAGEM DESTE BLOG, FAVOR REPRODUZI-LA EM SUA INTEGRALIDADE, CITANDO A FONTE OU INDICANDO O LINK DA MESMA.

22 de mai de 2012

MARIA – 22 de maio de 2012


Mensagem publicada em 23 de maio, pelo site AUTRES DIMENSIONS.



Áudio da Mensagem em Francês

Link para download: clique aqui

Eu sou MARIA, Rainha dos Céus e da Terra.
Filhos bem amados, onde quer que vocês estejam sobre esta Terra, eu me dirijo a vocês, a cada um de vocês porque, como o enunciaram minhas Irmãs Estrelas e os Anciões, doravante, nosso Mundo Eterno aproxima-se e dá-lhes a contatar o que nós somos.
Nosso Mundo Eterno aproxima-se de seu mundo efêmero, a fim de viver mecanismos nos quais ninguém poderá mais ignorar nossa Presença.

Como o disse GEMMA (ndr: GEMMA GALGANI), isso se desenrola em vocês, e desenrolar-se-á em vocês.
E eu me dirijo, hoje, a vocês, por esse corpo que emprestei, como ao lado de seu corpo.

O Manto Azul da Graça – que eu deposito, novamente, sobre seus ombros – e a Onda de Vida tornam possível, agora, esse contato, essa COMUNHÃO íntima, na qual o Eterno reencontra o efêmero, na qual a Luz reencontra a resistência, na qual a Verdade reencontra o que estava alterado.
Isso se desenrola em vocês e ao lado de vocês. 

Então, vamos, primeiramente, comungar e viver esse contato.
Contato que prefigurará e antecipará, de algum modo, o momento em que cada um de vocês poderá realizar esse contato.

Minhas intervenções, pelas palavras (além da Vibração e da Comunhão), intervirão nos espaços entre duas comunhões.

Eu lhes peço, como o disse MA (ndr: MA ANANDA MOYI), para acolher-me, acolher a Luz, acolher o que vocês São, de toda a Eternidade (para além dos hábitos efêmeros que vocês portam sobre esse mundo).
Ousem ser o que vocês São, para além de toda aparência.
Lembrem-se de que seu corpo dura apenas um tempo, que ele é efêmero (e que vocês, em contrapartida, vocês são Eternos), de que nada pode alterar sua Eternidade, de que há apenas que torná-la viva, consciente, ali imergir, ali mergulhar).
O que se desenrola, nesse momento, tem por objeto fazê-los viver isso.

Realizemos nossa primeira Comunhão.
Eu deposito, em vocês e em cada um de vocês, o Manto Azul da Graça e minha Presença, ao seu lado.

Acolhamos, juntos.

... Comunhão...

Filhos bem amados, o tempo desse Tempo chama-os ao seu Coração, a essa Eternidade de que falei.
Nossa Presença ao seu lado é, ao mesmo tempo, o testemunho e a evidência de nosso reencontro.
Vocês encontrarão, em nossas comunhões sucessivas, a força, a Luz e o Amor que lhes permitirão ir para sua força, sua Luz, seu Amor, e estabelecer-se, em definitivo, na Morada de Paz Suprema, aquela que constitui nossa Essência comum, nossa Verdade Una.

Quanto mais sua alma e seu Espírito inclinarem-se para esse contato, mais vocês estarão em sua Verdade, na Eternidade.
Lembrem-se de que, nesse contato, além, mesmo, de meu Anúncio, encontra-se toda a força, toda a Verdade, toda a Beleza.
Que, nesse canal que nós constituímos, juntos, encontra-se a possibilidade de viver sua Eternidade, a fim de que a consciência não seja mais reprimida, não seja mais confinada e, sobretudo, que o sofrimento não tenha mais tomada sobre vocês, a fim de fazê-los Vibrar, nesse estremecimento do Coração, nesse Amor indizível, de nosso reencontro, de nossa comunhão, assim como das comunhões que vocês podem estabelecer, diretamente, de consciência a consciência.

Lembrem-se: a Vibração os guiará, a Luz os nutrirá, a Luz acalma-os, a Luz restitui-os ao que vocês São, ou seja, a Beleza e a Eternidade.
A Luz é Verdadeira.
Ela aquece sua alma, ela aquece seu Espírito e dá-lhe a viver a certeza da Eternidade, bem além de qualquer crença, bem além de qualquer construção mental e, mesmo, bem além de todas as suas experiências passadas.

Vocês serão regados à Fonte.
Vocês comungarão à Fonte, ao CRISTO, ao Sol, aos seus Irmãos e às suas Irmãs, que partilham essa revelação, onde quer que vocês estejam sobre esta Terra, onde quer que esteja colocada sua consciência, a partir do instante em que esse canal esteja ativo e vai dar-se para um número cada vez mais importante de vocês, para ser vivido, para ser percebido.

A Fusão das Dimensões, vocês podem imaginar, está em curso.
Não há melhor testemunho do que seu corpo.
Não há melhor testemunho do que a Morada de Paz Suprema: esse estado de Contentamento infinito, que nada pode perturbar, que nada pode deformar.

A Luz nutre-os.
A Luz ilumina-os.
Nosso reencontro é um Amor, bem além de qualquer amor humano, bem além de qualquer projeção – em suas faltas, em seus medos, em suas necessidades – porque esse Amor fala por si, porque é o que nós somos, todos, sem qualquer exceção.
Só o sofrimento da separação manteve a ilusão de que a Luz não estava aí.
Sua consciência, nutrida pela Luz, tornar-se-á essa Luz (independentemente de meu apelo, independentemente de qualquer evento desse mundo).

A Luz chama-os para viver a Eternidade.
A Luz chama-os para comungar, a cada instante de sua vida, não por um gesto mental ou uma atitude mental, mas, efetivamente, nessa conexão Vibratória, nessa comunhão de Amor.

Aí está sua força, a única, aquela que pode garantir-lhes o acesso à sua Eternidade (bem além de tudo o que ocupa, ainda hoje, sua consciência, seus sofrimentos).
A Luz vem soar, em seu ouvido, o Canto da Eternidade, o Coro dos Anjos, nossas Presenças e sua Presença.

Segunda comunhão.

... Comunhão...

Quando de nossos encontros, quando de nossas comunhões, a Alegria animá-los-á, no Contentamento.
Qual melhor prova pode existir do que vocês vivem do que esse Amor, sem qualquer condição, do que esse Amor que transcende sua condição humana e que os leva a instalar-se na Eternidade?

Esse contato, seja com uma das Estrelas e o conjunto de habitantes que vocês nomeiam do Céu (quaisquer que sejam), ou, ainda, com seus Irmãos e suas Irmãs encarnadas ou, ainda, com aquele que faz parte de si mesmos: quaisquer que sejam essas Presenças, elas vêm abençoá-los, elas vêm restituí-los à sua Eternidade, à Beleza e ao Amor.
Sua consciência, então, aproximar-se-á e viverá Shantinilaya, a famosa Morada de Paz Suprema (na qual se instalaram aqueles que tocaram esse Contentamento Eterno da Verdade do Amor). 

Tudo isso concorrerá para estabelecer, sobre a Terra, não mais uma ancoragem e o fato de semear a Luz, mas, efetivamente, fazer germinar, eclodir e explodir essa fantasia total de cor de Amor, essa explosão de Luz (que é sua), nutrir seu Coração e o conjunto de Corações da Terra.
Disso, vocês serão as testemunhas privilegiadas, vocês serão os atores, independentemente de sua vontade, independentemente de seu desejo, porque vocês se tornarão uma Fonte de Amor, que nada pode apagar ou secar (e isso será permanente).

A cada reencontro, a cada comunhão, a cada Alinhamento e a cada depósito do Manto Azul da Graça sobre seus ombros, a cada sopro da Onda de Vida ou de descida do Espírito Santo, vocês sentirão, cada vez mais nitidamente, o que está aí, o que é vocês (bem além de seu nome sobre esta Terra, bem além de sua história sobre esta Terra).

É a hora do despertar, do que vocês São.
O trabalho notável que foi realizado (por vocês, como por nós) efetua esse mecanismo nomeado Ascensão, de maneira a mais agradável possível, para vocês e para muitos de seus Irmãos e de suas Irmãs que não podem imaginar, um segundo, o que se vive.
Aí tampouco, não se coloquem qualquer questão: contentem-se de estar nesse estado, nesse Amor, nesse contato.
Contentem-se de ser regados à Fonte do Amor.

O que quer que haja a viver sobre esse mundo (mais do que nunca), vocês apreenderão que a Verdadeira Vida não é, unicamente, aquela que vocês vivem, mas, é claro, aquela que é Eterna.

A Morada de Paz Suprema e o Amor são os marcadores, indeléveis, de sua Presença.
Vocês não poderão mais escutar seu mental como antes.
Vocês não poderão mais crer nesse mundo como antes.
Vocês não poderão mais manifestar outra coisa que não o Amor.

Vivamos, juntos, nossa terceira comunhão.

... Comunhão...

Bem amados Filhos do Amor, vigiem para reter o que lhes disse o bem amado JOÃO, SRI AUROBINDO.
Se vocês vigiam nisso, constatarão que o Amor pode apenas crescer, não em qualquer apego, não em qualquer afeição, mas bem além (na própria Vibração da Essência do Amor), que os leva a esses sopros de Contentamento e a esse estado de Contentamento (independentemente, mesmo, dos momentos de nossos reencontros ou de seus reencontros).

Vocês se instalarão, cada vez mais facilmente, em sua permanência, em sua leveza, que os torna não indiferentes a esse mundo, mas, bem ao contrário, regando-o à sua Fonte, à sua Eternidade, colocando-o em uma Majestade e uma Verdade que jamais esteve presente, desde extremamente muito tempo.

Não olhem, além da medida, o espetáculo do mundo e, sobretudo, daqueles que se opõem à Graça do Amor (por medo ou por qualquer outra razão).
O melhor modo de suavizar é deixar o Amor trabalhar.
Nessa condição, vocês se tornarão o que vocês São.
Nessa condição, vocês serão preenchidos, para além de qualquer espera, de toda esperança.

Nenhuma dúvida poderá mais insinuar-se, onde quer que seja.
Seus olhos, suas expressões, seu modo de ser tornar-se-ão cada vez mais claros.
Afastar-se-ão de vocês os sofrimentos, o que foi limitado, o que os confinou.
Nutram-se do que vocês São.
Nutram-se de nossos reencontros e de nossas comunhões, porque absolutamente tudo se encontra aí.
Esqueçam-se de tudo o que vocês acreditaram.
Esqueçam-se de tudo o que esperaram, para vocês, como para o conjunto desta Terra, porque vocês vão tornar-se, inteiramente, esse estado de comunhão, esse estado de Fusão.

Realizemos, agora, nossa quarta Comunhão e Fusão.

... Comunhão...

Se vocês acolhem essa Morada de Paz Suprema (que é o que vocês São), mais nenhuma interrogação, nem dúvida, poderá aflorar-lhes.
Vocês se recarregarão, a si mesmos, em seu Coração aberto e Vibrante, permanentemente.
Lembrem-se de que existem, em suas relações, meios – como lhes disse SRI AUROBINDO – de saber, é claro, de perceber a quantidade de Luz presente, através de seu Som.

Esse momento criou-se por si, através de um caminho de alguns anos, que nós realizamos juntos.
O que se realiza é apenas a resultante de algumas Verdades que lhes foram dadas a ver no Coração.
Vocês perceberão, também, que, através do que os rega à Fonte, vocês vão tornar-se, em Verdade, cada vez mais Livres, cada vez mais Verdadeiros.

Chegamos à nossa quinta comunhão, na doação da Graça, na doação da Vida a ela mesma, no Amor Um.

... Comunhão...

Na hora em que o canto da Terra Liberada e o som do Céu que vem a vocês surgem em sua consciência e em seus ouvidos, há, verdadeiramente, apenas a vocês, e a vocês sozinhos, que viver a plenitude do Amor, a plenitude da Verdade, porque nessa plenitude, vocês preencherão esse mundo de Luz Vibral e de Amor, para além de toda relação, para além de toda compreensão, para além de toda projeção, de todo fantasma.

Meus Filhos, eu os engajo a escutar minhas palavras e meus silêncios, que são plenos de vocês, plenos de seu Amor, plenos de sua Paz.

Quanto melhor vocês pararem de interrogar-se, melhor vocês viverão, plenamente, nossas comunhões, nossos reencontros.
Vocês estarão cada vez mais imersos, se o aceitam, nessa nova Consciência, que possibilita deixar desaparecer o que não tem mais razão de existir.
Todo sofrimento e toda ilusão vão consumir-se, em vocês, por seu próprio fogo, por seus próprios reencontros, por suas próprias comunhões.
A Morada de Paz Suprema dar-lhes-á a provar, se já não foi feito, uma paz inalterável e inalienável.
Vocês não dependerão mais de qualquer condição, Interior ou exterior.
Isso se chama a Liberdade.
Liberdade que os conduz à sua Liberação, na Alegria, porque a prova estará aí.

Efusão pelo Espírito Santo, pela Luz Adamantina e pelo núcleo da Terra, na Onda do Cristal.
Instalemo-nos em nossa ressonância comum, instalem-se na ressonância de quem vocês São, ou seja, cada um e cada uma.

Os limites característicos do efêmero, onde vocês estão, não poderão mais subsistir diante de sua Paz, diante do que nós somos: estado de Fusão na ressonância do Amor.
Agora.

... Comunhão...

Nos tempos a viver, seu Coração exprimir-se-á mais facilmente do que suas palavras ou do que suas ideias, porque apenas essa expressão prima sobre todo o resto.
E é nessa própria expressão de seu Ser que está a Verdade, que vem transpor, na finalidade, as últimas trincheiras em sua existência, em sua pessoa, que lhes dá a superar toda condição, todo sofrimento e toda ilusão.

Depositemos, em nossos corações, uma sétima Comunhão.
Fusão e Dissolução no coração de um e no coração do outro, no corpo de um e no corpo do outro.

Eu sou MARIA e sou sua Mãe, a Mãe desse corpo.
Como dissemos, nós somos Vocês, como vocês são Nós.
Neste instante, isso se torna, talvez, para vocês, Verdade, sem a sombra de uma dúvida e de uma questão.

Então, deixemos estabelecer-se nosso reencontro.

... Comunhão...

A lembrança de sua Eternidade não será mais um sonho distante, mas será a Verdade de cada sopro e de cada instante.
A Liberdade não será mais um objetivo, mas a realidade.
Esse coração amoroso, aberto a ele mesmo, abre o mundo.
Vocês não poderão mais percorrer os dias e as noites desse mundo em qualquer solidão, em qualquer sofrimento.

Façamos, agora, o silêncio de minhas palavras.
Fiquemos no silêncio e no canto do Amor, aquele da Eternidade, aquele da Morada de Paz Suprema, aquele que é a verdadeira Vida.

... Silêncio...

No silêncio e na plenitude de nossos corações unidos, o fogo do Amor eclode, enfim.

... Silêncio...

Nós, Consciências Livres (sejam Estrelas, Anciões ou outras), estaremos ao seu lado, de maneira cada vez mais perceptível, nos alinhamentos de 19 horas [hora francesa], quando o Manto Azul da Graça deposita-se (que eu me encarrego, doravante, como embaixadora da Reunião dos Anciões e das Estrelas desse Conclave novo), quando vão conjugar-se, em vocês, o que sobe e o que desce, em seu coração e no conjunto desse corpo (que vocês habitam, de momento), realizando nossa alquimia.

Em vocês, iluminar-se-á o que podia parecer-lhes, ainda, não totalmente real, não totalmente aí.
Nesse fogo do Amor novo, nós estaremos com vocês.
O Sol estará em vocês.
Seu corpo de Existência permutará com o corpo de Existência do Duplo, realizando essa Unicidade do Amor, esse infinito do Amor.

Há apenas, como lhes disse minha Irmã Ma (ndr: MA ANANDA MOYI), que acolher e aceitar, dizer «Sim» ao Amor, a fim de que nada mais que o Amor esteja presente.

Vou deixá-los, agora, nessa Comunhão, nessa Fusão, nesse braseiro de Amor e de Luz.

Além de nossos reencontros individuais e íntimos, eu me exprimirei, novamente, no período de sua primeira semana de junho.
Mas, daqui até lá, estarei com vocês.

Eu os convido à Alegria.
Eu os convido a essa Unidade e a essa Unicidade entre seu coração e todos os corações.
Eu os convido a ousar ser o Amor, a fim de que sejam plenos e irradiantes desse Amor.

Eu os deixo, agora, acolherem-se, a si mesmos, em sua Morada de Eternidade, e eu lhes dou encontro, de qualquer modo, a cada dia, às 19 horas [hora francesa] (ndr: ver rubrica «protocolos a praticar / protocolos prioritários»), a cada quinta-feira, às 22 horas [hora francesa] (ndr: ver rubrica «protocolos a praticar / Acolhimento do Manto Azul da Graça).

Eu sou MARIA, Rainha dos Céus e da Terra, nosso nome é Amor, nossa Verdade é Eternidade, nossa quintessência é Luz.

Eu abençôo, em vocês, o que É.

... Silêncio...

Até breve.

... Silêncio...
________________________________________________
Compartilhamos estas informações em toda transparência. Obrigado por fazer do mesmo modo. Se você deseja divulgá-las, reproduza a integralidade do texto e cite sua fonte: http://www.autresdimensions.com/.

3 comentários:

  1. Sua consciência, nutrida pela Luz, tornar-se-á essa Luz (independentemente de meu apelo, independentemente de qualquer evento desse mundo) <> A Luz vem soar, em seu ouvido, o Canto da Eternidade, o Coro dos Anjos, nossas Presenças e sua Presença <> É a hora do despertar, do que vocês São. O trabalho notável que foi realizado (por vocês, como por nós) efetua esse mecanismo nomeado Ascensão, de maneira a mais agradável possível, para vocês e para muitos de seus Irmãos e de suas Irmãs que não podem imaginar, um segundo, o que se vive <> O que quer que haja a viver sobre esse mundo (mais do que nunca), vocês apreenderão que a Verdadeira Vida não é, unicamente, aquela que vocês vivem, mas, é claro, aquela que é Eterna <> Esqueçam-se de tudo o que vocês acreditaram. Esqueçam-se de tudo o que esperaram, para vocês, como para o conjunto desta Terra, porque vocês vão tornar-se, inteiramente, esse estado de comunhão, esse estado de Fusão.

    ResponderExcluir
  2. Amada Mãe, do Sagrado Manto Azul da Graça.

    Uma Benção, uma Graça estar diante de sua mensagem. Acredito que em unissomo, seus filhos ecoem: Assim Seja.
    Alguns itens:

    "Quanto mais sua alma e seu Espírito inclinarem-se para esse contato, mais vocês estarão em sua Verdade, na Eternidade.

    É a hora do despertar, do que vocês São.

    Aí tampouco, não se coloquem qualquer questão: contentem-se de estar nesse estado, nesse Amor, nesse contato.
    Contentem-se de ser regados à Fonte do Amor.

    Todo sofrimento e toda ilusão vão consumir-se, em vocês, por seu próprio fogo, por seus próprios reencontros, por suas próprias comunhões.
    A Morada de Paz Suprema dar-lhes-á a provar, se já não foi feito, uma paz inalterável e inalienável."


    Tenho vontade de gritar: Mãããee, mas A chamo no silêncio do meu coração e a Paz acontece.

    Noemia

    ResponderExcluir
  3. Eu também Noemia,tenho vontade de gritar: Mãããee.

    "A Fusão das Dimensões,está em curso.
    A Luz está soando, em nosso ouvido.
    Não há melhor testemunho do que nosso corpo.
    Não há melhor testemunho do que a Morada de Paz Suprema: esse estado de Contentamento infinito, que nada pode perturbar, que nada pode deformar."

    "Quanto mais minha alma e meu Espírito inclinarem-se para esse contato, mais estou na minha Verdade, na Eternidade.
    Nesse contato, além do Anúncio, encontro toda a força, toda a Verdade, toda a Beleza."

    E mais......:A Mãe está nos ofertando a graça mais requisitada por nosso espirito,dissolvendo tudo que dentro da nossa capacidade humana é impossivel dissolver.
    E isto,sentimos em nosso coração,no mais profundo de nós mesmos.
    E tudo que esta chegando,realmente,é lindo...é a verdade ,é alegria
    além de qualquer emoção.

    Anna

    ResponderExcluir