Seguidores

SE VOCÊ COMPARTILHAR ALGUMA MENSAGEM DESTE BLOG, FAVOR REPRODUZI-LA EM SUA INTEGRALIDADE, CITANDO A FONTE OU INDICANDO O LINK DA MESMA.

14 de set de 2011

ANAEL – 14 de setembro de 2011

Mensagem publicada em 16 de setembro, pelo site AUTRES DIMENSIONS.




Áudio da Mensagem em Francês

Link para download: clique aqui

Eu sou ANAEL, Arcanjo.
Bem amados Filhos da Luz e bem amadas Sementes de Estrelas, que a Paz e o Fogo do Amor inundem seu Coração.

Eu venho a vocês, como Embaixador do Conclave.
Abramos, primeiramente, um espaço de Comunhão e de Consciência Unificada, antes que eu lhes emita minhas Vibrações e as Vibrações que me levam a vocês.

... Efusão Vibratória...

Bem amados Filhos da Luz e bem amadas Sementes de Estrelas, desde a abertura da Porta Posterior do Cristo, muitos humanos começam a viver uma aproximação, uma aproximação com outras Consciências, a deles, aliás, como Consciências que se aproximaram de vocês, o que lhes dá a provar, a viver e a Vibrar contatos que podem, efetivamente, parecer-lhes fora do comum, seja em suas noites, seja em momentos os mais oportunos ou inoportunos, muitos humanos, pelo mundo, vivem estados não comuns.

Desde a abertura da Porta Posterior do Cristo (ndr: Ponto KI-RIS-TI, entre as omoplatas), realiza-se, em vocês, a abertura de múltiplos canais.
Esses canais são, antes de tudo, canais de comunicação.
Canais de comunicação entre esse plano (em que vocês estão) e os planos da Luz.
Esses canais são perceptíveis.
Eles estão, aliás, em alguns casos, em ressonância com estruturas existentes, como o Antakarana, como o canal do Éter ou como as Coroas Radiantes.

As Portas que se revelaram quando da revelação da Luz e que se puseram a ressoar e a Vibrar puderam ocasionar, em vocês, tomadas de consciência e modificações corporais que são completamente reais, completamente inscritas em seu programa biológico, que lhes permitem aproximar-se, sempre mais, do que foi nomeada a Porta Estreita (ndr: Ponto OD da ponta do esterno).

Pode-se dizer que, hoje, na superfície desta Terra, a consciência humana é chamada, de maneira cada vez mais forte, a abrir sua Porta e a receber aqu’Ele que vem propor-lhes a Ele juntar-se.
Esse Anúncio, essa Promessa (realizada, também, pelo que vocês chamam suas Escrituras, em suas partes não falsificadas), leva-os, hoje, a uma revolução Interior, que os chama a manter uma consciência ou a deixar evoluir e instalar-se uma Consciência Nova.

Existe, no Interior de cada consciência humana sobre esse mundo, certo número de modificações.
Essas modificações podem ir ao sentido da tomada de consciência como, também, ao que vocês poderiam chamar uma forma de letargia ou de ausência de consciência, mesmo comum.

O conjunto de sinais biológicos, como da consciência, bem como os sinais da Terra e os sinais presentes em suas diferentes camadas de sociedade fazem apenas traduzir o Apelo do Cristo.

Um Apelo que é, antes de tudo, Vibratório; um Apelo que vem perguntar-lhes se vocês querem Ser, se vocês querem tornar-se a Luz, se vocês querem portar o Cristo, inteiramente, se vocês querem ser Seres de pura Luz.
Esse Apelo é bem real, qualquer que seja sua manifestação, para cada um de vocês.

Ser e tornar-se Cristo?
O simples fato de colocar essa questão à sua consciência vai traduzir-se por modificações de equilíbrio.
Essas modificações de equilíbrio não podem ser mais evidentes para cada um de vocês.
Não podem ser mais evidentes, também, nas diferentes camadas da sociedade.
Elas são, também, evidentes nas manifestações dos elementos da Terra e, também, do Céu.

A humanidade vive, portanto, uma transformação.
Essa transformação concerne, como vocês sabem, à totalidade da humanidade e mesmo àqueles que, de momento, disso não têm qualquer consciência ou não querem ter qualquer consciência.

A Luz vem bater à porta.
Cristo vem chamá-los, um a um, perguntando-lhes se vocês querem segui-Lo, perguntando-lhes se vocês querem imitá-Lo, perguntando-lhes se vocês querem desposá-Lo, a fim de tornar-se Ele, ou seja, enfim, voltar a tornarem-se Vocês, para além da aparência desse mundo.
Isso não vai sem resistência, sem questionamento porque, é claro, esse Apelo não é inofensivo.
Ele não corresponde a um Apelo comum, da vida linear, mas a um Apelo do Extraordinário.
Um Apelo que não volta a tocar – como foi o caso no passado – uma alma específica, mas, efetivamente, o conjunto de almas presentes na superfície da Terra.

Esse Apelo, que ecoa de diferentes maneiras, pela Porta Posterior do Coração (como sobre a Terra, por diferentes sons, perceptíveis em alguns espaços, como as modificações chamadas geofísicas do conjunto do manto terrestre) é, de fato, multiforme, mas tem o mesmo objetivo, a mesma finalidade: colocar-lhes a questão de sua Existência, de sua Unidade.
Essa questão pode ser-lhes colocada de maneira violenta ou silenciosa.
Ela emerge, de qualquer modo, na consciência total da humanidade (no que se poderia chamar a noosfera, ou uma consciência global) que, tal um corpo com suas células, deverá modificar as regras de funcionamento do conjunto de células, reatribuir funcionamentos diferentes para um conjunto de células, mais do que outro.

Voltar a tornar-se KI-RIS-TI, voltar a tornar-se, como lhes disse um dos Anciões, bem antes de mim, transparente de Luz (ndr: intervenção de UM AMIGO, de 14 de setembro, na rubrica «mensagens a ler» de nosso site) é tornar-se, a si mesmo, Luz.
Tornar-se a si mesmo Luz é um estado de Vibração, é um estado de consciência, é um estado específico que lhes foi explicado de diferentes modos.

Hoje, a consciência percebe (tanto na noosfera como no indivíduo) esse sentimento específico que, nesse instante presente, aparece-lhes como uma iminência.
Então, essa iminência, cada um vai traduzi-la de diferentes modos, em sua vivência, em seus sonhos, em seus humores.
Essa iminência tornar-se-á cada vez maior, a cada dia, porque existe, efetivamente, certo número de prazos específicos, ligados tanto à Terra como ao Céu e que devem conduzir ao retorno da Luz.

O retorno da Luz é, para vocês, a ocasião, se tal é sua consciência, para participar de um mecanismo de transubstanciação: passar da lagarta à borboleta.
É claro, o estado de diversas lagartas é profundamente diferente e, no entanto, tanto num caso como no outro, quer a iminência seja vivida ou não, a borboleta deve nascer.
As circunstâncias do nascimento resultam de sua capacidade para acolher o Apelo, para acolher a Luz Cristo, em Unidade, em Verdade e tornar-se esse Apelo.

Tornar-se Cristo é amar.
Amar, bem além dos jogos da pessoa, bem além do amor humano, bem além do que é possível viver e provar como humano.
O que vem é, efetivamente, uma Revolução, bem além de uma Revelação.
Revolução que vem bater à porta da consciência comum, que vem impulsioná-los a viver a Verdade e a Beleza.

Cada consciência humana encarnada, onde quer que esteja sobre esta Terra, onde quer que esteja sua consciência, deve viver esse Apelo do mesmo modo, na mesma intensidade, na mesma Revolução.

Ninguém poderá ali subtrair-se.
O modo de ver a Luz é, obviamente, extremamente diferente, segundo o que sua consciência aquiesce a Cristo ou aquiesce a outra coisa.
Isso nada mudará na qualidade do Apelo.
Isso nada mudará em sua evolução.

Viver Cristo, tornar-se Cristo e ser Cristo é deixar-se consumir no Fogo do Amor, é deixar-se elevar na Vibração do Coração, é esquecer-se, enquanto estão sobre esta Terra, a fim de reencontrar o que vocês são, realmente.

Apreendam, efetivamente, que a Luz não pode, em caso algum, ir contra o livre-arbítrio.
Vocês devem, vocês mesmos, colocar-se além do livre-arbítrio, colocar-se, vocês mesmos, sob a ação da Graça.
É necessário, naquele momento, esquecer-se.
Esse momento da passagem de uma eventual recusa a uma aceitação deve viver-se, para cada um.
A vivência atém-se apenas ao que acontece em seu Ser Interior, mesmo se, é claro, as circunstâncias de vida desse período sejam profundamente diferentes, conforme os lugares da Terra, tudo acontece no Interior, mais do que nunca, eu diria.

As circunstâncias exteriores são apenas aquelas que lhes são aproveitáveis para ter acesso ao seu Ser Interior.
Mesmo se isso possa, antes de mais nada, parecer-lhes em total contradição, porque vocês não têm, ao nível da visão habitual, qualquer possibilidade, antecipadamente, de julgar ou de prejulgar as circunstâncias que vocês vivem.

Ser CRISTO, tornar-se CRISTO é amar e é, sobretudo, não mais julgar, nem vocês nem quem quer que seja, nem o que quer que seja.
É tomar posição ao Centro, tomar posição no Coração, exprimir e manifestar a neutralidade e a Potência do Amor.

O Fogo que se derrama e que vai derramar-se cada vez mais em vocês (em sua estrutura biológica, em suas células, em sua consciência) é o Fogo do Amor.
Somente o fogo do ego poderá chamar a isso diferentemente.

Voltar a tornar-se Cristo, ser Cristo é a Doação total de si, a esse Fogo.
É o Acolhimento e a Doação.
É a neutralidade.
É colocar-se ao Centro de seu Ser, nada mais pedir, nada mais temer.
E, simplesmente, Ser, como eu digo, frequentemente, HIC e NUNC, destacando-se de qualquer futuro, do instante que vocês vivem, destacando-se de todo peso que vem interferir (de seu passado, de seu mental ou do que quer que seja).

Viver HIC e NUNC, Transmutar – ao nível do Coração – em Humildade e Simplicidade é a garantia de que o Fogo do Coração apreendê-los-á, aquecê-los-á e transmutá-los-á porque, em definitivo, nada mais é do que vocês mesmos que vem ao seu próprio reencontro, mas vocês mesmos, para além de toda projeção, de toda ilusão, de toda armadilha e de todo confinamento.

Ser Cristo é viver a passagem da Porta Estreita; é viver o que foi – mesmo falsificado – ilustrado pela vida daqu’Ele que os precedeu no caminho do retorno ao Amor.
Voltar a tornar-se e ser KI-RIS-TI é fazer o silêncio; é não mais ouvir o Canto da Terra e do Céu; é ouvir apenas a Presença de MARIA; ouvir apenas o apelo do Cristo e penetrar, em confiança, na Vibração de Fogo que está aí.
Todo o resto, absolutamente todo o resto revelar-se-á e realizar-se-á sem qualquer esforço, sem qualquer vontade.

O desafio maior para voltar a tornar-se e ser KI-RIS-TI é, justamente, nada fazer, nada querer e deixar trabalhar CRISTO em vocês.
Uma vez que Ele tenha golpeado à sua porta, há apenas que acolhê-Lo, há apenas nada querer e nada fazer.

Então, Ele poderá tomar posse e restituí-los a vocês mesmos.
Então, o mecanismo da Liberação será, para vocês, um mecanismo de êxtase total.
Não haverá mais espaço nem lugar para o que quer que seja mais além da Presença d’Ele, que não é outra que sua Presença.
Mas, para isso, todo o resto não deve mais existir, e isso se realiza e vocês o vivem além do desejo: Aqui e Agora.

Os Pilares que lhes são dados, através do último impulso do Cristo, esses Quatro Pilares (ndr: ver rubrica «protocolos a praticar» de nosso site http://leiturasdaluz.blogspot.com/2011/09/pilares-do-coracao.html), são, indiscutivelmente – mesmo se já lhes foi apresentado e não nomeado assim – o meio o mais seguro de viver e ser KI-RIS-TI.

Humildade, Simplicidade.
Isso concerne tanto à sua atitude Interior como ao seu comportamento exterior, qualquer que seja seu lugar e seu estado.
Mantendo presente na consciência essas quatro palavras: Infância, Transparência, Humildade e Simplicidade (ndr: os Quatro Pilares), como estado, como comportamento e como Atitude Interior, vocês se estabelecerão, então, e vocês deixarão estabelecer-se KI-RIS-TI.

Nós lhes falamos, longamente, da Inteligência da Luz, de sua tripartição, da ativação da Merkabah Interdimensional coletiva.
Nós lhes significamos que o acesso a essa Consciência Unificada ultrapassaria, doravante, o horário atribuído ao seu Alinhamento comum (ndr: de 19 às 19:30h, hora francesa, 14 às 14:30h em Brasília), mas que convém prosseguir, para o conjunto de seus Irmãos e de suas Irmãs e para o conjunto da Terra.

Lembrem-se, nos momentos que podem parecer-lhes sombrios ou penosos, que vocês têm a capacidade, real, de criar, doravante, por sua própria Atenção e Intenção, ao centro da Ética e da Integridade, ao centro de Aqui e Agora, na Humildade e na Simplicidade, as condições de Transparência para viver a Infância e o Nascimento.

A Ressurreição, a Crucificação serão vividas conforme o olhar que vocês derem à sua própria vivência.
Se a confiança em sua Essência, se a confiança na Luz, se a Humildade e a Simplicidade estão presentes em sua consciência, então, CRISTO pode nascer e a Porta ser cruzada.
Não existe qualquer limitação outra que vocês mesmos para viver isso.
Não existe qualquer obstáculo que possa resistir, exceto se vocês o mantém.

Cristo vem, portanto, chamar, a cada um e a cada uma, para viver sua escolha e sua criação.
Em outros termos, há apenas que se manter tranquilo, alinhado e amoroso.

Quando o Apelo tiver ecoado, não poderá existir, em cada um, qualquer dúvida sobre esse Apelo, qualquer possibilidade de ilusão (ligada a qualquer tecnologia ou a qualquer manipulação do que quer que seja) porque vocês viverão a íntima convicção da Consciência da Verdade do que vocês vivem.

A Reconexão é um momento de Graça, na única condição de respeitar os Quatro Pilares.
A confiança deve ser absoluta.
A Luz agirá na mais exata das Ações e das Graças.
Se, quando desse Apelo – que é um apelo preparatório – vocês acolhem, sem pergunta, sem interrogação e sem medo, por sua preparação, por sua capacidade para rememorar-se, naquele momento, da Merkabah Interdimensional coletiva, se vocês se rememoram dos Quatro Pilares e se sua Consciência alinha-se HIC e NUNC, então, vocês voltarão a tornar-se Cristo, na maior das evidências e na maior das Alegrias.

Não há armadilha alguma, de qualquer natureza, que venha da Luz Una.
A única armadilha seria Interior a cada um, em sua própria resistência ou em sua própria interrogação, que não pode subsistir se vocês mantêm consciente, em vocês, a conexão à Merkabah e aos Quatro Pilares do Coração.
Nada mais restará, então, do que fundir.
Todo o resto não deve ser antecipado, nem projetado, nem temido, nem esperado porque, como lhes foi anunciado, a Terra já nasceu em sua Dimensão de Eternidade.
Vocês já estão Liberados de seu confinamento solar, desde quase um ano.
Resta apenas conscientizar-se disso, em Cristo e Inteiramente.

O Fogo do Coração vai nascer, pelo Apelo Posterior e pela Porta Estreita, pela espada de MIGUEL, pela Nova Eucaristia da nova Tri-Unidade, absolutamente, para cada um.
Há apenas, de algum modo, que se ter tranquilo.
O Abandono à Luz realizar-se-á, então, sem que o mínimo elemento desse corpo que vocês habitam, sem que o mínimo elemento de mecanismos do pensamento ou das emoções possa alterar ou modificar seu programa, que lhes é próprio.

A maior parte do que tínhamos a dizer e a criar, nós, Arcanjos, foi cumprida.
Tudo o que vocês tinham a realizar, vocês mesmos, foi realizado.
Tudo está, efetivamente, cumprido.

Muitas coisas vão aparecer-lhes, doravante, como cada vez mais evidentes, quer concirna ao seu estado Interior (seja ele pesado ou leve), quer concirna a esse mundo.

Retenham que, sobretudo, nada há a fazer, mas, apenas, a Ser.

Cristo para nada mais os chama do que para serem Amor e Luz.
E isso se vive fora desse Tempo, parando seu tempo, tanto sobre a Terra como em vocês.

Aí está a mensagem que o Conclave Arcangélico – que se encerra muito em breve – pediu-me para transmitir-lhes.

Se, em relação às minhas proposições, existem em vocês questões, deixarei o Comandante dos Anciões responde-las (ndr: intervenção de O.M. AÏVANHOV, do mesmo dia).

Resta-me dar-lhes a Comunhão de minha Presença e permanecer, em vocês, durante nosso espaço de Vibração e de Alinhamento, em Cristo e no Amor.

Bem amados Filhos de Luz, bem amadas Sementes de Estrelas, eu sou ANAEL, Arcanjo, e eu os amo.

... Efusão Vibratória...
___________________
Compartilhamos estas informações em toda transparência. Obrigado por fazer do mesmo modo. Se você deseja divulgá-las, reproduza a integralidade do texto e cite sua fonte: www.autresdimensions.com.

2 comentários:

  1. A MSG aponta para as modificações ocorridas e que continuam a ocorrer, no sentido de que possamos viver a Consciência Crística, que é o Apelo fundamental destes tempos. Por estas poucas citações, a seguir, observa-se o teor deste conteúdo dos mais libertadores: "Viver Cristo, tornar-se Cristo e ser Cristo é deixar-se consumir no Fogo do Amor, é deixar-se elevar na Vibração do Coração, é esquecer-se, enquanto estão sobre esta Terra, a fim de reencontrar o que vocês são, realmente <> Apreendam, efetivamente, que a Luz não pode, em caso algum, ir contra o livre-arbítrio; portanto, vocês devem, vocês mesmos, colocar-se além do livre-arbítrio, colocar-se, vocês mesmos, sob a ação da Graça <> Voltar a tornar-se Cristo, ser Cristo é a Doação total de si, a esse Fogo <> O desafio maior para voltar a tornar-se e ser KI-RIS-TI é, justamente, nada fazer, nada querer e deixar trabalhar CRISTO em vocês".

    ResponderExcluir
  2. "A Luz vem bater à porta. Cristo vem chamá-los, um a um, perguntando-lhes se vocês querem segui-Lo, perguntando-lhes se vocês querem imitá-lo, perguntando-lhes se vocês querem desposá-lo, a fim de tornarem-se Ele, ou seja, enfim, voltar a tornarem-se Vocês, para além da aparência desse mundo."
    "O que vem é, efetivamente, uma REVOLUÇÃO, bem além de uma REVELAÇÃO. Revolução que vem bater à porta da consciência comum, que vem impulsioná-los a viver a Verdade e a Beleza."
    "O desafio maior para voltar a tornar-se e ser KI-RIS-TI é, justamente, nada fazer, nada querer e deixar trabalhar CRISTO em vocês."
    "Mantendo presentes na consciência essas quatro palavras: Infância, Transparência, Humildade e Simplicidade como estado, como comportamento e como Atitude Interior, vocês se estabelecerão, então, e vocês deixarão estabelecer-se KI-RIS-TI."
    "A Ressurreição, a Crucificação serão vividas conforme o olhar que vocês derem à sua própria vivência."

    Gratidão ANAEL! E a toda Família Cósmica envolvida nesse trabalho de Reconexão e Retorno do CRISTO.

    ResponderExcluir