Seguidores

SE VOCÊ COMPARTILHAR ALGUMA MENSAGEM DESTE BLOG, FAVOR REPRODUZI-LA EM SUA INTEGRALIDADE, CITANDO A FONTE OU INDICANDO O LINK DA MESMA.

11 de ago de 2011

MARIA – 11 de agosto de 2011

DO SITE AUTRES DIMENSIONS.

Eu sou MARIA, Rainha dos Céus e da Terra.
Filhos bem amados, que a Graça seja sua Morada.

Eu venho, com vocês, como eu o havia anunciado, a fim de completar o que lhes foi dado pelo Arcanjo MIGUEL e o Arcanjo METATRON.

Vocês entraram, como o Anjo METATRON anunciou, num período específico da história da humanidade.
Esse período verá a concretização da sede do Amor em vocês, da sede da Verdade.

Assim, é durante esse período que tudo deve Revelar-se, de maneira, por vezes, abrupta e brutal, porque nunca mais o comprometimento poderá existir nesse mundo, porque nunca mais a Ilusão poderá levá-lo sobre o Amor Verdadeiro.

Esse processo que está em obra, esse Retorno da Luz tão esperado e que se revela agora à consciência comum realiza-se, também, em cada um de vocês.

Esse período é, portanto, um período de grande Graça, se é que o Homem, a Mulher, aceita essa Graça.
É o período, também, chamado o face a face, entre agora e a data de nosso próximo encontro formal, em 26 de setembro, em que vocês viverão as Revelações as mais importantes concernentes ao Espírito, concernentes à alma e concernentes, também, ao que vocês são.

Esse face a face, vocês o viverão com uma grande felicidade, uma grande Alegria, uma grande Graça, se aceitam a Transparência, se aceitam os princípios de não julgamento e de Amor, além das aparências de todo condicionamento.
Vocês terão a possibilidade de viver, completamente, a Unidade e a Luz.

Para isso, é necessário manter a calma.
Para isso, é necessário manter, em vocês, a Humildade, a Simplicidade.
É necessário entrar num estado específico de Abandono e de Amor, num estado específico em que é necessário aceitar e aquiescer a tudo o que deve, agora, tomar fim.

O conjunto da humanidade foi conduzido por valores que, estritamente, nada têm a ver com o Amor e com a vida.
Essa época, definitivamente, terminou.

Eu os remeto, nisso, à primeira intervenção que fiz, há agora seis anos, por esse canal, concernente ao valor do dinheiro e o dinheiro do valor, a fim de permitir-lhes, efetivamente, apreender, além da materialidade estrita do dinheiro, o que representa esse valor na dependência e na ilusão e, sobretudo, na falta de Amor da humanidade (ndr: intervenção de 7 de abril de 2005, na rubrica «mensagens a ler» de nosso site).
Tudo isso toma fim.
Seus olhos, seus ouvidos, seus sentidos, por inteiro, vão tomar consciência de um fim.

Esse fim não é o fim da Vida, bem ao contrário, mas, como lhes foi dito, o início da verdadeira Vida, aquela que se estabelece no Amor e na Verdade, na Transparência, na Honestidade.

E lembrem-se, meu Filho havia dito (hoje, isso vai tomar todo seu valor, isso vai tomar toda sua acuidade): «ninguém pode penetrar o Reino dos Céus se não volta a tornar-se uma Criança».
E uma criança vive o instante, vive a inocência, vive a ausência de reação (outra que aquela que é imediata, por vezes induzida por um medo), mas não se estabelece, jamais, na reação, não se estabelece, jamais, no julgamento, não se estabelece, jamais, na separação.

Então, sim, vocês devem voltar a ser como crianças, voltar a tornar-se simples e humildes, em qualquer circunstância, em qualquer ocasião.
O que quer que a vida proponha-lhes a viver, vocês devem ir além de uma compreensão imediata ou de uma incompreensão, porque o que a Vida vai chamá-los a viver, a título individual e coletivo, é, verdadeiramente, destinado a esse face a face, a essa revelação total da Luz.

Ninguém poderá evitar a Luz.
Ninguém poderá evitar viver seu face a face com a Luz.
Isso não é um julgamento, a não ser de vocês mesmos para com vocês mesmos porque, na medida pela qual vocês julgaram os outros, vocês se julgarão a si mesmos.
Essa regra é absoluta.

O Amor não é julgamento, mas ele vem pôr fim, justamente, ao julgamento.
E pôr fim ao julgamento é, justamente, aceitar os julgamentos, quaisquer que sejam, que vocês fizeram.

Então, esse período que se abriu, há alguns dias, é a ocasião inesperada para colocarem-se totalmente às claras, para redescobrirem esse valor, único e essencial, de toda a Vida, mesmo aqui: o Amor.
Porque, sem Amor, vocês nada são.
Porque, sem Amor, vocês não podem viver o Amor.
Porque, sem Amor, vocês não podem esperar o que quer que seja. E é a isso que vocês serão confrontados.

Então, meus Filhos, onde quer que vocês estejam sobre esta Terra, eu lhes peço para, efetivamente, pesar, efetivamente, sopesar o que vocês são.
Não para julgarem-se, aí tampouco, não para condenarem-se, mas, bem mais, para voltarem-se, de maneira definitiva, para a Luz Branca, para CRISTO, para esse período chamado Ascensão e que encontra seu resultado nos sinais dos céus e da Terra, nos sinais presentes em suas estruturas físicas, em sua consciência e que vão, agora, estourar ao grande dia.

A hora chegou de fazer o Dia.
A hora chegou de fazer a Paz.
Mesmo se, para isso, seja necessário passar por uma revolução, mesmo se, para isso, seja necessário passar por gritos e sofrimentos.
Porque, para o ser humano, alguns de vocês passam por sofrimentos, para encontrar a Verdade, para encontrar o Caminho e a Vida.
Outros se estabelecerão, de imediato, nessa Alegria, nessa Verdade, nessa Vida.

É importante que vocês permaneçam o mais neutro e o mais Amor possível.
Retenham, também, o que lhes disseram minhas Estrelas, os Anciões e os Arcanjos: vocês não podem ser grandes aqui e grandes na Luz.
Isso necessita não punir-se, não flagelar-se, mas, verdadeiramente, ter consciência do que é essencial nessa frase.

Vocês devem, efetivamente, morrer para si mesmos, para renascer no Amor.
Tudo o que não é o Amor deve morrer, tanto em vocês como nesse mundo, inteiramente.
E é o que acontece agora.

Então, é claro, nós festejaremos, juntos, em comunhão, vocês todos que me seguiram, vocês todos que vão me seguir, vocês todos que vão compreender que nós queremos apenas o Amor e o Bem, para o conjunto da humanidade.
Que jamais haverá outro julgamento como o olhar separado da consciência, como o olhar de seu próprio mental e como de suas próprias adesões a dogmas falsificados, corrompidos, que preconizam o Amor, mas que não são o Amor.

Há apenas um Amor: aquele da Verdade e aquele da Alegria.
Aquele da equidade.
Aquele da Unidade.

Então, durante esse período, todas as máscaras devem cair, sem qualquer exceção.
Esse período é muito curto porque, por sua assiduidade, por seu trabalho e por seu Abandono, vocês criaram as circunstâncias propícias para uma revelação muito mais na suavidade do que os profetas haviam anunciado nos tempos antigos.
E, no entanto, é necessário viver esse período, mesmo durante uma condensação de tempo que nada mais tem a ver com algo que se estende e que dura.

Há, de fato, uma fulgurância que aparece agora.
Essa fulgurância, cabe a vocês vivê-la, o melhor possível.
Retenham, também, que isso depende apenas de vocês e unicamente de vocês.
Nenhuma circunstância exterior poderá modificar o que vocês vão viver, vocês, de maneira individual, ao mesmo tempo estando nesse coletivo.
Isso compete a vocês.
E vocês vão, verdadeiramente, como foi dito, colher o que semearam.
E vocês não vão colher outra coisa que o Amor que vocês semearam.
E da quantidade desse amor que vocês semearam, vocês colherão o mesmo Amor, multiplicado.
Todo o resto é apenas ilusão.
Todo o resto é apenas condenação que foi mantida pelo medo.
O único medo será o seu.
O único medo será o que o ego terá conseguido imiscuir em vocês e manter em vocês, apesar da revelação da Luz.

Deem um passo para a Luz.
Deem um passo para Ele.
Ele dará, doravante, cem passos para vocês.
E isso não pode ser diferentemente, porque, como o Amor poderia julgar?
Como o Amor poderia condenar?
É aí que vocês devem apreender que muitas coisas, em nome do Amor, foram, de fato, apenas a negação do Amor e a traição do Amor.
Mas isso não é para julgar, porque se produziu, também, em cada ser humano, do mesmo modo que o que seus olhos e sua consciência podem ver no exterior.

Então, não é mais tempo de manter lamentações.
Vocês têm algumas semanas, antes que comunguemos juntos, em 26 de setembro (ndr: intervenção de segunda-feira, 26 de setembro de 2011, às 11 horas, hora francesa – 6 horas em Brasília).
E, naquele dia, nós seremos inumeráveis, com vocês, a Elevar o Canto do Amor, a fim de que o reino do Amor seja estabelecido, para sempre, tanto nessa Dimensão como em todas as Dimensões a vir.
É aqui que se realiza esse trabalho.
É aqui que se realiza, em vocês, nessa carne, o trabalho da Ascensão.
E ele se realiza agora.
Ele se finaliza agora.
Então, coloquem-se às claras.
Não hesitem mais em ir para o Amor.
Nada deve retê-los além do Amor e da Verdade.
Nada deve impedi-los de deixar essa Alegria e esse Amor tomá-los, apreendê-los, Transfigurá-los e Ressuscitá-los, porque é o que vocês são.
Todo o resto é ligado apenas à dependência, aos medos, que não têm qualquer consistência diante da potência do Amor.

Cabe a vocês decidir, cabe a vocês escolher entre o medo e o amor, mas vocês não podem pretender ser e viver o Amor se exprimem o medo pelo que quer que seja (seja por esse corpo, seja por um próximo, seja por sua profissão, seja pelo dinheiro), porque tudo isso vai desaparecer, inteiramente.

Então, o que eu lanço é um apelo para a última preparação, antes que meu Anúncio ecoe num momento que nem mesmo o Pai conhece a data.
Mas esse momento é iminente.
Não duvidem.
Haverá sinais sobre a Terra; haverá sinais nos Céus, assim como São João havia exprimido.
E esses sinais chegam, agora, tanto sobre a Terra como nos Céus e em vocês, é claro, porque o Amor é chamado a crescer e a estabelecer-se de maneira definitiva.

No Fogo desse Amor tudo é queimado.
No Fogo desse Amor o medo não pode mais existir, de maneira alguma.
Se o medo chega e se o medo manifesta-se e apresenta-se é que, em vocês, restam ainda zonas não transparentes, não iluminadas.

Então, aceitem confiar na potência do Amor, para que ele os restitua à sua Transparência, à sua Unidade, à sua Existência e, sobretudo, permita-lhes sair, completamente, de toda projeção existente nesse mundo.

Em 26 de setembro, por esse canal, eu tomarei a palavra, após um tempo de silêncio, para que METATRON, MIGUEL e, eu diria mesmo, o conjunto de tudo o que é a Luz Vibral, de todas as suas partes, de todas as suas parcelas, de todos os seus constituintes, comuniquem-se, então, com vocês, por intermédio do Conclave Arcangélico, por intermédio da Irradiação da Fonte, por intermédio da Irradiação do Sol e da Terra, reunidas, por intermédio dos 24 Anciões e do conjunto de Estrelas, assim como de todas as Forças que eu não posso nomear, tão importantes são.

Naquele momento, vocês terão realizado um caminho importante para a Luz.
Vocês terão percebido, em consciência e em Verdade, o peso da ilusão de que vocês serão desembaraçados.
Vocês terão reencontrado, como foi dito, sua humanidade e seu Amor, porque tudo o que tiver caído, naquele momento, será, de algum modo, pesos a menos, entraves a menos para manifestar o Amor.
Então, vão ao sentido do que vem.
Vão ao sentido dessa Verdade, porque é a única.
Todas as outras são apenas verdades efêmeras que foram instruídas e mantidas e criadas pelo medo, quaisquer que sejam.
Vocês não são seres de medo, vocês são seres de Amor.
Mesmo se sua vida tenha demonstrado, até o presente, o contrário, mas tudo isso terminou, completamente.

Então, vocês devem ter fé.
Vocês devem ter coragem.
É necessário Abandono.
É necessária uma Humildade.
Vocês devem viver o Amor e ser penetrados pelo Amor.
CRISTO vem para isso.
A Espada de Verdade vai perfurá-los.

Então, para nada serve fugir, porque não haverá lugar algum para onde fugir, vocês não podem fugir de si mesmos, porque vocês são seres de Eternidade.
Vocês não podem pôr-se ao abrigo da Luz.
Vocês podem apenas aceitar que a Luz faça de vocês o que vocês são e faça, inteiramente, desaparecer o conjunto de medos, mesmo se o coletivo manifestar, é claro, elementos que, à primeira vista, possam parecer-lhes terríveis, mas nada há de terrível no Amor.
É justamente apenas a ausência de Amor que se elimina de modo terrível.
Tudo o que é Amor será cultivado.
Tudo o que for Amor estabelecer-se-á, inteiramente.
Não há qualquer dúvida, não há qualquer possibilidade em relação a isso.

Aí está o que eu tinha a dizer-lhes.
Minhas palavras serão muito claras.
Eu voltarei, certamente, durante esse período que nos separa de nosso encontro formal, uma ou duas vezes, sem dizer-lhes, simplesmente, para desenvolver o que vocês estão vivendo em função dos eventos, tanto Interiores como exteriores.

Então, eu abro, agora, com vocês, um espaço de comunhão pela palavra, para que, se existem, em relação a esse período, elementos importantes que lhes pareçam não respondidos, eu possa responder.
Mas que essas questões concirnam ao conjunto de Irmãos e de Irmãs e não à sua pequena pessoa.

Então, meus Filhos bem amados, eu escuto, com atenção, o que vocês têm a perguntar-me.

Questão: qual é o papel das Embarcações que se pode ver no céu, à noite?

Meu Filho, como já foi anunciado, pelo Arcanjo MIGUEL, no ano passado, em setembro, ele havia dito que o conjunto de Embarcações da Confederação Intergaláctica aproximava-se de sua Dimensão.
É claro, as Embarcações chamadas Mãe, nas quais estou, não podem aproximar-se demasiado de sua Dimensão sem efeitos devastadores, porque o afluxo de Luz seria demasiado importante.

Existe, na Confederação Intergaláctica dos Mundos de Luz, certa variedade de seres.
Alguns são chamados os Anjos do Senhor ou Anjos da Transição.
São eles que se manifestam, de maneira privilegiada, desde o mês de setembro, por diferentes ondas, em diferentes lugares e que respondem à noite à sua saudação e à sua consciência.
São os Anjos do Senhor.

Esses Anjos do Senhor têm-se prontos.
Eles têm um papel específico no que está estabelecendo-se e nos momentos em que alguns corpos ou algumas consciências tiverem necessidade de ser conduzidos e aportados a outros lugares, a múltiplos lugares.
Isso não concerne, é claro, ao conjunto da humanidade.
Mas a presença deles assinala o retorno da Luz e estabiliza, de algumas maneiras que lhes são próprias, segundo sua origem, energias Vibratórias específicas da Luz.

Assim, a presença deles é o testemunho e o marcador de sua intervenção a vir.
É claro, além dos Anjos do Senhor existem outras formas de Luz que vêm em seus Céus, da Luz Unificada, de diferentes povos que estão aí para, eles também, participar do momento vindo, para o que está revelando-se de maneira final.

Mas observem que, se vocês são observadores, vocês poderão saudar essas Embarcações e elas lhes responderão sempre por uma luz.
Elas aproximam-se, progressivamente, desse Plano.
Elas percorrem a atmosfera desse mundo.
Elas cruzaram as últimas etapas de aproximação.

De momento, não se trata sempre de Embarcações que vocês chamam Mãe, mas, geralmente, de cápsulas individuais ou de Embarcações que podem conter, por sua dimensão reduzida, apenas poucas almas.
Mas as coisas estão mudando.
Elas participam da revelação da Luz ao seu modo, por sua presença.
Do mesmo modo que, pela presença de vocês, aqui, sobre a Terra, vocês realizam também, à sua maneira, o retorno da Luz.

Questão: quando do impacto da Luz, qual proporção da humanidade transladará?

Minha Filha bem amada, a totalidade da humanidade viverá o face a face.
Cada um irá, como foi dito, para onde o leva sua Vibração.
Alguns de vocês estão mais leves do que outros.
Alguns de vocês estão prontos para reviver a Unidade, inteiramente.
Outros não estão prontos, porque sua alma está sempre voltada para a atração da matéria.
Isso não é condenável em si, mas esse face a face concerne ao conjunto da humanidade.
Mesmo os seres que manifestarem todas as formas de violência, eles também são referidos por essa translação.
Não existe forma alguma de vida que seja esquecida.
É o conjunto da humanidade que vive o retorno da Luz, sem qualquer exceção.

Questão: qual diferença há entre o fato de Desposar ou de Viver a Luz?

O fato de Desposar quer dizer que, em algum lugar, antes de Viver a Luz, vocês constatam que algo de exterior a vocês (é o ponto de vista da lagarta), como uma borboleta que chega, e que essa borboleta nada mais é do que você mesmo.
Naquele momento, vocês Desposam a borboleta.
Mas existem lagartas que viveram uma preparação mais intensa do que outras e sabem que já são borboleta.
Elas nada têm, portanto, que Desposar, porque isso já está no interior delas.
Mas o resultado é o mesmo: é a Revelação da Luz.

Questão: que acontece com a lua, nesse momento que emite claridades específicas?

Meu Filho, todos os Céus modificam-se: o brilho das estrelas, o lugar das estrelas, o lugar do Sol e da Lua.
Todo o céu será invertido.

A Luz chega e revela-se.
Muitos de vocês começam a vê-la aparecer não mais, unicamente, sob forma de descida ou de viagem de Partículas Adamantinas, mas nuvens de Luz estão presentes.

Então, isso se traduz, é claro, por esses sinais no Céu e esses sinais sobre a Terra, que são apenas suas primícias em relação à intensidade do que serão dentro de algumas semanas.

Então, sim, é claro, é apenas a Ilusão que desaparece e não a Vida.
Então, os Céus modificam-se e a Terra modifica-se.
É a Libertação.
Quando vocês colocam seu olhar no Céu (seja o olhar dos olhos, seja o olhar Etéreo ou o olhar do Coração), a mesma coisa vai aparecer, ou seja, a iminência do que está acontecendo.

Questão: as Almas que deixaram esse plano há algumas semanas têm a possibilidade, hoje, de juntar-se, diretamente, ao seu Corpo de Existência ou há, efetivamente, outras etapas?

Então, tudo depende das Almas, mas as Almas que deixaram esse corpo estão totalmente liberadas, já desde mais do que numerosas semanas.
Agora, algumas Almas juntam-se ao Espírito e à Unidade imediatamente.
Outras estão, em algum lugar, em trânsito, a fim de acolhê-los e de viverem, juntos, essa Liberação.
Mas mais nenhuma Alma será confinada.

Não temos mais perguntas. Agradecemos.

Meus Filhos bem amados, Irmãos e Irmãs de Espírito, eu voltarei, portanto, a falar-lhes, mas dou-lhes, além de minhas palavras, encontro para essa Comunhão que será uma Celebração, em 26 de setembro, na hora que lhes foi dada por METATRON.

Naquele momento, estaremos reunidos durante uma hora e meia de seu tempo terrestre.
A primeira hora realizará o que vocês realizam, já, a cada dia, às 19 horas [14 horas em Brasília], aqui e em outros lugares.

Mas essa Comunhão não se referirá, unicamente, à Luz Vibral (Reunida em sua Tri-Unidade, redesenhada), mas nós realizaremos, juntos (bem além desse plano humano) a Nova Aliança, Aliança de Fogo, Aliança do Amor.

Nós estaremos, portanto, juntos, vocês e nós, no Silêncio, durante uma hora, e eu tomarei a palavra na sequência dessa Celebração.
Esperando que o melhor do Amor desdobre-se para vocês e desenrole-se para vocês.

O conjunto das Estrelas e eu mesma propomos, imediatamente, agora, um momento de Comunhão.
Esse será meu modo de antecipar a Celebração de 26 de setembro.

Então, todas as minhas Bênçãos seguem-nos e estão em vocês, porque eu estou em vocês.

Eu lhes digo, portanto, até muito em breve.

... Efusão Vibratória...

Eu os Amo, a todos, sem que haja a mínima exceção possível, com o mesmo Amor.

Até breve.
______________________________________________
NDR: a próxima intervenção de segunda-feira, 26 de setembro de 2011, às 11 horas – 6 horas em Brasília, desenrolar-se-á, portanto, em dois tempos: de 11 às 12 [6 às 7 em Brasília], intervenção Vibratória conjunta de MIGUEL, CRISTO e MARIA (e do Conclave Arcangélico, da Assembléia dos Anciões, das Estrelas). Depois, de 12 às 12:30h [7 às 7:30h em Brasília], intervenção «Verbal» de MARIA.
_______________________

Compartilhamos estas informações em toda transparência. Obrigado por fazer do mesmo modo. Se você deseja divulgá-las, reproduza a integralidade do texto e cite sua fonte: www.autresdimensions.com.

Versão do francês: Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com

8 comentários:

  1. Amor incondicional de Mãe do Céu, retratado nessas palavras de Maria. Eu também sinto que todas as mensagens que eu leio, de Maria, dos Arcanjos, dos Anciões e das Estrelas, parece ganhar força em Espírito, quando as leio, sinto um fluxo saindo de mim para o Éter ao redor, deve ser esta a linguagem de fogo, ou o verbo se torna carne. Um abraço a todos.

    ResponderExcluir
  2. Para quem tem sede do Amor e da Verdade, não poderia se sentir mais contemplado, diante do que prenuncia esta MSG tão aguardada. Toda ela aponta para o ápice esperado. Representando todas maravilhas enunciadas, e que foram generosamente abundantes, destaco aqui este seguinte e expressivo texto: "A hora chegou de fazer a Paz. Mesmo se, para isso, seja necessário passar por uma revolução, mesmo se, para isso, seja necessário passar por gritos e sofrimentos. Porque, para o ser humano, alguns de vocês passam por sofrimentos, para encontrar a Verdade, para encontrar o Caminho e a Vida. Outros se estabelecerão, de imediato, nessa Alegria, nessa Verdade, nessa Vida".

    ResponderExcluir
  3. Thanks Célia pela tradução.....Maria falou e disse ..é nóis rsrsrsrsr e vamos p/ fiesta rsrsrsr
    abs festivos

    ResponderExcluir
  4. "Então, meus Filhos,onde quer que vocês estejam sobre esta Terra, eu lhes peço para... voltarem-se, de maneira definitiva, para a LUZ BRANCA, para CRISTO, para esse período chamado ASCENSÃO e que encontra seu resultado nos sinais dos céus, da terra, nos sinais presentes em suas estruturas físicas, em sua consciência e que vão agora estourar ao grande dia."
    "A hora chegou de fazer o Dia.
    A hora chegou de fazer a Paz."
    "Vocês têm algumas semanas, antes que comunguemos juntos, em 26 de setembro. E naquele dia, nós seremos inumeráveis, com vocês, a Elevar o Canto do Amor, a fim de que o REINO DO AMOR SEJA ESTABELECIDO, PARA SEMPRE, tanto nessa Dimensão como em todas as Dimensões a vir.
    É aqui que se realiza esse trabalho. É aqui que se realiza, em vocês, nessa carne, O TRABALHO DA ASCENSÃO.
    Ele se realiza agora.
    Ele se finaliza agora."

    Irmãos, vivamos esses momentos no Amor, com Fé, Coragem, Abandono, Humildade e Simplicidade.
    AVANTE!

    ResponderExcluir
  5. Amados irmãos: não vamos nos apegar as msgs q falam em catastrofes, vamos sim nos apegar as palavras de Miguel e de Maria, pois trazem alento ao nosso coração, na certeza de que realmente estamos protegidos pelo verdadeiro Amor. Ressalto essa parte do texto de Maria: "Esse fim não é o fim da Vida, bem ao contrário, mas, como lhes foi dito, o início da verdadeira Vida, aquela que se estabelece no Amor e na Verdade, na Transparência, na Honestidade".
    Luz Cristica a todos!

    ResponderExcluir
  6. Fim da ilusão. Supremacia do Amor, da Verdade. Estabelecimento total do Amor,Verdade,Tranparência e Honestidade, elementos que só o Espírito É, pois humanamente vivemos o oposto."Não haverá lugar algum para onde fugir". Aceitemos a Luz. Temos um Encontro marcado para o dia 26/09.Vitória. Enfim,Unidos...

    ResponderExcluir
  7. Bom Dia Amada Irmã Célia!

    "A primeira hora realizará o que vocês realizam, já, a cada dia, às 19 horas [14 horas em Brasília], aqui e em outros lugares".
    Quando a Mãe pede realizemos acima o que já realizamos às 14:00 horas, ela se refere que fiquemos apenas em estado de recepção ou além de estado de recepção pratiquemos os protocolos?
    Estou em dúvida.

    ResponderExcluir
  8. Em simples recepção.
    E, como disse Metatron, na mensagem de 7 de agosto, lúcidos e na alegria.
    Atenção e Consciência portadas no Coração e no portal KI-RIS-TI.

    ResponderExcluir